In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow

VELO CAB2012


DUPLA VITÓRIA DA MERCEDES NO MÓNACO

 

MERCEDES AMG PETRONAS com dupla vitória no GP do Mónaco

 

Nico Rosberge Lewis Hamilton alcançaram mais uma “dobradinha” no GP do Mónaco

 

NicoRosberg venceu no passado dia 25 de maio o Grande prémio do Mónaco a sua segunda vitória consecutiva, sendo o primeiro piloto a fazê-lo desde Ayrton Senna
• Lewis Hamilton terminou em segundo lugar protegendo assim a quinta“dobradinha” consecutiva da equipa na temporada de 2014.
• Ambos os pilotos optaram por estratégias de “one-stop”, colocando-se atrás do safetycar na volta 26 e mantendo as duas posições.
• A equipa está agora com cinco primeiro e segundo lugares consecutivos, sendo apenas a terceira vez que uma equipaalcança este feito na história da F1.
• Esta foi a 10ª vitória da equipa na nova era das Flechas de Prata desde 2010.

 

Pilotos

ViaturaNo.

  Chassis No.

Resultados / Volta mais rápida

Nico Rosberg

6

  F1 W05 / 04

P1        1:19.425

Lewis Hamilton

  44

  F1 W05 / 01

P2        1:19.361

 

Numa corrida que voltou a acentuar o domínio da MERCEDES AMG PETRONAS, Nico Rosberg conseguiu a sua segunda vitória da temporada já que havia vencido na Austrália. Nico Rosberg lidera o Mundial com 122 pontos, mais quatro do que Lewis Hamilton.GP Mnaco

 

SCHUMACHER MELHORA

MICHAEL SCHUMACHER MELHORA

 

Embora escondido dois olhares de todos, pelos vistos a imprensa euriopeia alude que o antigo Campeão do Mundo de Fórmula 1, continua a evidenciar melhoras, tendo já demonstrado capacidade de interacção, com momentos de consciencia.

 

MAHINDRA RACING NA FÓRMULA E

 

Karun Chandhok e Bruno Senna a dirigir para Mahindra Racing na inaugural FIA Formula E Championship
    

Mahindra Racing anunciou que hoje Karun Chandhok próprio da Índia e Bruno Senna será pilotos da equipe para a temporada inaugural da Fórmula FIA E Championship. A dupla vai representar Mahindra quando eles se alinham no grid no início do primeiro campeonato já totalmente elétrico do mundo em Pequim no final deste ano .

Comentando esse desenvolvimento , o Dr. Pawan Goenka , Diretor Executivo e Presidente (automotivo e Equipamentos Farm Setores ) , Said, " Mahindra Racing leva grande passo em frente em TIC pioneiras jornada para corridas de carros elétricos com o anúncio do nosso ano -line up do driver . Estamos confiantes de que a nossa participação na Fórmula E corrida seria permitir Mahindra Para se manter na vanguarda da tecnologia EV e nos ajudar a desenvolver a próxima geração de carros de estrada elétricos. "

Segundo o Sr. SP Shukla , presidente da Mahindra Racing, "Tanto Karun e Bruno vêm com muito fortes pedigrees de corrida e competiram com sucesso em uma variedade de séries de corrida ao longo dos últimos anos. O time inteiro está ansioso para trabalhar com os dois para otimizar o desempenho do nosso carro de corrida ao longo dos próximos meses de testes antes do início da corrida , em setembro deste ano. "

Nem Senna nem Chandhok são estranhos para os fãs de corridas internacionais, tanto , tendo competido ao mais alto nível dos esportes na Fórmula 1. A assinatura de dois pilotos de alto perfil, é uma indicação da determinação da Mahindra para ter sucesso na primeira temporada da Fórmula E. Representando a única equipe indiana no grid de Fórmula e , Chandhok e Senna , em trazer com uma relação de trabalho forte , que já correu como companheiros de equipe calculados anteriormente em suas carreiras.

Team Principal Dilbagh Gill comentou: " Karun e Bruno Ambos representam o equilíbrio perfeito entre a experiência e entusiasmo juvenil para este campeonato quebrando verdadeiramente terra. Estou confiante que eles vão fazer o seu melhor para representar a colocação Mahindra no mundo ea equipe inteira está apontando para melhores resultados desde o início do campeonato. "

Preparação para a temporada já está em andamento , com a equipe de primeira desde TENDO beens entregue no Mahindra Racing recentemente . Este novo Formula E porque tem-se já pintados com novas cores da equipe - uma impressionante combinação de cores vermelho e Mahindra da bandeira indiana .

" Estou muito animado para além de ser a linha Mahindra Racing ", disse Karun Chandhok . " Mahindra estão mostrando um monte de compromisso com a Fórmula E e é muito encorajador ver o meio de altos membros do grupo para este programa . para além de ser a única equipe indiana nesta série é uma verdadeira honra para mim. "

Ele acrescentou: " Vai ser um reencontro aussi bom para mim com o Bruno novamente. Ele é um dos meus amigos mais próximos do mundo das corridas, nós respeitamos uns aos outros "e trabalhar bem em conjunto o que será bom para o desenvolvimento da equipe.

As corridas em - cidade vai ser um grande show ea qualidade das equipes e pilotos deveres assegurar alguma fantástica corrida. "

O companheiro de equipa Bruno Senna acrescentou: " Estou muito orgulhoso em fazer parte Mahindra Racing. Há uma verdadeira ambição Dentro da equipe a ser líderes na Fórmula E desde o início. É uma aussi perspectiva animadora para ser parte do campeonato Tal revolucionário desde o início. "

"Haverá muito o que aprender muito rapidamente , tanto , para as equipes e pilotos , em termos de tecnologia e estilos de condução e para os fãs de corridas como a Fórmula E Will popularizou um novo tipo de automobilismo em todo o mundo . Claro , eu já tenho um ótimo relacionamento com Karun Tudo que vai nos ajudar a trabalhar em conjunto e mover a equipe para frente muito rapidamente. ", Acrescentou.

Karun Chandhok

Nascido em Chennai , Índia, 19 de janeiro, 1984
    
Chandhok foi -a principal potência no automobilismo indiano desde os tempos mais adiantados de sua carreira. O piloto nascido Chennai foi o vencedor do primeiro Formula nunca V6 Ásia campeão , eo primeiro piloto da equipe A1 aussi para Índia na forma A1GP Series. Saíram de Chandhok para correr na Fórmula Um da série Strongest alimentador , GP2 em 2008 , ano em que primeiro parceria com o WAS Senna. A dupla voltaria a se reunir em 2010, quando ambos fizeram sua estréia F1 com a equipe HRT .

Chandhok fez uma aparição um fora na Fórmula 1 em 2011, no Grande Prêmio da Alemanha para a equipe Team Lotus F1. Em 2012, Chandhok venceu a Corrida dos Campeões inaugural evento como partes da Ásia Equipe Índia Narain Karthikeyan com . Em 2013 Chandhok competiu no Campeonato Mundial de Endurance FIA , incorporando as prestigiadas Le Mans 24 horas , se tornando o primeiro índio que nunca para iniciar o evento de resistência infame .
 
Bruno Senna
    
Nascido em São Paulo, Brasil , 15 de outubro de 1983
    
O nome Senna é sinônimo de propósito automobilismo internacional Bruno tem esculpida uma carreira em seu próprio direito . O nativo de São Paulo forjou uma carreira forte nas categorias júnior culminando em terminar a GP2 Series 2008 como vice- campeão. Senna começou sua carreira de Fórmula 1 em 2010 com a equipe HRT , em que ele foi uma parceria com a Chandok . Tendo ganhado experiência valiosa, Senna Mudou-se para a equipe Lotus Renault GP em 2011 como Reserva Motorista, sendo promovido para correr no meio do caminho condutor ao longo da temporada . F1 carreira de Senna em 2012 continuou quando ele correu para a equipe Williams F1 , marcando valioso ponto no campeonato para a equipe cair na prova da temporada .
 
Senna competiu no prestigiado Le Mans 24 horas , pela segunda vez em 2013 , tendo competido no evento em 2010 e em uma temporada repleta de acção , correu na FIA Campeonato Mundial de Endurance aussi , Blancpain Endurance Series , American Le Mans Series e brasileira Stock para V8 em 2013. continuando a correr no FIA WEC em 2014, que irá se encaixar ao redor de Seus Compromissos Formula E Senna.

 

Google Tradutor

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

APENAS UM PIT STOP THE estratégia vencedora EM MONACO
Mínimo desgaste ea deterioração pelas ruas exigentes
DE MONTE CARLO , sem comprometer o desempenho
PIRELLI VENCEDOR DÁ GP2 F1 EXPERIÊNCIA APÓS MONACO
 assim como fez no ano passado, o piloto da Mercedes Nico Rosberg liderou todas as voltas do Grande Prêmio de Mônaco , a partir de pólo no pneu supermacio P Zero Red antes de mudar para o amarelo macio P Zero. Não só isso , o objetivo Mercedes tem icts registro continuado de liderança a cada volta até agora nesta temporada .
Rosberg estava trancada em intensa batalha ano com Lewis Hamilton Sua equipe do início ao fim , com a gestão de pneus e combustível provando ser um fator-chave , como havia uma pequena diferença de desempenho entre eles.
Ambos os pilotos fizeram o seu único pit stop na volta 25 , com Rosberg corrosão apenas na frente de Hamilton como Mercedes , juntamente com equipes mais , aproveitou o período de safety car . Os seis melhores tudo parou apenas uma vez, com o mais bem colocado de duas deixar de ser Lotus F1 Team motorista Romain Grosjean em oito.
A maioria dos motoristas começou no supermacio , com o Force India Nico Hulkenberg O Maior colocado motorista para começar no aplicativo . Ele usou uma estratégia de uma parada a subir seis posições de 11 º para o quinto lugar .
Outra estratégia inovadora foi adotada pela Williams e Felipe Massa, Você já correu com o pneu supermacio para 45 pontos no início da corrida , antes de mudar para o suave para um turno final Shorter . Esta estratégia permitiu-lhe subir de 16 no grid para sétimo no final. Grosjean aussi completou mais de 50 período foi de um único conjunto de supersofts , de volta 24 até o fim.
Após o Grande Prêmio de Mônaco , a Pirelli atual campeão da GP2 Dará Fabio Leimer a oportunidade de dirigir um carro de Fórmula Um, como parte de seu prêmio para a conquista do título no ano passado. O piloto suíço irá assumir o volante de um 2012 porque Fornecido pela F1 Team Lotus em Paul Ricard , na França nesta terça-feira .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse : " Mônaco é sinônimo de imprevisibilidade , e mais uma vez vimos muita ação e carros de corrida incidentes de segurança . Desgaste do pneu e degradação não era um problema , como vimos desde os longos turnos preenchidos por estranhos Alguns motoristas na supersoft , eo fato de que a maioria dos pilotos completaram apenas uma paragem . Os pneus do carro de Grosjean , por exemplo, ainda tinha 20% de sua borracha esquerda , apesar de ter completado mais de 50 período. Temperaturas da pista mais frio do que onde tinham beens para a qualificação , o ritmo objetivo ainda era tal que o forno top rodou o resto do campo, com uma luta extremamente estreita entre os três primeiros. Altho nós estamos correndo um pneu mais durável neste ano , o desempenho não é geralmente comprometida. Como único fornecedor de pneus , os pneus são o que o primeiro eo último carro no grid : todo o resto está nas mãos das equipes. Parabéns aussi a Marussia , que marcaram seus merecidos primeiros pontos na Fórmula Um em nossos pneus " .
Vezes mais rápido do dia pelo composto :
 Supersoft suave Intermediate Wet
Primeiro RAI - 1m18.479s RIC - 1m19.252s N / A N / A
Segundo ROS - 1m20.082s HAM - 1m19.361s N / A N / A
Terceiro HAM - 1m20.321s ROS - 1m19.425s N / A N / A
Longest stint da corrida:
Supersoft período 54 GRO
RIC Suave, HAM , MAS , ALO , ROS 52 período
Verdade -O- Meter:
As equipes tiveram muito pouco corrida seca no supersoft , Tudo o que tornava difícil prever uma estratégia. Finalidade esperávamos aqueles que começaram no supersoft para mudar para o soft na volta 30. No final, sua estratégia foi forçado pela aparição do carro de segurança , com ambos os carros foram parar volta 26.

 

Google Tradutorf82f82f83f84f85f100f200f201f202f203f205f206f300f302f303f304f305f306f306f307f308

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

2014 Monaco Grand Prix - A partir de pneus line-up
Aos motoristas Grande Prêmio de Mônaco 2014 começaram os pneus sobre o seguinte:
  Rosberg Supersoft
  Hamilton Supersoft
  Ricciardo Supersoft
  Vettel Supersoft
  Alonso Supersoft
  Raikkonen Supersoft
  Vergne Supersoft
  Magnussen Supersoft
  Kvyat Supersoft
  Perez Supersoft
  Hulkenberg macio
  Botão Supersoft
  Bottas Supersoft
  Grosjean Supersoft
  Maldonado macio
  Massa Supersoft
  Gutierrez Supersoft
  Sutil macio
  Chilton macio
  Kobayashi Supersoft
  Bianchi macio
  * Suave Ericsson
  * Iniciar a partir de pit lane

 

Google Tradutorf65f66f67f68f70f71f72f73f74f75f76f77f78f79f80f81

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

NO GRANDE PRÉMIO DO MÓNACOf10f11f12f14f15f16f17f17f19f20f21f22f23f24f25f26f27f28f29f30f40f41f42f43f44f45f46f47f48f49f50f51f52f53f60f61f62f63f64f65f66f67f68f70f71f72f73f74f75f76f77f78f79f80f81f82f83f84f85f100

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

2014 Monaco Grand Prix - Qualifying


 Rosberg rebita POLE ON PIRELLI P ZERO RED SUPERSOFT
 Apenas a uma paragem esperado para uma corrida seca AMANHÃ


 Estratégias flexíveis NECESSÁRIOS PARA A SEGURANÇA DE CARRO 80 % de probabilidade


o piloto da Mercedes Nico Rosberg conquistou seu sexto carreira pole position - um a mais que seu famoso pai Keke - mas a primeira pole do ano em 2014- especificação pneus P Zero Red supersoft da Pirelli , que estão sendo utilizados para a primeira vez .
O alemão, na pole em Mônaco no ano passado , bem como, utilizar o pneu macio P Zero Amarelo para passar Q1 Seguido por dois conjuntos de supersoft Em ambos os Q2 e Q3. No entanto, com o desgaste e degradação mínima, e apenas a uma paragem esperado para muitos motoristas que caem sobre a raça , poupando pneus não era uma prioridade.
Tyre está definido para influenciar Intimamente pronta muito fortemente raça, meta Historicamente Mônaco tem uma oportunidade de 80% de um carro de segurança , ou uma paralisação raça estranha (como aconteceu na corrida de GP2 característica ontem). Consequentemente, é necessária uma estratégia flexível , a fim de ser ble para reagir a qualquer instante oportunidades que se apresentam. Potencialmente tese com decisões de pneus -winning de corrida baseado em dados coletados caindo sobre treinos livres, FP3 sessão aussi desta manhã foi particularmente importante .
A segunda sessão de treinos livres de quinta-feira foi afetada por condições de umidade para que os drivers utilizados FP3 esta manhã determinado a correr ritmo com pneus secos e diferentes cargas de combustível , com Hamilton a mais rápida de ir de novo.
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "Nós estamos vendo uma diferença de cerca de um segundo Entre o supermacio e compostos macios aqui, ambos, de Todos os que são um pouco mais difícil do que os pneus equivalentes no ano passado : mesmo no supermacio , os melhores tempos tendem a vir na segunda volta voadora . É claro que os motoristas na testa são muito estreitamente alinhados no supermacio , em particular , por isso estratégia de corrida e, especialmente, o calendário dos pit stops , poderia fazer diferença significativa para o resultado do ano prêmio. Como esperado , vimos um alto grau de pista Evolution, com os tempos mais rápidos vindo à direita no final de cada sessão. Nós esperamos que padrão continua para o resto do fim de semana para , com boa previsão do tempo para amanhã. "
A estratégia preditor Pirelli :
O GP de Mônaco é de 78 longo período , com qualquer uma estratégia de um ou dois deixar de ser um possível acordo com a velocidade do carro e as circunstâncias da corrida. Uma parada é possível , a meta de duas paradas estratégia Sprint poderia funcionar se o carro é rápido o bastante e suficiente oportunidade de ultrapassar TEM . Com Mônaco Sendo uma dificuldade notória para ultrapassar na pista , além de uma alta sorte dos carros de segurança, isso é difícil de prever - para que uma estratégia flexível Will Always pagar dividendos.
Nossa Prevê computador tem de ser uma parada Claramente a forma mais rápida , altho com funcionamento limitado no supersoft é difícil ter certeza sobre a estratégia completamente Chame . Previsão: iniciar em supersoft , mude para suave na volta 30.
Compostos mais rápidos FP3 :
 Hamilton 1m16.758s New Supersoft
 Ricciardo 1m16.808s New Supersoft
 Rosberg 1m16.874s New Supersoft
Top 10 utilização de pneus :
 Rosberg 1m15.989s New Supersoft
 Hamilton 1m16.048s New Supersoft
 Ricciardo 1m16.384s New Supersoft
 Vettel 1m16.547s New Supersoft
 Alonso 1m16.686s New Supersoft
 Raikkonen 1m17.389s New Supersoft
 Vergne 1m17.540s New Supersoft
 Magnussen 1m17.555s New Supersoft
 Kvyat 1m18.090s New Supersoft
 Perez 1m18.327s Supersoft Usado

 

Google Tradutorf2f3f4f5f6f7f8f9

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

Condições mistas nos treinos livres em Mônaco
INTERMÉDIO DE PNEUS comprova sua VEZ MAIS VERSATILIDADE
Voltas mais rápidas EVER- turbo de Mônaco no seco


Três dos compostos da Pirelli estiveram em acção caindo sobre treinos livres no Grande Prêmio de Mônaco , realizada quinta-feira para o único momento do ano, de acordo com as tradições do Principado .
Em termos de FP1 seca, todos os pilotos usaram o pneu macio P Zero Amarelo , Tudo que tem -beens nomeados juntamente com o P Zero Red Supersoft neste fim de semana . Em FP2 , as equipas utilizado Cinturato Verde intermediário , bem como o macio e o supersoft .
A tempestade antes FP2 deixou a molhada e escorregadia do circuito, com a maioria das equipes não estão dispostos a assumir o risco de correr na parte inicial da sessão. Com o clima para o resto do fim de semana deverá ser seco , havia pouca oportunidade de aprendizagem em profundidade . Os pneus intermédios Cinturato Verdes, tudo o que provou ser versátil o suficiente para continuar a desempenhar eficazmente mesmo quando a pista foi rapidamente secagem , foram utilizados para a Maioria do período .
Nos últimos 10 minutos da sessão as equipes se mudou para pneus slick , com maioria dos motoristas vai direto para o supermacio . Da Ferrari, Fernando Alonso definir melhor tempo em FP2 no supersoft , enquanto o piloto da Mercedes Lewis Hamilton teve beens ligeiramente mais rápido em termos secos de FP1 sobre o pneu macio .
As duas vezes foram o mais rápido de sempre quantidade turbocharged de Monte Carlo, com turbo carros de Fórmula Um vistos pela última vez na pista em 1988. The Monaco Grand Prix'm seu ano foi reconhecido como o maior desempenho de qualificação está sendo Ayrton Senna , quando o brasileiro alegou pole position por 1,4 segundo do companheiro de equipe Dele.
Paul Hembery : " Como de costume, a pista estava muito 'verde' e escorregadio , com a borracha previsto no FP1 lavados pela chuva forte antes FP2 , tornando os termos complicados ímpares mais complexa. Como resultado , tem - se pouco de corrida no pneu supermacio , Tudo que é o que seria de esperar que os motoristas utilizem na qualificação : uma das partes mais importantes de todo o fim de semana de Mônaco. Ele aussi significa agrupamento há um monte de trabalho para FP3 na manhã de sábado , quando as equipes de coleta de dados para diferentes Ambos os compostos são variadas cargas de combustível para calcular suas estratégias de corrida. NO ENTANTO, o desgaste dos pneus e da degradação é menos de um fator do que em Mônaco, em outros lugares, especialmente este ano, com todos os nossos compostos de ser um pouco mais difícil do que na última temporada. Temos visto a versatilidade dos pneus intermediários , mais uma vez , Entregar tempos de volta sólidos Mesmo quando a área foi razoavelmente seco. Em comparação com todas as outras raças , as equipes de ter um dia extra para olhar para os dados , então não há muita oportunidade para pensar em estratégias potenciais. "
FP1 : FP2 :
 Hamilton 1m18.271s 1m18.482s Alonso suave New Supersoft Nova
 Rosberg 1m18.303s 1m18.901s Supersoft suave Hamilton Usado Novo
 Ricciardo 1m18.506s 1m19.017s Vettel suave New Supersoft Nova
Estatísticas de pneus do dia :
 Supersoft suave Intermediate Wet
kms impulsionado * 524 2314 230 N / A
foram utilizados grupos geral ** 21 45 15 N / D
Maior número de período de 28 de outubro ** 9 N / A
* O texto acima dá o número total de quilômetros rodados Valor em FP1 FP2 e hoje, todos os drivers combinados .
Por ** composto , todos os drivers combinado .
Pirelli fato do dia :
Pneus Pirelli dominou a passarela no primeiro campeonato mundial Monaco Grand Prix realizado em 1950. A empresa italiana equipou os três (diferentes) de carros de topo, contra dois fabricantes rivais de pneus. Juan Manuel Fangio venceu a corrida desde a pole em um Alfa Romeo, enquanto Alberto Ascari foi o segundo em uma Ferrari e Louis Chiron era terceiro em uma Maserati. Giuseppe Farina viria a ganhar o campeonato com a Pirelli Naquele ano, para a Alfa Romeo.

 

Google Tradutor

 

MOTORES JÁ RONCAM NO MONACO

MOTORES JÁ ROCAM NO MÓNACO

 

Os motores já roncam no Mónaco desde ontem, numa altura em que se preparam para o Grande Prémio, que é sem duvida alguma, o que mais gente reune a asssitir.

 

Nos treinos de ontem de forma surprendente, serf1f2f3f4f5f6f7f8f9f10f11f12f14f16f17f18f19f20f21f22f23f24f25f26f27f28f29f30f31f32f33f34f35f36f37f38f39f40f41f43f44f45f46f47f48f49f50f51f53f54f55f56f57f59f60f61f62f63f64f65f66f70f71f72f73f74f80f81f90f91f92f94ia Hamilton a impor a sua lei na 1ª sessão, para depois ter atrás de si o seu colega de equipa Rosberg.Depois surge o Red Bull Renault de Ricciardo, com o Ferrari de Alonso na sua esteira, surgindo depois Vettel no red Bull REnault e Raikonen em Ferrari.

 

Na 2ª sessão de treinos livres seria o Ferrari de Alonso a fazer o melhor tempo, seguido pelo Mercedes de Hamiltom, e o Red Bull Renault de Vettel.Depois surge o Toro Rosso de Vergne, com o Williams de Bottas no seu encalço, ficando o top six com o Force India de Perez.

 

Por sua vez na Fórmula Renault, seria Nato da equipa Dams a fazer o melhor tempo seguido por Carlos Sainz Jr da mesma equipa, tendo na sua peugada Jaffar da ISR, seguidos por Sirotkin, Fantin e Anberg.

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

GP Do mónaco 2014

 

P ZERO vermelho (composto muito macio) marca a sua estreia ao lado de  P ZERO amarelo (composto macio)

 

 

No circuito mais lento do ano, os pneus fornecem a sua excelente aderência à mecânica

 

controle e precisão, são vitais para um escorregadio e apertado circuito citadino

 

 

 

O circuito do Mónaco irá marcar a estreia dos pneus P Zero Vermelho (Composto muito macio), juntamente com os pneus de composto macio já utilizados em cinco provas na presente época. Para esta corrida, os pneus assumem uma preponderância especial, porque os carros dependem maioritariamente da mecânica, em vez da aerodinâmica, devido às características do circuito e das suas acentuadas curvas, sendo o circuito do ano com a menor média horária e com menor velocidade em curva. É essencial que os pneus atinham a temperatura ideal, o mais rápido possível, para que forneçam a sua aderência máxima de forma imediata. As características de um circuito citadino, com o asfalto escorregadio e as respectivas linhas pintadas no mesmo, tampas de águas pluviais, outras imperfeições no pavimento e todo o cenário de mobiliário urbano, aumentam o desafio dos pneus. Face ao ano passado, o circuito foi alterado após a saída do túnel.

 

 

 

Paul Hembery (Responsável da Pirelli Motorsport): “ Mónaco é obviamente um ícone para todos os envolvidos na Fórmula um, com um ambiente único, e um cenário que jamais se vê em qualquer lugar, os pneus com o composto muito macio irão fazer a sua estreia neste circuito, como todos os nossos pneus de 2014 com novos compostos e novas tecnologias de fabrico, destinados a optimizar e melhorar a durabilidade. No Mónaco o desgaste costuma ser muito baixo, por isso, é possível realizar a corrida apenas com uma paragem nas boxes para respectiva substituição dos pneus. No entanto, isso nem sempre é o caminho mais rápido, e como sempre a estratégia terá um papel crucial, particularmente no Mónaco pela dificuldade acrescida de realizar ultrapassagens, tornando a qualificação de uma importância extrema. Qualquer estratégia de corrida tem que flexível, pela elevada probabilidade de um “safety car” entrar no estreito percurso, e a chave para o sucesso poderá passar pela eficaz leitura das potenciais oportunidades que possam surgir.

 

 

 

 

Jean Alesi (Consultor da Pirelli): “ Eu corri em Monte Carlo, 12 vezes, e desde logo percebi a importância que um piloto pode fazer. Lembro-me bem da minha primeira corrida no circuito em 1990 com a Tyrrell-Ford com pneus Pirelli, realmente tinha um bom ritmo e terminei atrás do Ayrton Senna a apenas um segundo, que venceu a corrida. No ano seguinte, fiz mais um pódio com um fantástico terceiro lugar, atrás de Senna e Nigel Mansell. Mónaco é um circuito que premeia o equilíbrio do carro ao contrário da potência do motor, devido às muitas curvas existentes para uns 3.3 km do circuito. Os pneus são muito importantes, e com a estreia dos novos pneus com o composto muito macio, os carros serão capazes de retirar o máximo do seu desempenho. Existe um grande grau de evolução na pista do Mónaco, com o pavimento sujo na quinta-feira, assim, teremos que esperar até sábado para a pista ficar com mais borracha e ver os melhores tempos de referência. A estratégia vai ser interessante, eu suponho que no final da corrida, um conjunto de pneus muito macios pode fazer uma grande diferença ”.

 

 

O circuito do ponto de vista dos pneus:

Mónaco possui um formato único, na quinta-feira existem os treinos livres e as restantes acções da Fórmula um, apenas retomam no sábado uma vez que na sexta-feira à tarde a pista é aberta ao trânsito em geral. Isto afecta a evolução normal da pista, pelo desaparecimento de parte da borracha colocada pelos carros durante o dia anterior, como também, o trânsito em geral a circular na sexta-feira, arrasta mais sujidade e detritos para o asfalto que será a pista no dia seguinte.

 

A aceleração à saída das curvas apertadas e lentas que caracterizam o Mónaco, origina que o efeito de “patinagem” nas rodas seja um risco constante, particularmente este ano devido ao elevado torque dos motores turbo, uma condução menos agressiva e mais cuidada em relação à poupança dos pneus, evitando o “ patinar “ nas rodas traseiras, vai ser muito importante.

 

Um estilo de condução suave e consistente, com o equilíbrio mecânico a ser mais importante que o aerodinâmico e os pneus correctos a funcionar na temperatura ideal, estes, são os factores para alcançar o sucesso e o principal objectivo.

 

 

O pneu muito macio é um composto de baixa escala de trabalho, com a capacidade de atingir um óptimo desempenho mesmo em temperaturas baixas. O pneu macio é composto de uma faixa de trabalho alta e adequado para temperaturas mais altas. O tempo no Mónaco poderá ser variável.

 

No Mónaco, é raro vencer quem parte atrás da primeira linha da grelha de partida, colocando uma importância acrescida na sessão de qualificação. No entanto, mesmo os carros mais rápidos poderão ser apanhados nas partes mais estreitas do circuito, logo quem encontrar uma janela de oportunidade para realizar alguma ultrapassagem, será muito importante, quanto o ritmo final.

 

Nico Rosberg realizou a pole e venceu com a Mercedes no ano passado, com uma estratégia de duas paragens nas boxes para mudança de pneus (Muito macio, Macio e Muito macio), no entanto no decorrer da corrida tiveram dois “safety Cars” em pista.

 

Mais informações sobre o Mónaco e procura de informação sobre os pneus, pode ser visualizado numa animação realizada em 3D com um novo visual produzido pela Pirelli.

 

Vídeos e fotografias de livre utilização, disponíveis em http://magazine.pzero.com/

 

 

As escolhas de pneus até agora:

 

P Zero vermelho

P Zero

Amarelo

P Zero

Branco

P Zero Laranja

Australia

 

Macio

Medio

 

Malasia

 

 

Medio

Duro

Bahrein

 

Macio

Medio

 

China

 

Macio

Medio

 

Espanha

 

 

Medio

Duro

Mónaco

Muito macio

Macio

 

 

Canadá

Muito macio

Macio

 

 

 

 

 

 

 

 

Revista P Zero:

A nova revista P Zero é uma inovação da Pirelli para a presente temporada, contém factos sobre o Grande Prémio do Mónaco, o principado, e as novidades que acontecem no mundo Pirelli, no passado, presente e futuro. Esta nova e dinâmica revista electrónica, contém vídeo e outros conteúdos interativos atualizados no fim de semana.

Podemos visitar através do site Pirelli, com o seguinte link : http://magazine.pzero.com

 

 

RICARDO TEIXEIRA NA NAZIONALE PILOTI

RICARDO TEIXEIRA NA NAZIONAL PILOTO

 

Ricardo Teixeira já se encontra no Mónaco, para disputar mais um jogo amigavel de futebol integrado na equipa da Nazionale Piloti, que tem como objectivo a angariação de dinheiro para causas nobres,tendo  como seus colegas de equipa Filipe Massa, e Fernando Alonso entre outros de Fórmula 1 .RICARDOTEIXRICARDOTEIX2

 

PREVISÕES DA PIRELLI PARA MONACO

 

Monaco Grand Pré- Preço : Monaco , 22-25 maio 2014
 P ZERO FAZ SEU RED SUPERSOFT 2014 INÍCIO
AO LADO P ZERO AMARELO SOFT
PNEUS fornecer todos os MECÂNICA GRIP ON
Slowest DO CIRCUITO DO ANO
Precisão e controle ESTÁ EM UMA ESCORREGADIÇOS VITAL
CIRCUITO DE RUA SEM RUN -OFF
P Zero Red pneus da Pirelli supersoft fazer sua estréia de 2014, Mônaco, Juntamente com os pneus macios que já -ter-sido visto em três das cinco corridas que vêm sendo realizadas até o momento. Com o menor Mônaco TENDO velocidade colo média do ano , bem como as curvas mais lentas da temporada, os carros que dependem quase exclusivamente mecânico Ao invés de aderência aerodinâmica - Todos que é gerado apenas pelos pneus. Um pneu rápida warm-up é essencial, para permitir que os compostos para oferecer máxima aderência possível tão rapidamente quanto . A superfície escorregadia com o mobiliário urbano habitual encontrado em uma excursão de rua -: como linhas pintadas, tampas de bueiros e solavancos - só aumenta o desafio para os pneus . Parte da turnê tem-se ressurgiu este ano , parceiro após a saída do túnel.
Paul Hembery , diretor de automobilismo da Pirelli : "Obviamente, Mônaco é um evento de vitrine para todos os envolvidos na Fórmula Um, com uma atmosfera única e um desafio especial que você simplesmente não vê em nenhum outro lugar . Os pneus supersoft em Mônaco fazer sua estréia , Todos os que , como todos os nossos pneus slick em 2014 têm novos compostos e construções deste ano, projetado para melhorar a sua durabilidade. O desgaste e degradação é muito baixo Tradicionalmente , no Mónaco , por isso é viável fazer a corrida com apenas um pit stop . No entanto, isso nem sempre é o caminho mais rápido, portanto, a estratégia como sempre desempenhará um papel significativo: em particular com o Mónaco de ser tão pista dificuldade para ultrapassá-la . Este aussi Aumenta a importância da qualificação. Qualquer estratégia de corrida tem de ser flexível , pois há uma grande probabilidade de carros de segurança no circuito estreito de modo a leitura da corrida para fazer uso de todas as oportunidades potenciais exatamente como eles acontecem mais uma vez será a chave para o sucesso. "
Jean Alesi , consultor Pirelli : "Eu corri em Monte Carlo 12 vezes e eu entendi de imediato o quanto de uma diferença que o motorista pode fazer lá. Eu sempre me lembro da minha primeira corrida lá em 1990 com a Tyrrell -Ford em pneus Pirelli , o que significava que eu tinha era muito bom ritmo e ble para terminar apenas um segundo atrás de Ayrton Senna , que venceu a corrida . No ano seguinte, eu tinha um outro pódio fantástico : terceiro com a Ferrari , logo atrás de Senna e Nigel Mansell . Mônaco é um sistema de recompensas que carro set-up e habilidade ao invés de potência do motor sem rodeios. Você corre tanto downforce possível, através dos cantos , todos os que compõem praticamente toda a 3,3 km do circuito. Os pneus são realmente significativos Obviamente, com a chegada do supersoft ou seja, os carros que serão ble para fazer a maior parte do seu desempenho. Há bastante um grande grau de evolução pista em Mônaco, com uma área suja na quinta-feira , então você realmente tem que esperar até a pista é mais emborrachados no sábado antes de ver todas as vezes significativos. Estratégia vai ser interessante: eu acho um conjunto de supersofts frescos no final da corrida poderia fazer uma enorme diferença . "
O sistema do ponto de vista de um pneu :
Mônaco tem um formato único, com os treinos livres na quinta-feira ocupando Formula One e então nenhuma ação até sábado, na sexta-feira à tarde como a pista está aberta ao tráfego em geral. Isso afeta o padrão usual de pista Evolution, com grande parte da borracha previsto na quinta-feira desaparecendo caindo na sexta-feira , enquanto o normal, aussi tráfego rodoviário arrasta a sujeira e detritos para a superfície.
A saída para todas as curvas lentas Mónaco caracterizar o que significa que wheelspin é um risco constante . Esse risco é devido ao aumento deste ano, o torque extra dos motores turbo , de modo que os pneus à procura efectiva pelas Evitando se tornará wheelspin ainda mais significativo .
Com aderência mecânica Sendo um impacto mais significativo do que aderência aerodinâmica , ficando os pneus para a janela de funcionamento ideal e mantê -los lá é essencial. Um estilo de condução consistente e suave, pneu com um aquecimento adequado é vital para conseguir alcançar este objectivo.
O pneu supermacio é um trabalho de baixo classifica composto capaz de atingir um ótimo desempenho em baixas temperaturas ímpares. O pneu macio é um composto de alta fileiras de trabalho , adequado para temperaturas mais altas e as condições da pista mais extenuantes. O tempo em Mônaco pode ser variável.
Mônaco é raramente ganhou de além da primeira fila da grelha, colocando a ênfase na qualificação. NO ENTANTO , o mais rápido carros estranhos pode ser pego por tráfego nas limites apertados da pista , o que significa que descoberta tem janela transparente para ser executado em queda na sessão é tão significativo quanto o ritmo final.
Nico Rosberg da Mercedes ganhou no ano passado , tendo qualificado na pole . Ele reivindicou a vitória com uma estratégia de duas paradas ( supersoft supersoft -soft ), mas a corrida foi aussi afetado por dois períodos de safety car , o que efetivamente entregues motoristas uma parada "livre" .
Mais informações sobre Monaco e lugares únicos ele nos pneus demandas podem ser encontrados em uma animação 3D de vídeo com novo visual produzido pela Pirelli . Este é livre de direitos autorais para uso de mídia na da Pirelli Fórmula Um website: http://magazine.pzero.com/
As escolhas de pneus até agora :
 P Zero P Zero Amarelo Vermelho P Zero P Zero Branco Laranja
Austrália suave Médio
Malásia Médio Difícil
Bahrain Suave Médio
China Suave Médio
Espanha Médio Difícil
Mônaco Supersoft Macio
Canadá Supersoft Macio
Na Revista P Zero:
A nova revista P Zero, uma inovação da Pirelli para esta temporada, contém fatos sobre o Grande Prêmio de Mônaco , o Principado si , e tudo o que está acontecendo no mundo da Pirelli , a partir do passado , presente e futuro . Esta nova revista eletrônica dinâmica, tudo que contém vídeos e outros feliz interativo atualizado ao longo do fim de semana, pode ser acessado através do site da Pirelli no link a seguir: http://magazine.pzero.com

 

Google Tradutor

 

TESTES PIRELLI EM BARCELONA

 

Teste 2014- temporada na Espanha : May 13-14, 2014


 Maior teste na temporada até agora com o CARS 2014
Sauber , Toro Rosso, Force India McLaren e cada teste


PIRELLI PNEUS PARA PROTOTYPE 2015 durante dois dias
MALDONADO SETS menor tempo ON PIRELLI PNEUS SUPERSOFT


O segundo teste na temporada do ano Levou -se parceiro após o Grande Prêmio da Espanha , trabalhando em estruturas de teste e compostos para 2015 Sauber e Toro Rosso testado no primeiro dia , com a Force India e McLaren assumindo. Ao longo de dois dias .
Com o primeiro dia principalmente molhado , apenas os novos compostos intermediários foram testados no período da manhã . Na parte da tarde , com o calendário de ensaio com - foi alterada para maximizar o funcionamento a seco , alguns comentários do protótipo tem slicks para 2015 sua primeira aparição no circuito de Barcelona. O foco , na tarde de abertura foi sobre a nova construção, com cerca de metade do programa antecipado concluída.
No segundo dia , realizada em termos secos , com temperaturas da pista com pico superior a 40 graus centígrados, novas construções , bem como compostos foram testados com a McLaren e Force India . McLaren terminou o programa com Vandoorne , Você Depois fomos para definir seu tempo mais rápido do dia no atual pneu médio , em 2014 , como a equipe fez testes alguns dos seus próprios , procedimento permitido pelas normas vigentes. Daniel Juncadella testado para Force India objetivo não foi prevista ble para terminar o trabalho , devido a atrasos e excursões fora da pista .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "Com a chuva que Afetam o primeiro dia de testes , o programa poderia era ligeiramente fora dos eixos a partir do começo , isso é algo que meta Obviamente que você espera e fator em seus planos. Foi uma boa oportunidade aussi para experimentar alguns novos pneus intermediários tempo para o próximo ano . Uma vez que o tempo tornou-se mais seco, We Were ble para se concentrar nos novos pneus slick em 2015. Após o teste , no Bahrein , estamos agora a começar a construir uma boa imagem de onde nós estamos indo para o próximo ano , de modo que há uma abundância de dados para analisar título Útil para o próximo teste na temporada eficaz Silverstone " .
Fatos de teste:
O primeiro dia de testes viu chuva e temperaturas muito baixas , com um máximo de 11 graus centígrados de temperatura do ar e com temperaturas da pista nunca vai mais de 20 graus centígrados .
O tempo mais rápido set Ao longo dos dois dias de testes foi um 1m24.871s definido pelo Pastor Maldonado nos pneus supersoft na hora de encerramento do segundo dia.
Da Toro Rosso, Jean- Eric Vergne você teve um problema técnico , na manhã de um dia só correu um total de 52 voltas , Considerando que o Guido Van der Garde na Sauber conseguiu correr período 86 . Ambos foram prejudicados pelas más condições atmosféricas.
Hoje, Vandoorne em seu primeiro dia de sempre em um carro de Fórmula Um , publicou um impressionante quantidade 136 com os pneus Pirelli experimentais . Daniel Juncadella , em uma Sauber , aussi Sobre o fez bem, fazendo 91 período.
Além de correr com pneus experimentais , as equipes que não foram especificamente de testes da Pirelli correu com os pneus atuais. As equipes são permitidas um máximo total geral de 135 conjuntos de pneus para testar este ano, incluindo o teste na temporada.
O próximo teste na temporada vai ocupar parceiro após o Grande Prêmio da Inglaterra . Ferrari e Lotus irá testar para a Pirelli , no dia de abertura, seguido por Red Bull e Marussia no dia dois . O teste final na temporada será realizada em Abu Dhabi, parceiro após a corrida, onde terá as equipes de primeira oportunidade de provar o novo 2015 gama de pneus .
Vezes Testando :
dia 1
Chilton Marussia 1.26.434s New Supersoft
Pic Novo Lotus 1.26.661s macias
Hamilton Mercedes 1.26.674s New Medium
1.26.965s Raikkonen Ferrari macio usado
Vergne Toro Rosso 1.27.724s Prototype
Hulkenberg Force India 1.27.727s New Medium
Massa Williams 1.27.756s New Medium
Botão McLaren 1.28.333s New Medium
Kobayashi Caterham 1.30.101s New Medium
1.31.440s Buemi Red Bull novo disco
Van der Garde Sauber 1.31.783s Prototype
dia 2
Maldonado Lotus 1.24.871s New Supersoft
Rosberg Mercedes 1.25.805s New Medium
Raikkonen Ferrari Suave 1.26.480s Nova
Gutierrez Sauber 1.26.972s suave Nova
Wolff Williams 1.27.280s suave Nova
Bianchi Marussia 1.27.718s suave Nova
1.27.973s Vettel Red Bull New Medium
Juncadella Force India 1.28.278s Prototype
Vandoorne McLaren 1.28.441s New Medium
Kvyat Toro Rosso 1.28.910s novo disco
Versão PDF ( 204,71 KB )

 

Google Tradutor
 

 

MORREU JACK BRABHAM

Tricampeão da Fórmula 1, Jack Brabham, morreu aos 88 anos na Austrália

"É um dia muito triste para todos nós. O meu pai morreu serenamente em casa, aos 88 anos, esta manhã", disse David Brabham, em comunicado.

"Ele viveu uma vida incrível, alcançando mais do que alguma vez alguém poderia sonhar, e irá continuar a viver através do enorme legado que deixa", acrescentou.

Agência Lusa

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

Grupo de imagens da Fórmula Indy, uma rival da actual Fórmula 1, que se disputa principlamnete nos Estados Unidos.indy1indy2indy3indy4indy5indy6indy7indy8indy9indy20indy21indy22

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

GRANDE PRÉMIO DE ESPANHA DE FÓRMULA 1f84f85f86f87f88f89f90f89f90f100f101f102f103f105f106f107f108f109f110f111f112f114f115f116f118f119f120f121f122f123f124f124f125f126f127f128f129f130f131f132f133f134f135f136f137f138

 

SEGUNDO A PIRELLI

 

Grande Prémio de Espanha 2014 - Corrida

APENAS DUAS MUDANÇAS DE PNEUS NUM DOS MAIS DESAFIANTES CIRCUITOS DO ANO

DEPOIS DE UMA ACESA LUTA, AS ESTRATÉGIAS DE PNEUS DITARAM O PÓDIO

NA TERÇA FEIRA, QUATRO EQUIPES TESTAM OS PNEUS PIRELLI, DURANTE DOIS DIAS

f32f33f34f35f36f37f38f39f40f42f43f44f45f46f47f48f49f50f60f61f62f63f64f65f66f67f68f69f70f71f73f74f75f76f77f78f80f81f82f83f84Barcelona é reconhecida por ser uma das pistas mais dificeis do ano  para os pneus, mas 8 dos 10 primeiros classificados que completaram as 66 voltas do grande prémio, realizaram-no apenas com duas mudanças de pneus. No ano passado o vencedor da corrida parou quatro vezes, sublinhando que os pneus Pirelli de fórmula um no presente ano,  possuem novas melhorias e acima de tudo, uma maior durabilidade. Os níveis de desgaste são menores,  como também a  degradação, sem comprometer o desempenho.

A eficaz estratégia de mudança dos pneus, foi fundamental para Lewis hamilton (Mercedes) no grande prémio de Espanha, ao conseguir a sua quarta vitória consecutiva, e assim, assumir o comando do campeonato do mundo de pilotos. O piloto Inglês, utilizou os compostos Médio-Médio-Duro, desde a “pole”, para bater o seu companheiro de equipe, Nico Rosberg, por apenas seis décimos de segundo, com uma estratégia diferente de Médio-Duro-Médio. Ambas as estratégias proporcionaram  uma emotiva e competitiva luta entre os dois na parte final da corrida, Rosberg, tirou proveito dos seus pneus mais recentes, sendo mais rápido.

O segundo teste de pneus de dois dias, começa na terça feira no circuito de Barcelona, com a Sauber e a Toro Rosso a testarem os pneus Pirelli 2015, no dia seguinte será a McLaren e a Force India.

Paul Hembery (Responsável da Pirelli Motorsport), disse:  “ Apesar dos pilotos optarem  por diferentes estratégias de pneus, assistimos a batalhas emocionantes ao longo da corrida pelos dez primeiros classificados. Este facto, realça a importância das estratégias na presente época, não apenas no número de paragens nas boxes, mas a ordem dos compostos utilizados, faz a difrença. Após alguma chuva durante a noite, as temperaturas de ambiente e pista arrefreceram um pouco e reduziu a diferença entre os compostos duro e médio. Apesar do circuito de Barcelona ser um dos mais exigentes do ano, o desgaste dos pneus e  a sua degradação tiveram sempre controladas, comprovado pelo facto da maioria dos pilotos realizar apenas duas paragens para substituição dos pneus. Isto, é o reflexo do trabalho exaustivo de toda a nossa equipe em Milão e Izmit, desde o ano passado, um grande obrigado para todos eles. Agora, o nosso foco é concentrarmo-nos no segundo teste da presente época, no qual vamos testar e desenvolver os pneus para 2015”.

Os melhores tempos e respetivo composto:

DURO

MÉDIO

INTERMÉDIO

CHUVA

1.º

HAM - 1m29.483s

VET - 1m28.918s

N/A

N/A

2.º

RIC - 1m30.012s

HAM - 1m29.236s

N/A

N/A

3.º

MAG - 1m30.318s

HAM - 1m29.898s

N/A

N/A

 

 

 

 

Os maiores turnos(n.º de voltas), com os mesmos pneus:

Duro

 31 Voltas

 R Grosjean

Medio

31 Voltas

 D Ricciardo

 

 

 

 


Previsões:

Afirmámos que uma estratégia com duas paragens para mudança de pneus era possivel para as 66 voltas da corrida, e o prognóstico era:  Iniciar com o composto médio, mudar novamente para o médio à volta 22, e por fim, na volta 45 mudar para o composto duro. Lewis Hamilton seguiu o padrão esperado, no entanto parou mais cedo que o previsto, fê-lo pela primeira vez na volta 18 e na volta 43.

 

NOVO PROJECTO DE DUARTE FERREIRA

NOVO PROJECTO DE DUARTE FERREIRA PARA OS ESTADOS UNIDOS

 

 

A formula Vee Angola é um projeto pensado e criado por mim como piloto de Formulas Norte Americanas das Séries Indycar e NASCAR,  querendo aproveitar a minha experiência da forma organizativa destas.

 

Esta Série escola terá como base a reunião de pessoas privadas e instituições que queiram desenvolver o desporto e a cultura em Angola.

 

Auxiliando assim artistas de várias direções a exemplo teatro, dança, danças tradicionais africanas, musica, artes plásticas… ou desportistas ligados ao automobilismo, atletismo, ciclismo, xadrez, futebol de sala…100 Capa200 CARRO_FRENTE300 Quem_somos_1400 Quem_somos_2500 Carro600 Apresentaao_projeto700 Apresentaao_projeto800 Apresentaao_projeto900 Apresentaao_projeto1000 Apresentaao_projeto1100 Apresentaao_projeto1200 Apresentaao_projeto1300 Apresentaao_projeto1400 Apresentaao_projeto1600 Fan_Village1700 Fan_Village1700 Fan_Village1800 Fan_Village1900 Fan_Village1900 Fan_Village2100 Fan_Village2200 Fan_Village2300 Fan_Village2500 Fan_Village2600 Fan_Village2700 Fan_Village2800 Fan_Village2900 Fan_Village3000 Fan_Village3100 Fan_Village3200 Fan_Village3300 Fan_Village3400 Fan_Village

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

2014 Grande Prémio de Espanha - A partir de pneus line-up
Nos 2.014 motoristas Grande Prêmio da Espanha começaram os pneus sobre o seguinte:
  Hamilton Médio
  Rosberg Médio
  Ricciardo Médio
  Bottas Médio
  Grosjean Médio
  Raikkonen Médio
  Alonso Médio
  Botão Médio
  Massa Médio
  Hulkenberg Médio
  Perez Médio
  Kvyat Médio
  Gutierrez Médio
  Magnussen Médio
  Vettel Médio
  Sutil Médio
  Chilton Médio
  Bianchi Médio
  Ericsson Médio
  Kobayashi Médio
  difícil Vergne
  Maldonado Médiof1f2f3f4f5f6f7f8f9f10f14f15f30f31

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

2014 GP da Espanha - Qualificação
MÉDIA DOS PNEUS detém a chave para QUALIFICAÇÃO em condições quentes :
ESPANHA É SOMENTE O DRY QUALIFICAÇÃO SEGUNDO realizada este ano
AUMENTO DE TEMPERATURA TRACK na tarde Significativamente
MAS desgaste e deterioração está em linha com as expectativas
OU MENOS DO QUE O ESPERADO
Três paradas para a corrida de amanhã previstas:
Duas paradas também é possível
Barcelona , 10 de maio 2014 - O pneu médio, tudo que é agora cerca de oito décimos de segundo mais rápido que o pneu duro, tinha a chave para a qualificação em Barcelona. Ontem, o fosso entre os compostos foi , em média, mais de um segundo objetivo dessa diferença tem-se agora reduzido .
Os motoristas enfrentaram uma tarefa difícil cair na qualificação , com temperaturas da pista caindo na tarde aumentando consideravelmente comparação com a manhã , chegando a 44 graus centígrados. Este é provavelmente o caso mais uma vez para a corrida de amanhã , o objetivo APESAR tese Exigir requisitos e carga de alta energia através dos pneus , um máximo de três pit stops é esperado para a maioria dos corredores. Não houve granulação , enquanto desgaste e degradação TEM aussi diminuída durante todo o fim de semana até agora .
Com Formula One voltar para a Europa , esta foi apenas a segunda sessão de qualificação durante todo o ano (depois de Bahrain ), realizado inteiramente em condições secas. Pela primeira vez em sua história , a Mercedes Alegou a quinta pole consecutiva , conquistando seu segundo one-two no grid nesta temporada.
Mercedes motorista Hamilton, Você salvou um jogo de pneus médios , obtendo através de Q1 com o pneu duro, conquistou a pole position para o tempo de 35 em sua carreira. Isto o coloca apenas atrás dos pólos 10 45 pole positions reivindicada pela da Red Bull Sebastian Vettel : o piloto de maior sucesso da era Pirelli .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "Quando as equipes de analisar os dados hoje à noite , eles vão decidiu entre duas de ouro parada corrida de três , como nos casos Muitos dados simulação Sugere Quase identiques tempos de corrida entre as duas abordagens . Como sempre, o primeiro stint em combustível cheio será a chave para isso. Qualificação em Barcelona Fui muito disso a forma como as pessoas que o esperado, apesar de estranho as equipes Quem não testei aqui este ano e duas bandeiras vermelhas interromperam a sessão, todos os que afetou reúnem claramente as estratégias também. Pista de condições entre os treinos livres e qualificação esta manhã eram muito diferentes , o que obviamente teve um efeito sobre os níveis de aderência , a tese objetivo são os termos que podemos esperar para a corrida de amanhã. Historicamente , o motorista a partir de pólo aqui tem a corrida ganha muito empilhadas em seu favor . NO ENTANTO, famosa vitória de Fernando Alonso aqui no ano passado a partir de quinta no grid mostra apenas o que é possível, com uma boa estratégia de corrida. Os pneus são os mesmos para todos e Formula One é uma meritocracia : n Será que vai ser simplesmente para baixo para Todos que equipes e pilotos são ble para tirar o máximo proveito deles. "
A estratégia preditor Pirelli :
De acordo com nossos cálculos, a maneira mais rápida de se aproximar a corrida de 66 voltas é com três paradas . Comece com o pneu médio, mudar para o meio na volta 20 , novamente no colo 38 médio e duro na volta 54.
Poderia ser possível uma estratégia de duas paradas aussi . Tudo o que no caso : começar no meio , a troca de meio na volta 22 , Em seguida, mude para o disco na volta 45 .
Compostos mais rápidos FP3 :
 Rosberg 1m25.887s New Medium
 1m26.756s rígidos Hamilton usados
 Alonso 1m27.188s New Medium
Top 10 utilização de pneus :
 Hamilton 1m25.232s New Medium
 Rosberg 1m25.400s New Medium
 Ricciardo 1m26.285s New Medium
 Bottas 1m26.632s New Medium
 Grosjean 1m26.960s New Medium
 Raikkonen 1m27.104s New Medium
 Alonso 1m27.140s New Medium
 Botão 1m27.335s New Medium
 Massa 1m27.402s New Medium
 Vettel nenhum conjunto de tempo

 

Google Tradutor

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

2014 Grande Prémio de Espanha - Prática Sessões
Desgaste do pneu e deterioração da linha com o esperado
 Em um dos mais difíceis CIRCUITOS DO ANO
As lacunas de desempenho entre os dois compostos nomeados
VARIAR de 1,0 a 1,2 segundos
PIRELLI PNEUS PARA A TRAZ MAIS DO QUE NUNCA ANTES DE GRAND PRIX
Barcelona , 9 de maio 2014 - da Pirelli P Zero Laranja duro e P Zero Branco compostos têm médias realizado exatamente como esperado em um dos circuitos mais exigentes do ano , todo o que coloca uma enorme quantidade de energia através dos pneus. Temperaturas da pista em FP2 cair na tarde Aqueles dupla foram observados para FP1 de manhã , desgaste e degradação meta está em linha com as expectativas, estranho embora várias equipes de trouxeram atualizações aerodinâmicas que aumentam Exigências ao passablement pneus.
Os treinos livres seguiram um padrão convencional , com apenas os drivers usando o pneu duro de manhã, antes de passar para o pneu médio de a meio da segunda sessão, como partes de costume das simulações de qualificação e corrida em diferentes cargas de combustível .
Este fim de semana , pneus Pirelli traz mais do que a um grande prêmio nunca foi visto antes. Como Barcelona é a rodada de abertura da GP3 , bem como a segunda rodada da GP2 , a empresa italiana trouxe um total de 3224 pneus para serem utilizados em Espanha , bem como algumas peças de reposição . Esta é composta por 1 848 para F1 ( 22 vans ) , 728 para a GP2 ( 26 carros ) e 648 para GP3 (27 carros) . Principalmente isso é devido a um aumento na F1 alocações de pneus para este ano.
A título de comparação , o maior número de pneus Pirelli que trouxe para a Espanha em 2011 - primeiro ano da empresa na Fórmula Um - é 3056 , apesar do fato de que havia mais dois carros de F1 no grid no momento . Com motorhome icts aussi da Pirelli fazer primeira aparição de 2014, total de 14 caminhões - Pirelli fizeram a viagem a Barcelona.
Paul Hembery : " Os pneus de ter um monte de trabalho a fazer em Barcelona , em particular o front- esquerda , apesar de este desgaste propósito e degradação está em linha com as nossas expectativas , o que significa que devemos ver a maioria dos motoristas fazer um máximo de três paradas amanhã . Sem testes de pré- temporada em Barcelona este ano , as equipes usado hoje tem de se adaptar Seus 2.014 carros com as características de alta energia da pista , e esperamos que os tempos de volta a cair ainda mais à medida que mais borracha é previsto . Normalmente, há um alto grau de evolução pista aqui , ajudado pelo grande número de raças médias , o que terá um efeito sobre o desgaste dos pneus durante o resto do fim de semana. Esse assunto é , o fato de que nós estamos trazendo o número mais de pneus que nós já transportado para um grande prêmio - 3224 - sublinha o nosso compromisso com o esporte e proporcionar o melhor show possível para os fãs, através do incentivo Concorrentes para ser executado como tanto quanto possível ".
FP1
1 HAM - Mercedes 01:27.023 Disco - Usado
META 2 - McLaren 01:27.891 Disco - Usado
RIC 3 - Red Bull 01:27.973 Disco - Nova
FP2
1 HAM - Mercedes 01:25.524 Médio - Nova
2 ROS - Mercedes 01:25.973 Médio - Nova
RIC 3 - Red Bull 01:26.509 Médio - Nova
Estatísticas de pneus do dia :
 Difícil Médio Intermediário Wet
kms conduzido * 1722 3490 0 0
conjuntos usados ​​em geral ** 21 64 0 0
Maior número de período ** 28 29 0 0
* O texto acima dá o número total de quilómetros percorridos FP1 e FP2 Valor hoje , todos os drivers combinados .
Por ** composto , todos os drivers combinado .
Na Revista P Zero:
A nova revista P Zero, uma inovação da Pirelli para esta temporada, contém fatos sobre o Grand Prix e tudo o que está acontecendo no mundo da Pirelli com o passado , presente e futuro espanhol. Esta nova revista eletrônica dinâmica, tudo que contém vídeos e outros feliz interativo atualizado ao longo do fim de semana, pode ser acessado através do site da Pirelli ou no link a seguir: www.pirelli.com/f1pressarea
Pirelli fato do dia :
Cargas -have de combustível um grande efeito sobre os tempos de volta em Barcelona , o que explica algumas mudanças notáveis ​​em treinos livres . Como um guia , a cada 10 quilos de combustível queimado em Barcelona representa um ganho de três décimos e meio de segundo por volta.

 

Google Tradutor

 

SEGUNDO A PIRELLI

 

GP De espanha 2014

 

P ZERO Branco (composto médio) e  P ZERO laranja

(composto duro), para o GP de espanha

 

os compostos de maior dureza foram os eleitos para o

rápido circuito espanhol.

 

As equipes realizaram novas soluções para aumentar o desempenho dos carros, que por sua vez vão condicionar a performance dos pneus.

 

 

A Sauber, Toro Rosso, Mc Laren e force india realizam a segunda sessão de testes da temporada a seguir ao Grande Prémio.

 

 

A fórmula um regressa aos circuitos europeus e nomeadamente a um circuito “chave”, o grande prémio de Espanha. O circuito de Montmeló é bem conhecido pelas equipes, e no regresso à europa estas utilizam-no para colocar novos melhoramentos nos carros, projetados para melhorar o seu desempenho e aumentar a pressão ao solo (downforce). Por estas questões, e pelas especificas curvas do circuito que proporcionam forças extremas nos pneus, a Pirelli irá levar os dois compostos mais duros da sua gama de pneus.

 

 

Paul Hembery (Responsável da Pirelli Motorsport): “ É normal afirrmar que Barcelona mostra-nos como irá decorrer a época de uma forma precisa, porque se um carro funciona bem em Barcelona, deverá ter o mesmo desempenho em qualquer lugar, o mesmo se passa com os pneus. O cricuito Espanhol é um dos mais exigentes onde corremos no ano, sendo longo e com curvas rápidas, como a curva três que coloca muita pressão nos pneus e vai proporcionar uma degradação elevada. A superficie do asfalto é muito abrasiva e a temperatura ambiente poderá ser elevada, fatores que vão contribuir com mais trabalho para os pneus. No passado, realizaram-se até quatro paragens nas boxes, no entanto e com as respetivas alterações, estamos a prever para a maioria dos pilotos, apenas três mudanças de pneus ao longo da corrida. Realizámos um inicio sólido de preparação da época, com uma pré-temporada de testes de pneus no Bahrain e estamos ansiosos para continuar a construir e desenvolver o mesmo trabalho, em Espanha, com mais quatro equipes, após o grande prémio.

 

 

Jean Alesi (Consultor da Pirelli): “Para os pneus, Barcelona é um dos circuitos mais dificeis do ano. O piso é muito abrasivo, mas o principal é que as curvas são muito rápidas e de plena acelaração, degradando de uma forma acrescida os pneus traseiros. Logo, o correto “set-up”, é absolutamente essencial para controlar o desgaste, caso não o encontre, a degradação dos pneus traseiros será enorme e irá perder o seu ritmo de uma forma rápida. Outro problema, provém da acelaração e travagem, os pneus com o uso, proporciona uma travagem mais longa e uma saida de curva mais lenta. Será interessante observar como é que os carros irão estar em Barcelona, em teoria, com menos “Downforce”, será menos cansativo para os pilotos face ao ano passado, mas temos que ver os melhoramentos realizados pelas equipas”.

 

O circuito do ponto de vista dos pneus:

A pista de Barcelona tem sido tradicionalmente usada pelas equipes para testes de pré-temporada de inverno, como os pilotos bem se recordam, no entanto este ano, os testes de pré-temporada ocorreram nos circuitos de Jerez de la Frontera e Bahrain. Como resultado, as equipas e a Pirelli, chegaram a Barcelona sem informações sobre a nova geração de carros no circuito.

 

Especificamente, a parte esquerda do carro trabalha mais, em particular, com uma exigente tração no pneu traseiro esquerdo. As forças laterais que exercem em ambos os pneus esquerdos, são as segundas maiores nos circuitos da época desportiva.

 

As cargas de elevada energia que atravessam os compostos no piso do pneu, podem alcançar uma temperatura máxima de 130 graus centígrados. Existe apenas uma longa reta,  não sendo suficiente para proporcionar o arrefecimento dos pneus ao longo de uma volta.

                                    

O composto de pneu duro, foi projetado para ser ultilizado nas condições mais extremas, com elevadas temperaturas, enquanto o pneu médio, foi concebido para funcionar de uma forma eficaz numa ampla variedade de condições. Esta combinação, permite garantir uma eficaz solução na gama de pneus para o grande prémio de Espanha.

 

Das ultimas dez corridas realizadas em Barcelona, oito foram vencidas apartir da “pole position”, demonstrando a importância da qualificação e a dificuldade de realizar ultrapassagens na pista Espanhola. Para tal, a estratégia poderá ser crucial para ganhar a posição na pista, como demonstrou a corrida de 2013.

 

No ano passado, Fernando Alonso venceu a corrida para a Ferrari com uma estratégia de quatro paragens nas boxes, derrotando Kiki Raikkonen (Lotus) com três paragens, que alcançou o segundo lugar. Alonso, estabeleceu um novo recorde, tornando-se o único piloto a vencer no circuito de Montmeló, partindo da quinta grelha de partida.

 

 

Mais informaçôes sobre Barcelona e procura de informação sobre os pneus, pode ser visualizado numa animação realizada em 3D pela Pirelli.

 

 

As escolhas de pneus até agora:

 

                                                                                      

 

P Zero vermelho

P Zero 

Amarelo

P Zero

      Branco

P Zero Laranja

Australia

 

         Macio

Medio

 

Malasia

 

 

Medio

Duro

Bahrein

 

Macio

Medio

 

China

 

Macio

Medio

 

Espanha

 

 

Medio

        Duro

Mónaco

Muito macio

Macio

 

 

Canadá

Muito macio

Macio

 

 

                                 

 

SEGUNDO A PIRELLI

 

Espanhol Grand Prix Preview: Barcelona , 9-11 maio 2014


 P ZERO DISCO DE LARANJA E BRANCO MEIO P ZERO PARA ESPANHA : O mais difícil DOIS PNEUS PARA UM SISTEMA DE ALTA ENERGIA
Muitas equipes deve lançar atualizações que melhorar a eficiência e aumentar a CAR insta a PNEUS
Após o grande preço, o segundo em - TEMPORADA DE TESTE DO ANO : Sauber , Toro Rosso, McLaren e todos vão Force India TESTE PARA PIRELLI

 

Formula One retorna à Europa para o que é, tradicionalmente, uma corrida chave : o Grande Prêmio da Espanha . O Circuito de Montmeló é familiar para as equipes e frequentes Eles usam o regresso à Europa para introduzir significativa para atualizações , destinadas a melhorar o desempenho e aumentar o downforce . Muitas vezes, isso contribui para as demandas colocadas sobre os pneus para o que já é um sistema de alta energia Devido ao rápido , varrer cantos extrema que poderia forçar através dos pneus. Como resultado, a Pirelli vai trazer os dois compostos mais duros na Fórmula Um intervalo.
Paul Hembery , diretor de automobilismo da Pirelli : "É comum dizer que Barcelona Fornece a representação mais precisa da forma a temporada vai demorar, porque um carro que funciona bem em Barcelona shoulds um bom desempenho em todos os lugares . O mesmo é verdadeiro para os pneus , porque o sistema espanhol é um dos mais exigentes circuitos corremos em todo o ano . Curvas longas e rápidas Vire três: como poderia uma quantidade enorme de energia para os pneus , como resultado de tudo o que a degradação é elevada. A área de pista est aussi bastante abrasivo , e as temperaturas ambientais podem ser altos , o que aumenta a carga sobre os pneus mais. No passado vimos até forno pit stops na Espanha. Com a troca , já que fizemos para os pneus este ano , esperamos ver agora não seria mais do que três para a maioria dos motoristas . Fizemos um começo sólido para a nossa preparação para o próximo ano , com a primeira dedicada na temporada testes de pneus no Bahrein . Estamos ansiosos para a construção em que trabalham com equipes em Espanha forno eficazes o grande prêmio . "
Jean Alesi , consultor Pirelli : " Para os pneus , Barcelona é um dos circuitos mais difíceis do ano . A área é bastante abrasivo propósito a coisa mão é todos os cantos rápido que você acelerar através , Tudo que ter um monte de os pneus traseiros , em particular. Então, isso significa que ter o direito set-up é absolutamente essencial para controlar a degradação . Se você não fizer isso, você acaba destruindo os pneus traseiros e você perde ritmo muito rapidamente. O outro problema torna-se a travagem e aceleração : com pneus gastos aussi leva -lo junto ao freio e encontrar tracção à saída das curvas . Será interessante para descobrir como os carros estão em Barcelona este ano : em teoria, com menos downforce , que deverias ser menos cansativo para os motoristas do que estava dentro do passado. Finalidade nós - tem que ver o que as equipes All trazer atualizações também. "
O sistema do ponto de vista de um pneu :
Enquanto Barcelona tem beens tradicionalmente utilizado para testes de inverno da pré-temporada , enquanto a maioria dos motoristas pode se lembrar, este não era realmente o caso deste ano, quando os testes de pré-temporada em Jerez ocorreu e Bahrein. Como resultado, as equipes e Pirelli chegar a Barcelona , sem informações sobre a nova geração de carros no circuito.
O lado esquerdo do carro é particularmente Trabalhei duro na Espanha, com demandas de tração pesados ​​sobre o pneu traseiro esquerdo , em particular. A força lateral atuando em ambos os pneus deixados são o segundo mais alto do ano inteiro.
As cargas de alta energia que atravessam os compostos significa que a zona do pneu pode atingir uma temperatura máxima de 130 graus centígrados . Há apenas uma longa reta , então os pneus não - tem muita chance de arrefecer ao longo de uma volta .
O pneu duro é um composto de alta fileiras de trabalho , projetado para o mais quente e mais extremas condições do ano, enquanto o pneu médio é um trabalho de baixo classifica pneu, projetado para funcionar de forma eficaz em uma ampla variedade de condições. Esta combinação garante que há sempre uma solução para a ampla gama de circunstâncias que podem ser vistos em Barcelona.
Oito dos últimos 10 corridas em Barcelona- ter - sido ganha na pole position , sublinhando a importância da qualificação e da dificuldade de ultrapassagens na pista espanhola . Como resultado, a estratégia pode ser crucial para ganhar a posição na pista , como a corrida de 2013 mostrou .
No ano passado, Fernando Alonso venceu a corrida para a Ferrari com uma estratégia de sprint de quatro parada , derrotando Kimi Raikkonen (Lotus ) em segundo, você já parou três vezes. Alonso estabeleceu um novo recorde , se tornando o único piloto a vencer no circuito de Montmeló tem de tão longe para baixo como quinto no grid grand prix .
Mais informações sobre Barcelona e as exigências extremas que coloca em pneus pode ser encontrado em um vídeo de animação 3D novo visual produzido pela Pirelli . Este é livre de direitos autorais para uso de mídia na Fórmula Um site da Pirelli : www.pirelli.com/f1pressarea
As escolhas de pneus até agora :
 P Zero P Zero Amarelo Vermelho P Zero P Zero Branco Laranja
Austrália suave Médio
Malásia Médio Difícil
Bahrain Suave Médio
China Suave Médio
Espanha Médio Difícil
Mônaco Supersoft Macio
Canadá Supersoft Macio

 

Google Tradutor

 

AS CONFUSÕES DE ECLESTONE

AS CONFUSÕES E AS ENCRENCAS DE BERNIE ECLESTONE

 

Quase no final da sua vida, o "senhor" da Fórmula 1 Bernie Eclestone, está com graves problemas de justiça.O julgamento que está a decorrer na Alemanha, na cidade de Munique está a mostrar publicamente os artificios do dirigente inglês para administrar as largas verbas que vem oriundas da Fórmula 1.Por outro lado também a sua vida privada está a ser devassada, quando Eclestone, sempre foi um acérrimo defensor do que é seu.

 

Uma das revelações que deixou todo o mundo de boca aberta, é que Eclestone tem pago por ano, apenas a módica quantia de 70 milhões de euros como uma espécie de pensão, desde que se divorciou em Março de 2009, da sua mulher, e este dinheiro vem logicamente de direitos da F 1.Mas por aquilo que a imprensa internacional tem-se referido, parece que a procissão ainda vai no adro, pois muito mais estará por revelar, o que logicamente obriga Bernie Eclestone a estar com a cabeça a prémio no seio das empresas que gerem a Fórmula 1.eclestone

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

Grupo de imagens da homenagem pelos vinte anos sobre o desaparecimento de Ayrton Senna.SENNASENNA1SENNA2SENNA3SENNA5SENNA6SENNA7SENNA8SENNA9SENNA10SENNA14SENNA15SENNA16

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA D EIMAGENS

 

RICARDO TEIXEIRA NA HOMENAGEM A AYRTON SENNA

 

Eis um grupo de imagens da homenagem que uma série de pilotos fizeram a Ayrton Senna, por causa do 20º aniversário sobre a sua morte, que contou com a presença de Ricardo Teixeira.fotografia 1fotografia 1fotografia 2fotografia 2fotografia 3fotografia 3fotografia 4fotografia 4fotografia 5fotografia 5

 

HUMOR SOBRE AYRTON SENNA

HUMOR SOBRE SENNA

 

Vinte anos após a morte du um dos maiores pilotos de Fórmula  1 de Todos os tempos, não resistimos e publicamos este cartton humoristico sobre o piloto brasileiro.HUMORSENNA

 

RICARDO TEIXEIRA CONVIDADO

 

RICARDO TEIXEIRA CONVIDADO PARA HOMENAGEM A AYRTON SENNA

 

 

O piloto luso-angolano Ricardo Teixeira, foi convidado para a homenagem a ser prestada em Imola – Itália, pela Nazionale Piloti, cujo programa juntamos. Sobre este evento, Ricardo Teixeira comentou “ para mim é uma honra estar presente e poder prestar homenagem a um dos melhores pilotos de todos os tempos, " Ayrton Senna ". 

 

 

De referir que esta homenagem irá contar com a presença de pilotos como Ricardo Patrese, Andrea de Cesaris, Nicola Larini, Nannini, Sigala, Pirro, Ivan Capelli, Jules Binachi , Trulli, entre outros do atual Plantel da Formula 1.

 teixeira-f2

 

CARROS COM QUE SENNA CORREU

CARROS COM QUE AYRTON SENNA CORREU

 

Eis o grupo decarrossenna carros com que Ayrton Senna correu ao longo da sua carreira de monolugares.

 

20 ANOS SOBRE A MORTE DE SENNA

Romaria à campa de Ayrton Senna no 20.ª aniversário da sua morte

 

Ayrton Senna morreu há 20 anos no Grande Prémio de São Marino.

Romaria à campa de Ayrton Senna no 20.ª aniversário da sua morte

Dezenas de fãs de Ayrton Senna rumaram hoje à campa do antigo piloto de Fórmula 1, em São Paulo, para homenageá-lo no 20.ª aniversário da sua morte, no Grande Prémio de São Marino, no circuito de Imola.

No cemitério do luxuoso bairro de Morumbí, o túmulo, sempre decorada com flores e artigos jornalísticos alusivos ao automobilismo, recebeu a visita de dezenas de fãs que se uniram para recordar as proezas de Senna.

Um duplo do piloto, com uma réplica do capacete usado na última corrida, posou para várias fotos: uma bandeira do brasil cobria o túmulo de Ayrton Senna que, segundo o Instituto Datafolha, é o principal ídolo do desporto em São Paulo, a maior cidade do Brasil, superando, inclusivamente, Pelé.

“Ayrton foi o melhor”, repetia-se uma e outra vez, aludindo ao tricampeão Mundial em 1988, 1990 e 1991, que venceu ainda 41 grandes prémios e largou 65 vezes no primeiro lugar da grelha de partida.

A 01 de maio de 1994, na sétima volta, o carro de Senna saiu de pista e chocou contra um muro a 320 quilómetros/hora, na curva Tamburello, uma das mais rápidas e perigosas do Mundial de Fórmula 1.

Foi transportado ao hospital Maggiore, em Bolonha, com forte traumatismo craniano e faleceu horas depois.


Conteúdo publicado por SportInforma

 

HOMENAGEM A AYRTON SENNA

HOMENAGEM A AYRTON SENNA

 

Na vespera do 20º aniversário da morte de Ayrton Senna na pista italiana de Imola, a Azur, uma companhai de aviação brasileira, em homenagem ao piloto, pintou uma das suas aeronaves, tal como mostram as imagens do mesmo.AVIAOSENNAAVIAOSENNA2AVIAOSENNA3AVIAOSENNA4AVIAOSENNA5AVIAOSENNA6AVIAOSENNA7AVIAOSENNA8AVIAOSENNA9AVIAOSENNA10AVIAOSENNA11AVIAOSENNA12

 

20 ANOS SOBRE A MORTE DE RATZBENGER

20 ANOS SOBRE A MORTE DE RATZENBERGER

 

Faz hoje duas decadas sobre a morte de Ratzberger, no fim de semana mais fatidico da história dda Fórmula 1, com a morte do piloto autriaco, de Ayrton Senna, e dos ferimentos em Rubinho Barichello e Pedro Lamy.RATZ

 

DATA TRÁGICA NA FÓRMULA 1

DATA TRÁGICA NA FÓRMULA 1

 

Por Mário Monteiro

 

 

IMOLA EM TEMPO REAL - 29 DE ABRIL DE 1994 - 6ª FEIRA 
A QUALIFICAÇÃO EM TEMPO REAL RECUPERADA (via <a href=http://twitter.com/f1rtp) 29/4/94*12:15pm: De manhã Senna falou c/Alesi q está em Imola ainda sem correr, após acidente de pre-epoca. Larini substitui-o na Ferrari 29/4/94*12:36pm: #Senna e #Schumacher esta manhã falaram à BBC sobre as expectativas do GP de Imola.Veja o q disseram http://www.youtube.com/watch?v=iErwQ9Y0q-Y 29/4/94*1:47pm: Boa tarde desde Imola. Dia da 1ª qualificação para o GP de São Marino. Senna foi pole no Brasil e no Pacífico. Terá 3ª pole? Está sol. Bandeiras da Ferrari nas bancadas. Berger e Larini vão ter o apoio dos Tifossi este fim-de-semana. 29/4/94*2pm: Estão 27º de temperatura em Imola no momento em que começa a 1ª sessão de qualificação Karl Wendlinger sai no Sauber pra pista. Imola é 1ª pista de alta velocidade q os carros enfrentam em 94, após alteração técnica que diminuiu apoios eletrónicos 29/4/94*2:05pm: Nenhum dos pilotos da frente ainda saiu. Senna e Schumacher, Hill, Berger. Tudo ainda nas boxes. 29/4/94*2pm: 1.25.8 para Wendlinger na 1ª volta. O Footwork de Morbidelli inicia tb a qualificação. 1.24.013 é o melhor tempo para Frentzen 29/4/94*2:07pm: Brundle no McLaren faz 1.24.4 E Schumacher vem para a pista. E faz a melhor volta em 1.22.564. Senna ainda não respondeu. http://pic.twitter.com/jxpZxFxCoR 29/4/94*2:15pm: Schumacher faz a melhor volta em 1.22.564. Senna não saiu ainda. Schumi na frente até ver Letho Larini Frentzen Morbidelli. Senna vem para a pista para a sua 1ª volta e bate por 134 milésimos o crono de Schumacher nesta 1ª saída. Faz 1.22.430 http://pic.twitter.com/AA9jj7t3a7 29/4/94*2:20pm: E ACIDENTE VIOLENTO com #barrichello . Aqui em Imola. Sessão interrompida!!!! O Jordan de Barrichello a sair de frente na Variante Baixa. O carro voou. Vamos esperar que tudo esteja bem com o piloto 29/4/94*2:22pm: É um impacto tremendo este de Rubens. O jovem piloto que no GP do Pacífico obteve o seu 1º pódio. Futura promessa. Aqui está a 1ª foto do acidente. #barrichello http://pic.twitter.com/GPeTwOWPh2 29/4/94*2:24pm: Este é mais um momento que deixa verificar que estes novos carros em 94, têm estranho comportamento aerodinâmico. A equipa do Dr Sid Watkins está já a assistir o piloto brasileiro. http://pic.twitter.com/TpzyC6XQzi 29/4/94*2:26pm: Recordamos sessão interrompida em Imola. #Senna é o mais rápido em 1.22.430 contra 1.22.564 de Schumacher. Chegam mais fotos do incidente com #barrichello http://pic.twitter.com/qQB3pXkqsU 29/4/94*2:26pm: Rubens é retirado do carro e assistido ali mesmo. Ele vai ser levado para o Centro médico aqui mesmo. Mais tarde ao Hospital. O Hospital mais próximo aqui, é o Maggiore em Bolonha. São 12 minutos de Helicóptero. 29/4/94*2:27pm: Foi assim a primeira assistência a Rubens Barrichello. http://pic.twitter.com/SUOf2CRMk6 29/4/94*2:30pm: Letho e Alesi já tiveram acidentes graves este ano, depois do terrível acidente no Brasil de Irvine c/Brundle, agora isto! Via YouTube (que ainda nem existe), desde o futuro, as 1ªs imagens do acidente. Vejam. http://www.youtube.com/watch?v=XEmSIMtr4aQ 29/4/94*2:30pm: Chegam informações que Rubens perdeu momentaneamente a consciência mas está estável e em observação. Mais uma foto do impacto de há pouco em Imola. http://pic.twitter.com/Y9icmdpmTJ 29/4/94*2:35pm: Aqui está um close up de Barrichello a ser assistido pela equipa médica, após ser retirado do Jordan. http://pic.twitter.com/8AQt7OqDRR 29/4/94*2:38pm: Barrichello foi transportado para o Centro Hospital do circuito. Em momentos ele irá de heli para o Maggiore de Bolonha. Entretanto mais um vídeo do Futurista You Tube, mostra o impacto e tudo o que se seguiu aqui em Imola http://www.youtube.com/watch?v=IEoISok7Jpw 29/4/94*2:40pm: E temos a reação de #Senna ao acidente. Ele tenta chegar junto ao centro médico. http://www.youtube.com/watch?v=j6F6FCSNwEg . Pelas declarações de Senna nas imagens que acabamos de ver, Rubens está abalado mas bem … 29/4/94*2:44pm: Sessão recomeçou. Damon Hill vem para a pista. O colega de Senna ainda não tinha crono. O inglês faz um pião na entrada da reta. Hipoteca o seu crono de volta. Este Williams está instável. http://pic.twitter.com/JZZo4xdG5U 29/4/94*2:49pm: Wow. E o q se passa c/ estes carros nesta pista? Brundle no McLaren na Variante onde Rubens bateu quase ia fazendo o mesmo. Por pouco Brundle não voava também no sítio onde Rubinho bateu. Ele faz pião e fica do lado contrário http://pic.twitter.com/s98IBqcucw 29/4/94*2:49pm: Brundle entrou muito rápido em Rivazza e perdeu controlo. Fica no muro. Acabou a sessão para ele. http://pic.twitter.com/4jmngJCbVK 29/4/94*2:53pm: Gerard Berger leva ao rubro Tifossi de Imola. No Ferrari ele faz 1.22.113,bate o crono de Senna e vem para a pole provisória. Mais rápido que Senna por 317 milésimos que o seu grande amigo #senna http://pic.twitter.com/CCh7HHFmFk 29/4/94*3pm: Aqui é Mika Hakkinen no McLaren, com a 1ª volta de qualificação para marcar 1.23.611. Aqui o onboard no MP4-9 http://pic.twitter.com/bdWOwZNNLT 29/4/94*3:01pm: Pedro Lamy é de momento P19 no Lotus. Ordem na frente é BER SEN SCH LET LAR HAK BLU FRE (e agora conseguem decifrar?) :) 29/4/94*3:06pm: Estes carros estão muito instáveis numa pista rápida como esta. A aerodinâmica é terrível sem os componentes eletrónicos...Schumacher em nova volta de qualificação faz pião na travagem para Tosa, após a curva Villeneuve. Virou. http://pic.twitter.com/rOPKRmDf5B 29/4/94*3:08pm: Senna volta à pista para a sua 2ª volta de qualificação. Aqui passando por Tamburello (no passado ali bateram feio, Piquet e Berger). Inicio de volta. Regressa à pole? Senna é o único piloto até agora que não melhorou o crono feito de manhã no treino livre. http://pic.twitter.com/FKgK7y1f52 29/4/94*3:12pm: Sim. Senna VOLTA À POLE provisória. Bate o crono de Schumacher por 178 milésimos. http://pic.twitter.com/YkWsWLjQR7 29/4/94*3:15pm: 5 minutos para o final da sessão, rubens Barrichello já chegou ao Hospital Maggiore e está em observação. Mas consciente. 29/4/94*3:16pm: E Senna faz pião em Tosa, exatamente igual a Schumacher há minutos. Esta pista e estes carros não estão compatíveis. Aerodinâmica crítica para 1ª pista de alta velocidade nesta nova era. http://pic.twitter.com/ig6P8MrHqq 29/4/94*3:19pm: De Cesaris com o seu Jordan a bater, perde roda pelo caminho. é o único Jordan após batida de Rubens. http://pic.twitter.com/E2mdJs4yZn 29/4/94*3:19pm: Aqui está o momento em que De Cesaris bateu, pra acabar ali a sua qualificação. Também quase no final http://pic.twitter.com/MskHP4C2GO 29/4/94*3:22pm: E Senna fecha a qualificação baixando de novo o crono. 1.21.548.Enquanto Damon Hill faz P7, em 1.23.199 a mais de 1,6s de Senna, seu colega de equipa. O jovem Hill a dar os primeiros passos. 29/4/94*3:26pm: Final de sessão. Senna melhorou ainda no final e o brasileiro domina a 6ª feira em Imola, marcada pelo acidente de Rubens. Ordem da 1ª sessão, com SEN SCH BER LET LAR FRE HIL HAK MOR BLU no Top10. http://pic.twitter.com/o4Gx6hMUOu 29/4/94*5:40pm: #barrichello está em repouso no hospital Maggiore. Em observação devido ao impacto. Não deverá ser autorizado a fazer GP. 29/4/94*5:45pm: #senna furioso com condições da pista e acidentes de hoje.Discutiu há pouco c/responsáveis de pista sobre falta de segurança discutindo hoje com diretores de Imola mudanças necessárias em Tamburello por segurança http://www.youtube.com/watch?v=fM1CY3hU8Sk 29/4/94*5:50pm: Reportado q #senna foi impedido de entrar no Centro Médico do circuito hoje para ver Rubens ee q pulou por trás da segurança. Ninguém pára um campeão do mundo. Mas imprensa comenta nervosismo do brasileiro com acidente de Rubens. Ele repetiu em 1 minuto, por 7 vezes,"ele tá bem, ele tá bem" 29/4/94*5:55pm: Comenta-se também o modo estúpido e irresponsável, como o carro de Rubens foi virado pelos fiscais. Olhem só. http://www.youtube.com/watch?v=Yx1Uv9b1Bn0 29/4/94*6:02pm: Médicos referem que #barrichello esteve "morto" por minutos pós ter engolido a própria língua, asfixiando. Rubens tem possível traumatismo craniano, fratura do braço direito, contusões na coluna, tórax, nariz e boca. Rubens faz seu 18ºGP, marcou 1º pódio da carreira e para a Jordan no recente GP do Pacífico. Mas,certo, fica de fora em Imola. 29/4/94*6:13pm: Soubemos que quando Rubens voltou a si, foi Ayrton que ele viu. "Oh, garotão", disse #Senna,"Você está bem, fique tranquilo!" 29/4/94*6:15pm: Aqui em Imola a noite vai chegar. Na Williams, mecânicos continuam a trabalhar. Senna exigiu como costume, muitas alterações. Senna passou a tarde entre reuniões para melhorar segurança atroz na pista e a sua boxe onde há alterações a fazer no FW16 29/4/94*8:20pm: Senna voltou ao hotel Castello onde está alojado (Williams e McLaren estão aqui, por exemplo). http://pic.twitter.com/QdtLzbx1Zb 29/4/94*8:25pm: No hall do hotel, encontrámos à conversa há pouco, Patrick Head e Adrian Newey. Eles estão sob pressão, porque o FW16 tem de começar a ganhar aqui em Imola. Senna não pode desperdiçar mais pontos. http://pic.twitter.com/vcwI2r5WLx 29/4/94*8:45pm: As conversas ao jantar repetem-se. O acidente de Barrichello hoje mas as múltiplas saídas de pista em Imola esta 6ªf. 29/4/94*8:50pm: Esta uma foto tirada há pouco ao pôr do sol sob a colina do castelo em São Marino. Venham Raviollis http://pic.twitter.com/9oPALyzQxF 29/4/94*9:05pm: Aqui numa mesa ao lado comenta-se: "Senna queria tanto ir para a Williams e quando vai, a F1 muda por completo!" Como F1 mais avançado em 93, Williams foi equipa q mais sentiu as novas regras. Será essa uma sina q perseguirá Adrian Newey? A ver vamos se daqui a 20 anos não lhe acontece o mesmo ... 29/4/94*9:20pm: A 2ª qualificação começa amanhã às 2pm de Imola, 1pm Portugal, 9am Brasil. Acompanhem ao minuto. Pole para Senna ou Schumi? 29/4/94*9.30pm: Diz aqui um colega da rádio italiana. "Com tanta saída de pista hoje, é difícil não ter domingo a estreia do PaceCar na F1" 29/4/94*23:59pm: Fontes próximas da Jordan, indicam que Rubens está sob vigilância mas bem. De manhã nova avaliação. 30/4/94*00:05am: Sabemos q Senna está nervoso com eventuais outros motivos além do Williams e do acidente de Rubens. Algo q o irmão Leonardo lhe terá dito. Ao que nos chegou aos ouvidos, Leonardo solicitou a Ayrton que amanhã lhe cedesse após o treinode qualificação alguns minutos a sós. Senna avisou o irmão que pretende voltar a Portugal mal o GP termine no Domingo, voando para o Algarve, para a casa na Quinta do Lago. 30/4/94*00:30am: Acabamos de saber q o impacto de Rubens com o Jordan foi de 90G na cabeça. 90x o seu peso. Incrível. Uma foto que ainda não tínhamos apresentado, cedida agora por colega inglês. Rubens ainda no cockpit. http://pic.twitter.com/ESqdu4vXzf 30/4/94*00:33am: Recordamos que o Dr Side Watkins afirmou q Rubens durante alguns minutos sufocou na própria língua. Felizmente recuperou. E POR HOJE É TUDO. ESTAREMOS DE NOVO EM CONTACTO PARA A QUALIFICAÇÃO DE MAIS LOGO (14h em Imola, 13h em Portugal, 9h no Brasil). Até ver a F1 dorme aliviada. Barrichello está a recuperar. Boa noite. Um Obrigado desde o Passado, para o futuro ;) #sennasempre #senna20anos #schumacher #imola94 #barrichello #ratzemberger" width="472" height="315" style="position: absolute; left: -1px; top: 0px;">

IMOLA EM TEMPO REAL - 29 DE ABRIL DE 1994 - 6ª FEIRA 
A QUALIFICAÇÃO EM TEMPO REAL RECUPERADA 

29/4/94*12:15pm: De manhã Senna falou c/Alesi q está em Imola ainda sem correr, após acidente de pre-epoca. Larini substitui-o na Ferrari

29/4/94*12:36pm: ‪#‎Senna‬ e ‪#‎Schumacher‬ esta manhã falaram à BBC sobre as expectativas do GP de Imola.Veja o q disseram http://www.youtube.com/watch?v=iErwQ9Y0q-Y

29/4/94*1:47pm: Boa tarde desde Imola. Dia da 1ª qualificação para o GP de São Marino. Senna foi pole no Brasil e no Pacífico. Terá 3ª pole? Está sol. Bandeiras da Ferrari nas bancadas. Berger e Larini vão ter o apoio dos Tifossi este fim-de-semana.

29/4/94*2pm: Estão 27º de temperatura em Imola no momento em que começa a 1ª sessão de qualificação Karl Wendlinger sai no Sauber pra pista. Imola é 1ª pista de alta velocidade q os carros enfrentam em 94, após alteração técnica que diminuiu apoios eletrónicos

29/4/94*2:05pm: Nenhum dos pilotos da frente ainda saiu. Senna e Schumacher, Hill, Berger. Tudo ainda nas boxes.

29/4/94*2pm: 1.25.8 para Wendlinger na 1ª volta. O Footwork de Morbidelli inicia tb a qualificação. 1.24.013 é o melhor tempo para Frentzen

29/4/94*2:07pm: Brundle no McLaren faz 1.24.4 E Schumacher vem para a pista. E faz a melhor volta em 1.22.564. Senna ainda não respondeu.http://pic.twitter.com/jxpZxFxCoR

29/4/94*2:15pm: Schumacher faz a melhor volta em 1.22.564. Senna não saiu ainda. Schumi na frente até ver Letho Larini Frentzen Morbidelli. Senna vem para a pista para a sua 1ª volta e bate por 134 milésimos o crono de Schumacher nesta 1ª saída. Faz 1.22.430 http://pic.twitter.com/AA9jj7t3a7

29/4/94*2:20pm: E ACIDENTE VIOLENTO com ‪#‎barrichello‬ . Aqui em Imola. Sessão interrompida!!!! O Jordan de Barrichello a sair de frente na Variante Baixa. O carro voou. Vamos esperar que tudo esteja bem com o piloto

29/4/94*2:22pm: É um impacto tremendo este de Rubens. O jovem piloto que no GP do Pacífico obteve o seu 1º pódio. Futura promessa. Aqui está a 1ª foto do acidente. #barrichello http://pic.twitter.com/GPeTwOWPh2

29/4/94*2:24pm: Este é mais um momento que deixa verificar que estes novos carros em 94, têm estranho comportamento aerodinâmico. A equipa do Dr Sid Watkins está já a assistir o piloto brasileiro. http://pic.twitter.com/TpzyC6XQzi

29/4/94*2:26pm: Recordamos sessão interrompida em Imola. #Senna é o mais rápido em 1.22.430 contra 1.22.564 de Schumacher. Chegam mais fotos do incidente com #barrichello http://pic.twitter.com/qQB3pXkqsU

29/4/94*2:26pm: Rubens é retirado do carro e assistido ali mesmo. Ele vai ser levado para o Centro médico aqui mesmo. Mais tarde ao Hospital. O Hospital mais próximo aqui, é o Maggiore em Bolonha. São 12 minutos de Helicóptero.

29/4/94*2:27pm: Foi assim a primeira assistência a Rubens Barrichello.http://pic.twitter.com/SUOf2CRMk6

29/4/94*2:30pm: Letho e Alesi já tiveram acidentes graves este ano, depois do terrível acidente no Brasil de Irvine c/Brundle, agora isto! Via YouTube (que ainda nem existe), desde o futuro, as 1ªs imagens do acidente. Vejam. 
http://www.youtube.com/watch?v=XEmSIMtr4aQ

29/4/94*2:30pm: Chegam informações que Rubens perdeu momentaneamente a consciência mas está estável e em observação. Mais uma foto do impacto de há pouco em Imola. http://pic.twitter.com/Y9icmdpmTJ

29/4/94*2:35pm: Aqui está um close up de Barrichello a ser assistido pela equipa médica, após ser retirado do Jordan. http://pic.twitter.com/8AQt7OqDRR

29/4/94*2:38pm: Barrichello foi transportado para o Centro Hospital do circuito. Em momentos ele irá de heli para o Maggiore de Bolonha. Entretanto mais um vídeo do Futurista You Tube, mostra o impacto e tudo o que se seguiu aqui em Imolahttp://www.youtube.com/watch?v=IEoISok7Jpw

29/4/94*2:40pm: E temos a reação de #Senna ao acidente. Ele tenta chegar junto ao centro médico. http://www.youtube.com/watch?v=j6F6FCSNwEg . Pelas declarações de Senna nas imagens que acabamos de ver, Rubens está abalado mas bem …

29/4/94*2:44pm: Sessão recomeçou. Damon Hill vem para a pista. O colega de Senna ainda não tinha crono. O inglês faz um pião na entrada da reta. Hipoteca o seu crono de volta. Este Williams está instável. http://pic.twitter.com/JZZo4xdG5U

29/4/94*2:49pm: Wow. E o q se passa c/ estes carros nesta pista? Brundle no McLaren na Variante onde Rubens bateu quase ia fazendo o mesmo. Por pouco Brundle não voava também no sítio onde Rubinho bateu. Ele faz pião e fica do lado contrário http://pic.twitter.com/s98IBqcucw

29/4/94*2:49pm: Brundle entrou muito rápido em Rivazza e perdeu controlo. Fica no muro. Acabou a sessão para ele. http://pic.twitter.com/4jmngJCbVK

29/4/94*2:53pm: Gerard Berger leva ao rubro Tifossi de Imola. No Ferrari ele faz 1.22.113,bate o crono de Senna e vem para a pole provisória. Mais rápido que Senna por 317 milésimos que o seu grande amigo #sennahttp://pic.twitter.com/CCh7HHFmFk

29/4/94*3pm: Aqui é Mika Hakkinen no McLaren, com a 1ª volta de qualificação para marcar 1.23.611. Aqui o onboard no MP4-9 http://pic.twitter.com/bdWOwZNNLT

29/4/94*3:01pm: Pedro Lamy é de momento P19 no Lotus. Ordem na frente é BER SEN SCH LET LAR HAK BLU FRE (e agora conseguem decifrar?) https://fbstatic-a.akamaihd.net/rsrc.php/v2/yG/r/yPn8WKWBhkW.png); background-size: auto; display: inline-block; height: 16px; width: 16px; vertical-align: -3px; background-position: -85px -92px; background-repeat: no-repeat no-repeat;">

29/4/94*3:06pm: Estes carros estão muito instáveis numa pista rápida como esta. A aerodinâmica é terrível sem os componentes eletrónicos...Schumacher em nova volta de qualificação faz pião na travagem para Tosa, após a curva Villeneuve. Virou.http://pic.twitter.com/rOPKRmDf5B

29/4/94*3:08pm: Senna volta à pista para a sua 2ª volta de qualificação. Aqui passando por Tamburello (no passado ali bateram feio, Piquet e Berger). Inicio de volta. Regressa à pole? Senna é o único piloto até agora que não melhorou o crono feito de manhã no treino livre. http://pic.twitter.com/FKgK7y1f52

29/4/94*3:12pm: Sim. Senna VOLTA À POLE provisória. Bate o crono de Schumacher por 178 milésimos. http://pic.twitter.com/YkWsWLjQR7

29/4/94*3:15pm: 5 minutos para o final da sessão, rubens Barrichello já chegou ao Hospital Maggiore e está em observação. Mas consciente.

29/4/94*3:16pm: E Senna faz pião em Tosa, exatamente igual a Schumacher há minutos. Esta pista e estes carros não estão compatíveis. Aerodinâmica crítica para 1ª pista de alta velocidade nesta nova era. http://pic.twitter.com/ig6P8MrHqq

29/4/94*3:19pm: De Cesaris com o seu Jordan a bater, perde roda pelo caminho. é o único Jordan após batida de Rubens. http://pic.twitter.com/E2mdJs4yZn

29/4/94*3:19pm: Aqui está o momento em que De Cesaris bateu, pra acabar ali a sua qualificação. Também quase no final http://pic.twitter.com/MskHP4C2GO

29/4/94*3:22pm: E Senna fecha a qualificação baixando de novo o crono. 1.21.548.Enquanto Damon Hill faz P7, em 1.23.199 a mais de 1,6s de Senna, seu colega de equipa. O jovem Hill a dar os primeiros passos.

29/4/94*3:26pm: Final de sessão. Senna melhorou ainda no final e o brasileiro domina a 6ª feira em Imola, marcada pelo acidente de Rubens.

Ordem da 1ª sessão, com SEN SCH BER LET LAR FRE HIL HAK MOR BLU no Top10. http://pic.twitter.com/o4Gx6hMUOu

29/4/94*5:40pm: #barrichello está em repouso no hospital Maggiore. Em observação devido ao impacto. Não deverá ser autorizado a fazer GP.

29/4/94*5:45pm: #senna furioso com condições da pista e acidentes de hoje.Discutiu há pouco c/responsáveis de pista sobre falta de segurança discutindo hoje com diretores de Imola mudanças necessárias em Tamburello por segurança http://www.youtube.com/watch?v=fM1CY3hU8Sk

29/4/94*5:50pm: Reportado q #senna foi impedido de entrar no Centro Médico do circuito hoje para ver Rubens ee q pulou por trás da segurança. Ninguém pára um campeão do mundo. Mas imprensa comenta nervosismo do brasileiro com acidente de Rubens. Ele repetiu em 1 minuto, por 7 vezes,"ele tá bem, ele tá bem"

29/4/94*5:55pm: Comenta-se também o modo estúpido e irresponsável, como o carro de Rubens foi virado pelos fiscais. Olhem só. http://www.youtube.com/watch?v=Yx1Uv9b1Bn0

29/4/94*6:02pm: Médicos referem que #barrichello esteve "morto" por minutos pós ter engolido a própria língua, asfixiando. Rubens tem possível traumatismo craniano, fratura do braço direito, contusões na coluna, tórax, nariz e boca. Rubens faz seu 18ºGP, marcou 1º pódio da carreira e para a Jordan no recente GP do Pacífico. Mas,certo, fica de fora em Imola.

29/4/94*6:13pm: Soubemos que quando Rubens voltou a si, foi Ayrton que ele viu. "Oh, garotão", disse #Senna,"Você está bem, fique tranquilo!"

29/4/94*6:15pm: Aqui em Imola a noite vai chegar. Na Williams, mecânicos continuam a trabalhar. Senna exigiu como costume, muitas alterações. Senna passou a tarde entre reuniões para melhorar segurança atroz na pista e a sua boxe onde há alterações a fazer no FW16

29/4/94*8:20pm: Senna voltou ao hotel Castello onde está alojado (Williams e McLaren estão aqui, por exemplo). http://pic.twitter.com/QdtLzbx1Zb

29/4/94*8:25pm: No hall do hotel, encontrámos à conversa há pouco, Patrick Head e Adrian Newey. Eles estão sob pressão, porque o FW16 tem de começar a ganhar aqui em Imola. Senna não pode desperdiçar mais pontos.http://pic.twitter.com/vcwI2r5WLx

29/4/94*8:45pm: As conversas ao jantar repetem-se. O acidente de Barrichello hoje mas as múltiplas saídas de pista em Imola esta 6ªf.

29/4/94*8:50pm: Esta uma foto tirada há pouco ao pôr do sol sob a colina do castelo em São Marino. Venham Raviollis http://pic.twitter.com/9oPALyzQxF

29/4/94*9:05pm: Aqui numa mesa ao lado comenta-se: "Senna queria tanto ir para a Williams e quando vai, a F1 muda por completo!" Como F1 mais avançado em 93, Williams foi equipa q mais sentiu as novas regras. Será essa uma sina q perseguirá Adrian Newey? A ver vamos se daqui a 20 anos não lhe acontece o mesmo ...

29/4/94*9:20pm: A 2ª qualificação começa amanhã às 2pm de Imola, 1pm Portugal, 9am Brasil. Acompanhem ao minuto. Pole para Senna ou Schumi?

29/4/94*9.30pm: Diz aqui um colega da rádio italiana. "Com tanta saída de pista hoje, é difícil não ter domingo a estreia do PaceCar na F1"

29/4/94*23:59pm: Fontes próximas da Jordan, indicam que Rubens está sob vigilância mas bem. De manhã nova avaliação.

30/4/94*00:05am: Sabemos q Senna está nervoso com eventuais outros motivos além do Williams e do acidente de Rubens. Algo q o irmão Leonardo lhe terá dito. Ao que nos chegou aos ouvidos, Leonardo solicitou a Ayrton que amanhã lhe cedesse após o treinode qualificação alguns minutos a sós. Senna avisou o irmão que pretende voltar a Portugal mal o GP termine no Domingo, voando para o Algarve, para a casa na Quinta do Lago.

30/4/94*00:30am: Acabamos de saber q o impacto de Rubens com o Jordan foi de 90G na cabeça. 90x o seu peso. Incrível. Uma foto que ainda não tínhamos apresentado, cedida agora por colega inglês. Rubens ainda no cockpit.http://pic.twitter.com/ESqdu4vXzf

30/4/94*00:33am: Recordamos que o Dr Side Watkins afirmou q Rubens durante alguns minutos sufocou na própria língua. Felizmente recuperou.

E POR HOJE É TUDO. ESTAREMOS DE NOVO EM CONTACTO PARA A QUALIFICAÇÃO DE MAIS LOGO (14h em Imola, 13h em Portugal, 9h no Brasil). Até ver a F1 dorme aliviada. Barrichello está a recuperar

 

MAIS UM ANIVERSÁRIO DA MORTE DE ALBORETO

MAIS UM ANIVERSÁRIO DA MORTE DE ALBORETO

 

Ontem fez mais um aniversário do piloto italiano Michele Alboreto, que encontrou a morte nuns testes no circuito de Lausitzring.MORTEALBORETOHOJE-CIRCUITO LAUSITZRING

 

MICHAEL SCHUMACHER DESPERTOU DO COMA

Schumacher desperta do coma

 

 ex-piloto alemão sofreu um grave acidente enquanto esquiava a 29 de dezembro de 2013.

Schumacher desperta do coma

O ex-piloto alemão Michael Schumacher acordou do coma em que estava há quase quatro meses, avançou esta sexta-feira a televisão alemã RTL.

No entanto, a porta-voz do antigo piloto é mais contida na informação divulgada. 

"Há pequenos progressos que nos alegram muito e também nos dão muitas esperanças", afirmou a porta-voz Sabine Kehm. "Este tipo de situação já era prevista. A recuperação será demorada e difícil", observou a porta-voz, prometendo dar mais detalhes quando o piloto recuperar totalmente.

Ao fim de quase quatro meses em coma, Schumi terá reconhecido a mulher, de acordo com o veiculado por Sabine Kehm.


Conteúdo publicado por SportInforma

 

PIRELLI E BOTAS VOAM NA ÁGUA

 

pirelli e bottas:

Voam na água

 

 

cinturato verde_intermedioDurante a fase de qualificação para o grande prémio da China, o piloto da Williams, Valtteri Bottas, chegou aos 316 Km/h – aproximadamente 200mph – na reta interior do circuito de Xangai, a mais longa do calendário da fórmula um deste ano.

 

Fê-lo, utilizando o pneu cinturato verde (composto médio), em condições de chuva com visibilidade minima, devido ao “spray” originado pelos restantes carros. Como sempre, o aquaplaning é um verdadeiro desafio, pelos largos pneus usados na Fórmula Um, ao contrário dos carros comuns.

 

Bottas, apenas está na sua segunda época na Fórmula um, e conseguiu tal proeza utilizando um pneu Pirelli que não é especifico para estas condições de piso molhado.

Com uma profundidade no desenho do piso de apenas 2,5 mm, o pneu intermédio tem a capacidade de evacuar 25 litros de água por segundo/pneu, num total de 100 lts, à velocidade máxima. Tal facto, permite uma optima relação entre o pneu e a pista. Para condições de piso bastante molhado, está disponivel o Cinturato Azul, com capacidade para evacuar 65 litros de água por segundo/pneu.

 

Esta tecnologia é obtida através dos pneus Pirelli de estrada, bem como, o pneu Cinturato P7 azul, que visa especificamente o desempenho em piso molhado, foi concebido através do “Know How” e desempenho em condições de chuva dos pneus cinturato utilizados na Fórmula Um.

 

Como resultado, reduziu as distâncias de travagem em piso molhado, em cerca de 9%, face aos seus concorrentes diretos. O Cinturato P7 azul, foi o primeiro pneu a ser premiado com a atribuição “AA” , um novo distico Europeu, colocado no pneu, que classifica  os mesmos pelo seu desempenho.

 

Os novos regulamentos da Fórmula Um para este ano, com “downforce” reduzido, significa que os carros têm menos atrito e são capazes de atingir maiores velocidades. Como resultado, no presente ano serão alcançados os recordes de maior velocidade em reta, e de volta mais rápida, nos circuitos mais rápidos e caracterizados por extensas retas, como o circuito de Monza.

 

 

Paul Hembery (Responsável da Pirelli Motorsport): “Ao observar o Bottas  a  atingir estas velocidades em piso molhado, na China, foi um momento arrepiante, é o que a Fórmula Um transmite. O cinturato verde, intermédio, é o unico pneu que é exatamente igual em relação a 2013, mas que proporciona o máximo controle, mesmo em condições extremamente adversas. Tal desempenho, reforça a enorme coragem e talento dos pilotos da Fórmula Um de hoje, faculdades que o publico deseja ver.”

 

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

DErradeiro grupo de imagens do Grande Prémio da China de Fórmula 1CHINA262CHINA263CHINA264CHINA300CHINA400CHINA401CHINA402CHINA403CHINA404CHINA407CHINA408CHINA409CHINA410CHINA411CHINA412CHINA414CHINA415CHINA417CHINA418

 

G.P.CHINA DE FÓRMULA 1

 

PIRELLI E Bottas : PASSEIO NA ÁGUA


CHINA203CHINA204CHINA205CHINA206CHINA207CHINA208CHINA209CHINA210CHINA250CHINA251CHINA252CHINA253CHINA254CHINA255CHINA256CHINA257CHINA258CHINA259CHINA260Durante a fase de qualificação para o Grande Prêmio da China , Williams Valtteri Bottas motorista Atingido 316kph - que é quase 200 mph - na reta de volta da turnê Xangai : a mais longa na Fórmula Um calendário deste ano.
Ele fez isso usando o pneu intermediário verde Cinturato , em termos tão molhada , que foi mínima visibilidade por causa do spray vindo dos carros ao redor. Como de costume , ele estava Fórmula pneus são largos , o que torna a prevenção de aquaplanagem um verdadeiro desafio, ao contrário dos carros de estrada.
E ainda Bottas , apenas no início da sua segunda temporada na Fórmula Um, conseguiu esta façanha usando um pneu Pirelli que não serve para os ímpares condições muito mais úmidos . Com uma profundidade de piso de apenas 2,5 mm, o pneu intermediário está evacuando capaz de 25 litros de água por segundo por pneu - no total de 100 litros - a toda a velocidade : Bottas descobriram . Isso permite que o contato ideal a ser mantido entre o pneu ea pista . Para condições de chuva completo o Cinturato Azul également , todos os que evacua 65 litros de água por segundo por pneu.
Esta tecnologia é a realizada a estrada pneus de carro da Pirelli , bem como: o pneu Cinturato P7 azul para a estrada, visando especificamente o desempenho do tempo úmido, foi criado especificamente utilizando as lições aprendidas a partir do extremo molhado desempenho clima da Fórmula pneus Cinturato .
Como resultado , reduziu as distâncias de travagem molhadas por 9% em relação aos rivais viver . O Cinturato P7 azul aussi foi o primeiro pneu a receber uma classificação 'AA' pela nova etiqueta de pneus Europeia, Tudo que classifica todos os pneus novos no desempenho.
As novas Formula One Règlements este ano, com downforce Reduzida, isso significa que os carros de ter menos arrasto e são ble para atingir velocidades superiores. Como resultado , analisa alguns dos circuitos mais rápidos nesta temporada, caracteriza-se por retas extensas : como Monza, carros este ano quebrar o recorde da pista de Maio - e olham o jogo para aussi bater o recorde de maiores velocidades no topo retas .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery , comentou: " Vendo Bottas realizar alcançar esses períodos de velocidades , no molhado na China , Washington um dos que deu vezes você arrepios : que é o Formula One é tudo sobre Meant to Be . O Cinturato Verde intermediário é de fato o único pneu em nossas fileiras que é completamente inalterada em relação a 2013 , ainda era objetivo ble para fornecer controle completo extremamente estranho em condições marginais. Esse desempenho sublinha a enorme coragem e talento de pilotos de Fórmula Um de hoje - Tudo que é o que todo mundo quer ver . "

 

4º VITÓRIA PARA A MERCEDES NA F1

 

MERCEDES AMG PETRONAS alcança 4ª vitória consecutiva

 

A MERCEDES AMG PETRONAS alcançou a sua terceira vitória consecutiva comambos os pilotos a terminarem a corrida nas duas primeiras posições. Esta foi a quarta vitória este ano para a equipa MERCEDES AMG PETRONAS em quatro Grandes Prémios – Austrália, Malásia, Bahrain e China. Lewis Hamilton conquistou a sua terceira vitória da época, desde vez no Grande Prémio da China, com Nico Rosberg a terminar na segunda posição.

 

  • Lewis Hamilton liderou a prova desde a poleposition até ao final da corrida para conquistar a 4ª vitória para a equipa e a 17ª para os SilverArrows;
  • Lewis Hamilton alcançou o marco de 25 vitórias na sua carreira, igualando Niki Lauda e Jim Clark, colocando-o em 8º na lista dos melhores pilotos;
  • Lewis Hamilton apenas parou em duas voltas, na 17ª e 38º;
  • Nico Rosberg também efetuou duas paragens em toda a corrida, na 13ª e 37ª volta.

 

  Pilotos

  Número viatura

  Chassis

  Resultado final / Volta mais rápida

  Lewis Hamilton

  44

  F1 W05 / 01

P1        1:41.196

  Nico Rosberg

  6

  F1 W05 / 03

P2        1:40.402

 Grande Prmio_da_China_1Grande Prmio_da_China_2

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

DESEMPENHO MUITO FORTE DE MÉDIO NA CHINA DOS PNEUS
Garante apenas dois pit stops para Top 15
 PNEUS macio usado para começar a corrida em exigir condições de frio
 FORMULA ONE agora dirige à Europa:
SEGUNDA TEMPORADA DE PNEUS IN- teste após GP da Espanha


Um número de diferentes opções de estratégia de pneus disponíveis antes eram o Grande Prêmio da China , o objetivo muito forte desempenho do pneu médio no segundo stint permitiu o top 15 para dois pontos finais apenas em um dos mais exigentes circuitos do ano.
Com algumas curvas muito longas e altas g- forças exercidas apenas as demandas Xangai circuito no pneu dianteiro esquerdo , em particular. Finalidade a durabilidade adicional dos 2014- especificação P Zero pneus permitidos piloto da Mercedes Lewis Hamilton para tomar sua terceira vitória consecutiva de corridas de forno , com apenas dois pit stops , ao contrário de três paradas que formou a estratégia vencedora na China no ano passado.
Hamilton construiu sua vitória a partir da pole , fazendo o jogo de pneus macios que ele começou a corrida , juntamente com o último para que seus rivais viver . Em seguida, ele completou um segundo stint longo sobre o pneu médio, tudo o que era essencial para a sua estratégia de duas paradas , ea dos outros motoristas. Como resultado Hamilton poderia terminar a corrida no pneu médio novamente eficaz apenas mais um pit stop para ganhar 18,6 segundos. Este foi 25 º vitória da raça do inglês , Equalling o benchmark definido por seu chefe Niki Lauda , bem como lenda escocesa Jim Clark.
As temperaturas frias , abaixo de 20 graus Constantemente ambiente e natureza muito exigente da pista três paradas foram significava que uma forte possibilidade de , com suas muitas equipes mantendo opções abertas . Maior durabilidade da meta pneus Pirelli deste ano fez duas paradas a norma, graças a estratégias versáteis das equipes . Temperatura ambiente de 18 graus e temperatura da pista de 21 graus muito menos do que aqueles eram vistos no ano passado : 28 e 40 graus , respectivamente.
Kevin Magnussen , da McLaren, foi o único piloto a começar a corrida na P Zero Branco médio do pneu, enquanto todos os outros pilotos começaram no macio P Zero Amarelo .
Formula One agora segue para a Europa , com o segundo teste de dois dias na temporada do ano ocupando parceiro após o Grande Prêmio da Espanha . Sauber e Toro Rosso estará testando para pneus Pirelli em 2015 , no dia da prova de abertura, seguida por McLaren e Force India no dia dois .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery , disse : "Depois de uma sessão de qualificação molhada de ontem, todos os motoristas tiveram sua destinação integral de pneus slick para a corrida. Desde o início das estratégias estavam abertos : que ia ser uma corrida de dois ou três stop, com o desempenho do pneu macio no primeiro stint , bem como o pneu médio no segundo stint segurando a chave para o potencial de cada motorista. Foi onça claro que um ligeiro aumento na temperatura da pista hoje não foi vai - ter um efeito significativo em termos de granulação no pneu macio , as equipes concentrados na principal pneu de corrida : o meio . Geralmente as temperaturas Ao longo deste fim de semana -ter-sido baixa - entre as mais baixas - vimos caindo sobre uma corrida de fim de semana ao longo dos últimos três anos - e , como resultado, viu granulação no macio Alguns pneus em particular, todos os que aussi causou algumas bolinhas de gude na parte de trás em linha reta. Isso não é algo que gostamos de ver , visam , dadas as circunstâncias , era de se esperar. Degradação no pneu médio foi inferior a um décimo de segundo por volta aqui, enquanto a degradação no macio era pouco mais de dois décimos de segundo. "
Vezes mais rápido do dia pelo composto :
 Suave Médio Intermediário Wet
Primeiro GUT - 1m42.257s ROS - 1m40.402s N / A N / A
Segundo HAM - 1m42.553s HAM - 1m41.196s N / A N / A
Terceiro MAG - 1m42.842s RIC - 1m41.473s N / A N / a
Longest stint da corrida:
Período de soft 17 Hamilton, Vergne
Quadro Médio 27 Button, Bianchi
Intermediário N / D N / D
Wet N / A N / A
Verdade -O- Meter:
Nossa previsão para o mais rápido corrida 56 voltas em soft start FOI , mude para macio novamente na volta 14 e então na volta 28 para médio Nós também sugerida uma estratégia de duas paradas alternativa. Comece em macio, médio para trocar na volta 12 , em seguida, novamente na volta 34 médio.
O torneamento provou ser a escolha vencedora . Hamilton parou pela primeira vez na volta 17 para médiuns e depois novamente para mais médiuns na volta 38.

 

 

Google TradutorCHINA85CHINA86CHINA87CHINA88CHINA89CHINA90CHINA91CHINA92CHINA93CHINA94CHINA95CHINA96CHINA98CHINA100CHINA101CHINA102CHINA103CHINA104CHINA110CHINA111CHINA114CHINA115CHINA116CHINA120CHINA121CHINA122CHINA123CHINA124CHINA126CHINA127CHINA128CHINA129CHINA130CHINA131CHINA132CHINA200CHINA201

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

2014 Grande Prêmio da China - A partir de pneus line-up


No Grande Prêmio da China os pneus são os seguintes :CHINA72CHINA73CHINA74CHINA76CHINA77CHINA78CHINA79CHINA80CHINA81CHINA82CHINA83CHINA84
Hamilton New Soft
Ricciardo suave Nova
Vettel suave Nova
Rosberg New Soft
Alonso suave Nova
Massa macia Nova
Bottas suave Nova
Hulkenberg suave Nova
Nova Vergne Macio
Grosjean suave Nova
Raikkonen suave Nova
Novo botão do software
Nova Kvyat Macio
Nova Sutil Macio
Magnussen New Medium
Nova Perez Macio
Nova Gutierrez Macio
Nova Kobayashi Macio
Nova Bianchi Macio
Ericsson suave Nova
Nova Chilton Macio
Nova Maldonado Macio

 

HAMILTON VENCE NA CHINA

Lewis Hamilton vence Grande Prémio da China em Fórmula 1

Em segundo lugar ficou o alemão Nico Rosberg (Mercedes) e em terceiro o espanhol Fernando Alonso (Ferrari).

Nico Rosberg continua a liderar o Campeonato Mundial, com 79 pontos, à frente do seu companheiro de equipa Luis Hamilton, com 75 pontos, depois de pela terceira vez terem terminado juntos em primeiro e segundo lugares.

Agência Lusa

 

HAMILTON NA POLE

GRANDE PRÉMIO DA CHINA DE FÓRMULA 1

 

HAMILTON NA POLE

 

 

Lewis Hamilton, foi o autor de mais uma pole, desta feita no Grande Prémio da China, onde teve a seu lado o Red Bull Renault de Ricciardo.A segunda linha foi composta por Vettel num Red Bull REnault, seguido pelo Mercedes de Nico Rosberg, estando as CHINA51CHINA52CHINA53CHINA54CHINA55CHINA56CHINA57CHINA58CHINA59CHINA60CHINA71CHINA72CHINA73CHINA74CHINA76CHINA77CHINA78CHINA79CHINA80CHINA82CHINA83CHINA84CHINA85CHINA86CHINA87CHINA88CHINA89CHINA90CHINA91CHINA92CHINA93linhas seguintes ocupadas pelo Ferrari de Fernando Alonso, e pelo Williams de Filipe Massa.

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

NTERMÉDIO DE PNEUS A CHAVE AO TOP 10 tiroteio em condições de chuva
 Velocidade máxima de 316 NO KHP em frente na PNEUS INTERMEDIÁRIO


 TERCEIRA SESSÃO DE QUALIFICAÇÃO DE QUATRO corridas a realizar no molhado


Pela terceira vez em corridas de forno , de qualificação foi realizada em circunstâncias chuvosas - tornando este um dos mais chuvosos começa a temporada na memória recente . Os 10 melhores pilotos todos utilizados Cinturato pneus da Pirelli para definir intermediários Seus melhores tempos para a pole position shoot-out : a única de pneus nas fileiras que não mudou Comparado ao ano passado .
Com a chuva Persistindo Durante todo o dia , os pilotos usaram a última sessão de treinos livres na parte da manhã para a Avaliação das condições molhadas. NO ENTANTO, sem set-up permitiu a troca de qualificação eficaz , a maioria é motoristas estavam usando uma configuração comprometida hoje - , a fim de estar pronto para uma corrida seca amanhã , Tudo que é como igualmente provável que mais chuva .
A maioria Ambos os pilotos usaram o pneu cheio molhada e intermediária cair no dia , com baixos níveis de desgaste em temperaturas ambientes que não excederam 16 graus centígrados durante todo o dia .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "O desempenho de nosso pneu intermediário , Tudo o que elimina cerca de 25 litros de água por segundo em alta velocidade, foi claramente demonstrado por Williams motorista Valtteri Bottas , chegaram a 316kph - que é 196 mph - na reta em termos que eram muito molhado mesmo. Vimos um tempo de passagem de cerca de 1m56s entre o total molhado e intermediário , Tudo o que realça o trabalho que tem feito - no pneu de chuva durante o inverno para trazê-lo mais perto da intermediária. Estas condições não foram fáceis e que o sistema é sempre muito exigente para os pneus de propósito usar baixos níveis -ter-sido . Passablement inexistente nas partes traseiras e apenas algumas abrasão leve na testa, dependendo da equipe "
A estratégia preditor Pirelli :
Com circunstâncias molhadas hoje , o objetivo apenas 50% sorte de chuva amanhã , a estratégia vai - tem que ser reativo. No entanto, se as condições de ficar seco , Teoricamente a maneira mais rápida de combater a corrida de 56 voltas (com o melhor desempenho e comprometida entre a posição da faixa) é a seguinte : comece em suave e macio para mudar novamente na 14 ª volta e depois volta para o meio 28 .
Uma estratégia de duas paradas alternativa é : comece em macio, médio para trocar na volta 12 , Em seguida, novamente na volta 34 médio.
Compostos mais rápidos FP3 :
 Ricciardo 1m53.958s New Intermediate
 Massa 1m54.492s New Intermediate
 Grosjean 1m54.514s Intermediário Usado
Top 10 utilização de pneus :
 Hamilton 1m53.860s New Intermediate
 Ricciardo 1m54.455s New Intermediate
 Vettel 1m54.960s New Intermediate
 Rosberg 1m55.143s New Intermediate
 Alonso 1m55.637s Intermediário Usado
 Massa 1m56.147s Intermediário Usado
 Bottas 1m56.282s New Intermediate
 Hulkenberg 1m56.366s New Intermediate
 Vergne 1m56.773s New Intermediate
 Grosjean 1m57.079s New Intermediate

 

Google TradutorCHINA14CHINA15CHINA16CHINA17CHINA18CHINA19CHINA20CHINA30CHINA31CHINA32CHINA33CHINA34CHINA35CHINA36CHINA37CHINA38CHINA39CHINA40

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

Temperaturas abaixo de 20 graus Caracterizar TREINOS LIVRES


TEMPO MÉDIO ENTRE GAP SOFT E COMPOSTOS de 1,5 segundos
 CHUVA ESPERADO PARA QUALIFICAÇÃO DE AMANHÃ


CHINA1CHINA2CHINA3CHINA4CHINA5CHINA6CHINA7CHINA8CHINA9CHINA10CHINA11CHINA12CHINA14Tempo terá um grande efeito sobre o comportamento dos pneus Durante todo o fim de semana chinês Grand Prix, com treinos livres de hoje caracteriza-se por clima frio e possibilidade de chuva para a qualificação de amanhã. As temperaturas ambiente e de pista caiu para 13 graus centígrados e 15, respectivamente, caindo sobre FP1 , esta manhã, antes de se tornar um pouco mais quente durante a tarde.
Como resultado, os motoristas de azedo Had To Be Seus pneus aquecendo corretamente , a fim de extrair o melhor desempenho possível e proteger contra a granulação . Para aquecer o composto , o motorista tem que gradualmente colocar mais calor no pneu e energia caindo no colo para fora, de modo que o composto reage com a área de superfície para gerar aderência. Quando a granulação do pneu acontece simplesmente patins em todo o asfalto invés de ligação com ele , fazendo com que os padrões de desgaste de onda como em toda a área da superfície da banda de rodagem . Graining era visto por alguns motoristas que caem em treinos livres , o objectivo manteve-se dentro dos níveis esperados .
Paul Hembery : "Temos visto bastante uma grande lacuna em termos de tempo de volta entre os dois compostos hoje: entre 1,4 segundo e 1,8 segundos, dependendo do time. Estas são circunstâncias excepcionais porque as temperaturas são muito mais frias do que nós esperamos ver mais Será que o resto da temporada, e com a chuva esperada amanhã , tempo REMAIN , obviamente, um grande fator , ao longo deste fim de semana. Houve Alguns granulação , mas não mais do que seria de esperar em circunstâncias tese. Vamos analisar todos os dados hoje à noite , mas até agora as equipes esperam Gostaríamos de receber cerca de 20 para abranger de um conjunto de pneus macios e enquadrar Aproximadamente 25 a partir de um conjunto de médios . A degradação nos pneus médios é de cerca de metade do que estamos vendo com os pneus macios : o desempenho em termos de pneu médio perde cerca de 0,15 segundos por volta na corrida guarnição , Considerando que o pneu macio perde cerca de 0,3 segundos por volta . Nós estamos olhando para entre dois e três pit stops no domingo a partir do que podemos ver até agora . "
FP1 : FP2 :
Alonso 1m39.783s - Medium Nova Hamilton 1m38.315s - Macio Novo
Rosberg 1m40.181s - Médio Alonso usado 1m38.456s - Macio Novo
Ricciardo 1m40.772s - Medium Nova Rosberg 1m38.726s - Macio Novo
Estatísticas de pneus do dia :
 Médio Macio Intermediate Wet
kms impulsionado * 3.722 1.744 N / A N / A
foram utilizados grupos geral 65 ** 22 N / A N / A
Maior número de período ** 27 22 N / A N / A
* O texto acima dá o número total de quilómetros percorridos FP1 e FP2 Valor hoje , todos os drivers combinados .
Por ** composto , todos os drivers combinado .
Na Revista P Zero:
A nova revista P Zero, uma inovação da Pirelli para esta temporada, contém fatos sobre o Grande Prêmio da China e tudo o que está acontecendo no mundo da Pirelli com o passado , presente e futuro . Esta nova revista eletrônica dinâmica, tudo que contém vídeos e outros feliz interativo atualizado ao longo do fim de semana, pode ser acessado através do site da Pirelli ou no link a seguir: http://magazine.pzero.com
Pirelli fato do dia :
A fábrica da Pirelli em Yanzhou , China ( um dos dois no país ) é a grande maior das 22 fábricas em todo o grupo . Capacidade máxima para pneus de carro na fábrica é de até 10 milhões de unidades por ano.

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

GP DA CHINA 2014

 

P ZERO Branco (composto médio) e  P ZERO amarelo

(composto macio), para o GP da china

 

as melhores opções para as variadas exigências do circuito de xangai

 

O grande prémio da china é dominado tradicionalmente pela estratégia

 

Os pneus serão atribuídos aleatoriamente às equipes pela fia

 

 

Os pneus P Zero Branco (composto médio) e P Zero amarelo (composto macio), serão os utilizados no Grande Prémio da China, sendo  uma corrida de estratégia, como tem acontecido até então. Mesmo utilizando estratégias diferentes, os pilotos costumam terminar a corrida juntos, protagonizando nas ultimas voltas, um final emocionante. A combinação de um asfalto macio e diferenciadas, mas exigentes tipos de curvas, comprova a versatilidade e adaptação dos pneus às diversas exigências do circuito de Xangai

 

Paul Hembery (Responsável da Pirelli Motorsport): “ Esta, será a terceira corrida do ano com a combinação dos compostos macio e médio, logo a seguir ao teste na prova do Bahrain, as equipes estão a começar a acumular mais experiência do desempenho dos pneus com as especificações dos carros de 2014. Como resultado, a estratégia tem mostrado que é um  fator muito importante nas corridas. China é um circuito que já demonstrou no passado, a importância de uma boa estratégia de pneus, de modo a que as equipes possam assimilar e colocar os dados na primeira parte da temporada, de forma a garantir a máxima eficácia e utilizar as melhores opções de estratégia para a mais recente geração de pneus - P Zero. Antes, observámos tempo instável em Xangai, assim, a chave para obter o máximo rendimento deles, será a capacidade de assimilar a informação de uma forma rápida de acordo com as circunstâncias de mudança.

 

Jean Alesi (Consultor da Pirelli): “A China não é um circuito que conheço bem, mas ele dá-nos sempre muita animação, e este, é o ponto do ano, quando a estratégia começa a ficar importante, porque as equipas começam a explorar o potencial e respectivas capacidades dos seus carros, após o primeiro período de desenvolvimento. No caso dos pneus, é muito importante, porque já nos apercebemos do rápido desenvolvimento que as equipes  tem realizado  junto dos mesmos. Bahrein foi uma corrida fantástica, por isso, se pudermos assistir a batalhas semelhantes ao longo da época, projetamos uma temporada fantástica”.

Como são atribuídos os pneus para cada corrida:

Os pneus são atribuídos de uma forma aleatória, com a ajuda de um código de barras, o processo é realizado pelo orgão regulador do desporto – a FIA. O código de barras é o “ passaporte ”, este é inserido na estrutura do pneu durante o processo de vulcanização e não pode ser trocado. O código contém todos os detalhes de cada pneu, tornando-o localizável durante todo o fim de semana de corrida, através do software RTS da Pirelli (Racing Tyre System). A FIA recebe uma lista dos pneus com os códigos de barras e atribui cada pneu de forma aleatória às equipes. A própria Pirelli não está envolvida na totalidade do processo, o que significa que a empresa Italiana não pode influenciar o modo como são atribuídos os pneus às equipes, no entanto, existe um rigoroso processo de controle de qualidade ao garantir que os pneus são totalmente idênticos à saida da fábrica. Já no circuito, os pneus são distribuídos às equipes em perfeita conformidade com a lista que foi previamente elaborada pela FIA. Os códigos de barras permitem à Pirelli e FIA, garantir que as equipas estão a usar os pneus corretos de acordo com os regulamentos.

O circuito do ponto de vista dos pneus:

Em Xangai, os pilotos realizam uma série de curvas rápidas, realizadas em plena acelaração, o que pode vir a acontecer que exercam um “torque” superior nesta prova. Em particular, as curvas 3, 4, 7, 8 ,12 e 13, requerem uma acelaração progressiva, no entanto, é importante ter o mapa ideal do motor, de modo a não derrapar e patinar em demasiado, para não danificar os pneus.

 

Os elevados níveis de pressão aerodinâmica exercidos na China, corresponde a altas velocidades em curva, com forças que podem exceder 3,8g. Os pneus mais macios são submetidos a forças maiores em curva, de modo a gerar maior aderência. Aproximadamente 80% de uma volta ao circuito é realizado em curva.

 

O circuito de Xangai apresenta uma série de longas retas, em que estas têm um efeito sobre os pneus. As retas proporcionam baixar a temperatura dos pneus, o que significa que rapidamente têm que voltar à temperatura ideal para as curvas seguintes.

 

O P Zero Branco, é um composto de utilização  média, enquanto que o P Zero Amarelo de utilização macia é de grande eficácia. Ambos, garantem e permitem a capacidade de funcionar em diversas condições, a razão porque a combinação provou ser tão eficaz este ano.

 

O G.P. China é o circuito mais exigente do ano para os travões, com o novo sistema de travagem por cabo, este também afecta os pneus. Em Xangai, estes são submetidos a forças de travagem com o pico de 4.3g.

No ano passado, foi o Ferrari de Fernando Alonso que venceu a corrida, com uma estratégia de três paragens nas boxes. Iniciou a corrida com pneus macios na terceira posição da grelha de partida, Jenson Button em McLaren terminou em quinto lugar, com apenas duas deslocações às boxes.

 

Mais informaçôes sobre Xangai e procura de informação de pneus, bem como, sobre as carateristicas dos compostos e borracha de 2014, pode ser visualizado numa animação realizada em 3D pela Pirelli. 

 

EXPRESSÃO FERRARI

EXPRESSÃO FERRARI

 

 

Era este o semblante dos responsáveis da equipa de Fórmula 1 da Ferrari no Grande Prémio do Bahrein, onde as prestações da marca italiana ficaram abaixo do que era esperado....ferrariexpressao

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

 

Grupo de imagensf3f4f5f6f7f8f9f10f270f280f281f295f296f297f298f299f300f301f302f303f304f305f306f307f308f309f310f311f312f403f404f420f421f422f423f424f425f426f434f1000f1001f1002f1003f1004f1005f1006f1007f1008f1010f1011f4011F12014GP02BHR JK1539288 relacioanodas com o Grande Prémio de Fórmula 1 do Bahrein.f1f2

 

TESTES PIRELLI NO BAHREIN

 

Teste 2014- temporada no Bahrein : 8-9 abril de 2014


PIRELLI Primeira Temporada Completa IN- ENSAIO DE CARROS 2014
Caterham MERCEDES E WILLIAMS cada dia de testes Um dedicar a
PIRELLI PNEUS tentando sair para 2015
HAMILTON SETS MAIS RÁPIDO TEMPO EM NOVO PIRELLI PNEUS EXPERIMENTAL

 


Pirelli completou o primeiro teste na temporada usando os atuais 2.014 carros : uma inovação para este ano projetado para ajudar o pneu -maker italiano Desenvolver pneus adequados para a Fórmula Um carros de última geração .
Um total de oito novos edifícios e seis novos compostos testados foram caindo nos dois dias : dividida entre Caterham na terça-feira Então Mercedes e Williams na quarta-feira . Apenas uma variável de cada vez foi testado , por isso, se um novo composto estava sendo testado , então o edifício seria o atual (e vice- versa). As equipes alternaram protótipo é executado com corridas existentes de base sobre os pneus , para fins de comparação .
Os 250 pneus experimentais Trazido a Bahrain , que se distingue por ser livre de quaisquer listras da cor na parede lateral , eram exclusivamente projetado com 2015 em mente. Ao longo dos dois dias , a Pirelli completou um total de 110 período e em torno de 595 km com pneus experimentais , no ambiente e acompanhar as temperaturas que foram muito mais quentes do que as do grande fim de semana prix .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "A oportunidade de testar com os carros atuais é algo Abebooks web- se sempre desejou e Era vital se ter esta escrito nas Règlements este ano. Fizemos progressos Útil ao longo dos dois dias de testes do protótipo de pneu , experimentando uma série de soluções com 2015 em mente, em condições exigentes. Tendo este valiosos dados acumulados durante dois dias , vamos agora analisá-lo para avaliar cuidadosamente o melhor desenvolvimento de lideranças para o próximo teste na temporada em Barcelona, ​​onde esperamos ver outras evoluções no desempenho do carro. "
Fatos de teste:
As máximas de temperatura de 35 graus foi alcançado ambiente e 44 graus na pista em duas horas na quarta-feira .
O tempo mais rápido set Ao longo dos dois dias de testes foi um ponto de referência 1m34.136s de Hamilton na quarta-feira de manhã, em um pneu experimental.
Além de correr com os pneus experimentais , as equipes que não foram especificamente de testes da Pirelli correu com os pneus atuais. As equipes são permitidas um máximo total geral de 135 conjuntos de pneus para testar este ano, incluindo o teste na temporada.
Caterham correu um total de 64 períodos com Frijns na terça-feira antes de um problema hidráulico reduzido funcionando no período da tarde . Frijns testado um novo edifício e dois novos compostos.
Na quarta-feira Mercedes correu um total de 120 quadros com Lewis Hamilton , testando três novos edifícios e três novos compostos. Williams correu um total de 64 períodos, com Felipe Nasr , testando dois novos edifícios e um novo composto . A equipe parou no período da tarde com uma questão técnica.
O próximo teste na temporada vai ocupar parceiro após o Grande Prêmio da Espanha . Sauber e Toro Rosso vai testar para Pirelli no dia de abertura , seguida por McLaren e Force India no dia dois . O pneu de teste final será realizada no Silverstone parceiro após o Grande Prêmio da Inglaterra . Ferrari e Lotus irá conduzir no dia de abertura , seguido por Red Bull e Marussia no dia dois .
Vezes Testando :
dia 1
Rosberg Mercedes 1m35.697s Macio
Hulkenberg Force India 1m36.064s Macio
Alonso Ferrari 1m36.626s Médio
Magnussen McLaren 1m36.634s Macio
Bottas Williams 1m37.305s Macio
Chilton Marussia 1m37.678s Supersoft
Ricciardo Red Bull 1m38.326s Macio
Sirotkin Sauber 1m39.023s Macio
Frijns Caterham 1m40.027s Experimental
Maldonado Lotus 1m40.183s Macio
Kvyat Toro Rosso 1m40.452s Macio
dia 2
Hamilton Mercedes 1m34.136s Experimental
Vergne Toro Rosso 1m35.557s Supersoft
Magnussen McLaren 1m36.203s Macio
Perez Force India 1m36.586s Macio
Ricciardo Red Bull 1m37.310s Macio
Bianchi Marussia 1m37.316s Supersoft
Van der Garde Sauber 1m37.623s Macio
Alonso Ferrari 1m37.912s Médio
Ericsson Caterham 1m39.263s Macio
Nasr Williams 1m39.879s Experimental
Grosjean Lotus 1m43.732s Macio

 

Google Tradutorf132f133f134f135f136f137f138f139f140f141f142f141f142f143f143f150f151f152f153f155f156f157f158f159f252f253f254f255f256f257f260f261f262f263f264f264f265f266f267f268f269f269f270f280f281f295f296f297f298f299f300f301f302f303f304f305f306f307

 

DUPLA PARA A MERCEDES

 

MERCEDES AMG PETRONAS com dupla vitória no GP do Bahrain

 

Lewis Hamilton venceu com uma pequena margem sobre o segundo classificado e colega de equipa, Nico Rosberg, numa longa e dura prova no GP do Bahrain. Esta é a segunda vez este ano que a equipa MERCEDES AMG PETRONAS acaba entre as duas primeiras posições, aumentado assim a sua liderança no campeonato de construtores.

 

  • Lewis Hamilton conquistou a sua 24ª vitória da carreira e a sua 3ª ao serviço da equipa MERCEDES AMG PETRONAS;
  • Nico Rosberg conquistou o seu 14º pódio da carreira na Fórmula 1, o 12º para a equipa, naquele que marcou a sua participação número 150 num Grande Prémio;
  • Apenas 1.085 segundos separaram os dois pilotos no final da prova, com 0.088 segundos a separarem as suas voltas mais rápidas;
  • Lewis teve uma paragem para mudança de pneus na volta 19, alterando novamente na volta 41 durante a entrada do safetycar;
  • Nico Rosberg parou na volta 21 para troca para pneus médios, voltando a parar novamente durante a entrada do safetycar na volta 41;
  • Ainda no pódio, no 3º lugar, esteve mais um monolugar equipado com um motor Mercedes-Benz. De salientar ainda que 6 das 10 primeiras posições foram monolugares com motor Mercedes-Benz.

 

Pilotos

ViaturaNo.

  Chassis No.

Resultados / Volta mais rápida

  Lewis Hamilton

  44

  F1 W05 / 01

P1        1:37.108

  Nico Rosberg

  6

  F1 W05 / 03

P2        1:37.020F12014GP02BHR JK1539288

 

O ESTOURO

O ESTOURO

 

Emplogante foram ontem as imagens que protagonizaram o contacto entre o Lotus de Maldonado e o Sauber de Gutieerez, que acabou em péssimo estado, felizmente sem consequencias para o condutor.

 

Motivado por este incidente de corrida, o safety car esteve em pista uma série de voltas, e Maldonado foi castigadoi com cinco posições no próximo Grande Prémio da China, para além de ter sido considerado culpado, e foi-lhe imposto três pontos de penalização na sua super licença.Esta é uma nova penalização, e caso um piloto atinga doze pontos o piloto é impedido de alinhar no Grande Prémio seguinte.estourof1estourof2estourof3estourof4estourof5estourof6estourof7estourof8estourof9estourof10estourof11estourof12estourof14estourof15estourof16estourof17estourof18estourof19estourof20estourof21estourof22estourof24estourof25estourof26estourof27estourof28estourof29estourof30estourof31estouroif23

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

Estratégias mistas E SEGURANÇA DOS PNEUS CAR
CENTRAL PARA LIDERAR BATALHAS


DESEMPENHO GAP ENTRE MÉDIO E PNEUS DROPS SOFT
TRACK AS temperaturas caem durante a corrida NOITE
DE TERÇA-FEIRA, Caterham MERCEDES E WILLIAMS
Irá testar para a Pirelli Pneus em BAHRAIN

f100f101f110f150f151f152f153f222f223f224f225f230f231f232f235f236f237f238f239f240f241f242f243f244f245f246f247f248f249f250f251f252
Tiro era a estratégia central para um dos grandes preços mais renhida da história recente , com um jogo emocionante final por um safety car , quando havia apenas 10 deixaram de ir período.
Após o reinício , o piloto da Mercedes Lewis Hamilton levou no pneu médio de Seu companheiro de equipe, Nico Rosberg , você já usou uma estratégia de duas paradas diferentes para terminar a corrida com o pneu macio mais rápido. Apesar de ter um pneu que foi mais lento Teoricamente, Hamilton foi ble adiar Rosberg - que estabeleceu a volta mais rápida - para tirar back- to-back vitórias. Batalhas semelhantes ocorreram durante todo o top 10 , com motoristas batalhando compostos mais rápidos contra Aqueles nos pneus dianteiros em mais lento, dependendo da estratégia que haviam selecionado.
No entanto, uma diferença de mais de um segundo entre o meio P Zero Branco e P Zero pneu amarelo suave no calor do dia foi reduzida consideravelmente mais frio nas circunstâncias da noite, quando as temperaturas da pista caiu três graus caindo no 57 voltas corrida.
Os seis melhores tudo adotou uma estratégia de duas paradas (algumas Ajudado pelo carro de segurança ) com o Red Bulls de Sebastian Vettel e Daniel Ricciardo usando táticas diferentes para terminar em quarto e sexto do 13 º e 10 º no grid , respectivamente. Vettel foi um dos apenas dois pilotos para começar a corrida com o pneu médio.
Desde terça-feira, as equipes vão embarcar no primeiro teste na temporada do ano. De acordo com os Regulamentos 2.014 conteúdo , cada equipe deve dedicar um de seus dias de teste na temporada a Pirelli para testes de pneus. Na terça-feira , Caterham vai testar para Pirelli , Seguido por Mercedes e Williams na quarta-feira .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "Nós vimos algumas corridas fantásticas roda -a- roda no Bahrein, em que a estratégia de pneus e espaço de gestão desempenhado um papel definido. Com as temperaturas da pista caindo, Algumas equipes alterou sua estratégia de três para dois batentes. Quando você tem um carro - segurança perto do fim e motoristas foram grande variedade de pneus diferentes, garante sempre deve terminar ano emocionante. Agora vamos começar a preparar para o primeiro teste na temporada do ano. Ter a oportunidade de testar para o futuro com a atual geração de carros é algo que saudamos Certamente, por isso estamos ansiosos para ver o que nós podemos sair dela . "
Estratégia de pit stop para oito primeiros :
Hamilton é soft start , mude para suave na volta 19 para mudar na volta 41 médio
Rosberg : comece em macio, médio para trocar na volta 21 para mudar suave na volta 41
Perez é soft start , mude para suave na volta 16 para mudar médio na volta 34
Ricciardo : comece em macio, médio para trocar na volta 18 para mudar suave na volta 35
Hulkenberg : um arranque suave , altere a suave na volta 15 para mudar médio na volta 35
Vettel : comece no meio , alterar a suave na volta 16 para mudar suave na volta 34
Massa : comece em , macio em lap13 à mudança, mudança suave para suave na volta 28 para mudar médio na volta 38
Bottas : iniciar um aplicativo, alterar a suave na 10 ª volta para mudar suave na volta 25 para mudar médio na volta 40
Vezes mais rápido do dia pelo composto :
 Suave Médio Intermediário Wet
Primeiro Rosberg - 1m37.020s Hamilton - 1m37.108s N / A N / A
Segundo Ricciardo - 1m39.269s Hulkenberg - 1m38.785s N / A N / A
Terceiro Vettel - 1m39.312s Massa - 1m39.272s N / A N / A
Longest stint da corrida:
Período Suave 24 S Vettel
Estrutura média 24 S Perez
Intermediário N / D N / D
Wet N / A N / A
Verdade -O- Meter:
Nossa previsão para o mais rápido corrida 57 voltas era na verdade uma estratégia de três paradas , nosso objetivo aussi Disse um dois- parada foi possível: começar em meio suave e macio para mudar de novo no colo 22 , depois para na volta 44. Estávamos perto . Hamilton começou no macio, fez sua primeira parada para softs novamente na volta 19 e seu stint final sobre o médio do colo 41.

 

Google Tradutor

 

HAMILTON VENCE DE NOVO

Hamilton vence GP do Bahrein, Rosberg mantém liderança do Mundial de fórmula 1

Hamilton conquistou a segunda vitória consecutiva, concluindo as 57 voltas com menos um segundo do que Rosberg e 22,9 do que o mexicano Sergio Perez (Force India), enquanto o tetracampeão mundial, o alemão Sebastien Vettel (Red Bull), foi sexto, a 29 segundos.

No Mundial, Rosberg mantém-se na liderança, com 61 pontos, mais 11 do que Hamilton, com o alemão Nico Hulkenberg (Force India), a subir a terceiro, com 28. Vettel é quinto, com 23, menos três do que o espanhol Fernando Alonso (Ferrari).

Agência Lusa

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

2014 Bahrain Grand Prix - A partir de pneus line-up
Aos motoristas Bahrain Grand Prix 2014 começaram os pneus sobre o seguinte:
  Rosberg macio
  Hamilton macio
  Bottas macio
  Perez macio
  Raikkonen macio
  Botão macio
  Massa macia
  Magnussen macio
  Alonso macio
  Vettel Médio
  Hulkenberg macio
  Kvyat macio
  Ricciardo macio
  Vergne macio
  Gutierrez macio
  Grosjean macio
  Maldonado macio
  Kobayashi macio
  Bianchi macio
  Ericsson macio
  Chilton macio
  Sutil Médiof200f201f202f203f204f205f206f207f208f210f211f212f222f223f224f225f230f231f231f232f235f236f237f238f239f241f242f243f244f246f247f248f249f250f251f252f253f254f255f256f257f260f261

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

QUALIFICAÇÃO PRIMEIRA SESSÃO DE 2014 REALIZADO EM TEMPO SECO


Do início ao fim
 Conjunto extra de Pneus para Q3 Garante funcionamento constante
Em todas as sessões
 Unidades de recarga para poder significa DE PNEUS NOVOS TEM QUE ENTREGAR
Pouco mais de um VÔO LAP
Sakhir, 05 de abril de 2014 - Realizado pela primeira vez na noite, o Bahrain Grand Prix aussi sediou a primeira sessão de qualificação seca Chame completamente 2014 do início ao fim , permitindo que as equipes a fazer pleno uso da sua quota de médio P Zero Branco e P Zero amarelo pneus macios .
Com a prática livre revelando uma diferença de mais de um segundo entre os compostos médios e macios , a prioridade para os homens da frente era chegar ao Q3 , mantendo o maior número de jogos do composto mais macio para a corrida fresco possível. No passado , isso levou a equipes Teria limitando o seu funcionamento no Q3. No entanto, uma nova regra fez campanha pela Pirelli este ano permitiu que a equipe um conjunto extra de composto mais macio para correr apenas Q3 , ou seja, todos os top 10 que estavam fora na pista. As equipes não passar por isso para Q3 não sejam prejudicadas como eles estão autorizados a utilizar o conjunto extra caindo sobre a corrida.
O desafio da qualificação, particularmente no seco quando a potência máxima pode ser usado , tem - beens aumentou este ano, devido às novas unidades de potência . Não é mais possível dirigir a dois períodos consecutivos de vôo em plena potência , devido às unidades de recuperação de energia que precisam reabastecer-se . Isto tem um efeito sobre o pneu , que precisa entregar icts melhor desempenho em apenas uma volta voadora este ano.
Apesar dos radicais novos 2.014 carros, a pole position de Nico Rosberg de 1m33.185s estava dentro de apenas um segundo do ano passado pole - Todos que foi criado aussi pelo piloto alemão da Mercedes.
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse : " temperatura da pista caiu constantemente Durante toda a sessão , que é o que nós esperaríamos para a corrida de amanhã, o que significa que foram os tempos mais rápidas situado no final. No entanto, estávamos ble ver todos os 10 carros na pista Durante Q3, Tudo o que demonstra que as novas regras de pneus estão funcionando e os fãs estão começando a ver o trabalho do início ao fim . Temos visto muita trilha aussi evolução ao longo dos últimos casais de dias , todos os que tem aumentado os níveis de aderência . Nós esperamos que o aplicativo a ser o principal pneu de corrida , com entre dois e três pit stops , as equipes visam Será necessário adaptar a ordem em que eles usam os pneus com as características de seus carros e as condições prevalecentes . "
A estratégia preditor Pirelli :
Três paradas é , teoricamente, a estratégia mais rápida , as equipes de meta com menores níveis de degradação pode tentar duas paradas . A estratégia de três paradas ideal para a corrida de 57 voltas é : começar em passagem suave e macio para mudar novamente na volta 17 , um médio volta 33 , e um final suave do colo 41.
A estratégia de duas paradas poderia ser: começar em suave e macio para mudar de novo no colo 22 , Então para o disco na volta 44.
Compostos mais rápidos FP3 :
Hamilton 1m35.324s suave Nova
Rosberg 1m35.439s suave Nova
Perez 1m35.868s suave Novaf50f51f52f53f54f55f56f57f58f59f60f100f101f102f104f105f106f107f108f109f110f111f112f113f115f120f121f122f123f124f125f126
Top 10 utilização de pneus :
Rosberg 1m33.185s suave Nova
Hamilton 1m33.464s suave Nova
Ricciardo 1m34.051s suave Nova
Bottas 1m34.247s suave Nova
Perez 1m34.346s suave Nova
Raikkonen 1m34.368s suave Nova
Novas 1m34.387s botão virtual
Massa 1m34.511s suave Nova
Magnussen 1m34.712s suave Nova
Alonso 1m34.992s suave Nova

 

Google Tradutor

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

014 Bahrain Grand Prix - Prática Sessões
PIRELLI PNEUS KEY pontos 10 Resume
Após a primeira dois Grand Prix de 2014
REDUZIDO granulação , aquaplanagem , mármores e manchas planas .
 Mais desempenho GRIP E CARROS NA TRILHA OUT
 PNEUS SOFT muito estável no Bahrein :
ESTRATÉGIAS DE POSSÍVEIS PARA DOIS parar a corrida
A Pirelli Motorsport , Paul Hembery, diretor resumiu pneu 10 questões-chave para 2014 Entre as duas sessões de treinos livres no GP do Bahrain , onde o meio P Zero Branco e P Zero Amarelo pneus macios foram nomeados .
1 . Mais energia vai para os pneus deslizem
Pirelli mudou todos os compostos de pneus slicks e perfis este ano para ter em conta Maior wheelspin e falta de downforce . Paul Hembery : " Os carros estão deslizando em torno de mais e que tem um grande efeito sobre o pneu . Há apenas 5% menos energia que entra no pneu na Fórmula novo visual One - mas ao invés de vir de força lateral e curvas, parte dessa energia está chegando agora de correr " .
2 . Menos mármores na pista
Há menos mármores na pista : um dos objectivos-chave da Pirelli . Paul Hembery : "Fizemos Alguns vêem na Malásia, meta que não é um bom exemplo , pois é uma pista muito abrasiva. No geral, estamos muito confiantes de que fizemos um passo adequado para a frente na gestão da redução mármores ".
3 . Menos aquaplanagem e mais desempenho dos pneus de chuva
Pirelli mudou a composição eo desenho do pneu de chuva completo para melhorar a aquaplanagem desempenho em particular. Paul Hembery : " Em primeiro lugar , vimos cair na qualificação em Melbourne que há uma aproximação pontos de cruzamento com o pneu intermediário , o que torna mais utilizável. Em segundo lugar, na Malásia não houve comentários sobre aquaplaning , Tudo que era tudo o que ouvimos falar , no ano passado. O novo pneu de chuva Executa ainda melhor em baixas temperaturas : queda em testes chuva em Barcelona Foram três segundos por volta mais rápido do que o pneu de chuva anterior " .
4 . Diminuição da granulação
Pirelli tem usado todos os pneus tão distantes do supermacio , com granulação diminuída. E mesmo quando a superfície granulação ocorre, logo vai embora. Paul Hembery : " Em comparação com temporadas anteriores desconsiderou a granulação Um período eficaz Poucos. "
5 . Manchas planas desaparecem
Mesmo que os carros estão travando ao travar mais , manchas planas não são sobre a área remanescente do pneu como costumavam , graças aos novos compostos. Paul Hembery : " Depois que os drivers completos Comentários outra seção de cantos , as manchas planas se desgastar, Considerando que, no passado, que teria causado Comentários outra mudança de pneus. "
 6 . Corrida Two -stop para se tornar normal
Com tanta coisa para aprender com os carros novos , Foi apenas na Malásia , que surgiu realmente estratégia de pneus . Paul Hembery : " Hulkenberg completou a prova com apenas duas paradas , em oposição aos três parar Abebooks web achava que seria a caixa. Com a rápida evolução dos carros que antecipar este ano , estamos seguros que vamos ver que a grande maioria de todas as raças Rumo a uma estratégia de duas paradas . "
7 . Porque é que a degradação significativa
O desgaste é o consumo físico do pneu, tudo que tem -beens substancialmente reduzido este ano (e por que você vê Menos mármores ) . Degradação é outra coisa completamente diferente : a perda de performance dos pneus por volta. Paul Hembery : "É uma posição estranha Quando os motoristas falar sobre degradação : precisa acontecer , pois se isso não acontecer, não teremos nenhum pit stops . É um parâmetro fundamental que é o de criar a estratégia . "
8 . Pneus : forçado menos do que antes
Apesar de mais de torque a pegada do pneu traseiro não está sendo trabalhado tão duro como era no ano passado - devido à construção atualizado. Paul Hembery : " Podemos ver que nos perfis de desgaste : é ligeiramente concentrados no centro do pneu. Conforme aumenta a downforce que vai mudar , porque o maior melhorias virão do aumento do downforce e tração de pneus traseiros . "
9 . Lacunas regular entre os compostos
Pirelli pretende ter um segundo lacunas entre todos os compostos . Embora este não é o caso Atualmente, é provável que seja até o final do ano. Paul Hembery : " Ficamos surpresos com a abertura ligeiramente entre o disco e meio, todos os que foi um ano e meio segundo na Malásia . Essa é para níveis de downforce Diminuição no início da temporada : o pneu duro não é tanto quanto ele trabalhou uma vez, para que ele desliza mais. As melhorias no desempenho fará essa diferença menor. "
10 . Mais carros na pista
Pneus Pirelli para suplementar forneceu FP1 e Q3 - Tudo o que significou mais carros na pista . Paul Hembery : " Tem funcionado até agora . Na primeira meia hora de FP1 , as equipes de -ter- feito 10 ou 12 de época com os pneus extra objectivo que poderiam fazer muito mais . Na qualificação a nossa intenção era fornecer os carros de corrida de topo no 3 º trimestre para os fãs, sem prejudicar os outros. "
***
Bahrein: TREINOS LIVRES sexta-feira
Durante FP1 FP2 no Bahrein eo fosso entre o meio eo pneu macio era maior do que o esperado , com mais de um segundo entre os dois compostos . Havia muito baixo desgaste e degradação térmica Alguns sobre o pneu macio , o que parece ser estável, e abre a porta a ser estratégias de duas paradas Alguns por muito corrida.
Paul Hembery : "Aqui em Bahrain nós Ares vendo atualmente uma diferença de mais de um segundo entre o meio e os compostos macios desempenho. No entanto, vamos ter a esperar até amanhã para ter uma idéia mais clara do que a diferença final será na corrida " .
FP1 : FP2 :
O Hamilton meio utilizado 1m37.502s 1m34.325s L Hamilton New Soft
N Rosberg 1m37.733s meio utilizado N Rosberg 1m34.690s suave Nova
F Alonso Alonso 1m37.953s 1m35.360s F Médio New Soft Nova
Estatísticas de pneus do dia :
 Suave Médio Intermediário Wet
kms impulsionado * 1.744 3.488 N / A N / A
foram utilizados grupos geral ** 22 66 N / D N / D
Maior número de período ** 25 26 N / A N / A
* O texto acima dá o número total de quilómetros percorridos FP1 e FP2 Valor hoje , todos os drivers combinados .
Por ** composto , todos os drivers combinado .
Na Revista P Zero:
A nova revista P Zero, uma inovação da Pirelli para esta temporada, contém fatos sobre o GP do Bahrain e tudo o que está acontecendo no mundo da Pirelli com o passado , presente e futuro . Esta nova revista eletrônica dinâmica, tudo que contém vídeos e outros feliz interativo atualizado ao longo do fim de semana, pode ser acessado através do site da Pirelli ou no link a seguir: http://magazine.pzero.com

 

Google Tradutorf1f2f3f4f5f6f7f8f9f10f11f12f20f21f25f26f27f28f29f30f31f100f102f104f105f106f107f108

 

CIRCUITO AUSTRIACO EM OBRAS

CIRCUITO AUSTRIACO EM OBRAS

 

 

Para poder receber o Grande Prémio da Austria, prova a contar para o Mundial de Fórmula 1, o Red Bull Ring vai sofrer obras importantes, cuja capacidade de espectadores irá passar dos actuais 40.000 para 225.000, e o piso levará novo tapete, além da renovação e incremento das estruturas existentes, no sentido de poder receber de forma condigna o circo da Fórmula 1.Vista-aerea-del-circuito-Red-Bull-Ring-

 

RENAULT CUMPRE PROMESSA

RENAULT CUMPRE PROMESSA

 

 

Depois dos desaires dos testes em Jerez e no Bahrain, a Renault comprometeu-se que voltaria à ribalta, e assim tem sido a unica marca de motores que no Mundial de Fórmula 1 está a fazer frente á superioridade por parte da Mercedes. Recorde-serenault-f1-turbo-engine-1 que em dois Grandes Prémios, os Red Bull juntaram dois terceiros lugares, um com Vettel e outro com Ricciardo.

 

INTERLAGOS SEM ALTERAÇÕES

INTERLAGOS SEM ALTERAÇÕES

 

Pelos vistos não será ainda este ano, que o autodromo de Interlagos no Brasil irá sofrer obras para alterações às zonas das boxes.As mesmas apenas serão aumentadas e elevadas,surgindo ampliações na parte de trás das mesmas.Segundo a organização há outras prioridades para a pista integrada na cidade de S.Paulo, que passa pelo repavimentação de toda a pista, assim como a manutenção de alguns edificios, estando o seu inicio previsto para o próximo mes de JUlho, e espera-se assim ir ao encontro de Bernie Eclestone, para que o Brasil continue a receber o "circo da Fórmula 1circuito interlagos

 

NOVO SPONSOR NA MCLAREN

NOVO SPONSOR NO MCLAREN?

 

Depois de ter corrido no G.P.Austrália com o simobolo da Mobil nos flancos, e na Malásia com o da Esso, este fim de semanaf10 no Bahrein, os McLaren vão surgir com o apoio da companhia de aviação da Gulf Air, conforme imagem anexa.

 

TREINOS LIVRES NO G.P.BAHREIN

 

Tf1f2f10f11f100f101f102f105f106f107f110f111f112f114f115f116f200f201f202f203f204f205f206f207f208f210f211f212f220f221f222f223f224f225f226f228f230f400f402f403f404f420f421f422REINOS LIVRES NO GRANDE PRÉMIO DO BAHREIN

Os treinos livres para o Grande Prémio de Fórmula 1 que este fiom de semana se encontra no bahrein, já terminou, o Filipe Nasr, ao volante dum Williams fez o melhor tempo tedno atrás de si o Red Bull Renault de Ricciardo , e o Sauber Ferrari de Sutil.Os tempos estáo assim definidos :

1º Filiep Nasr - Williams Mercedes - 2.57

2º Ricciardo - Red Bull REnault - 2.90

3º Sutil - Sauber Ferrari - 3.15

4º Maldonado - Lotus REnault - 3.29

5º Bianchi - Marussia - 3.38

6º Van der Garde - Saubedr - 3.41

7º Grosjean -Lotus REnault - 3.53

8º Chilton - Marussia - 4.29

9º Frijns - Caterham - 4.91

10º Ericsson - Caterham - 502

 

GROSJEAN COM NOVO CAPACETE

GROSJEAN COM NOVO CAPACETE

 

Romaisn Grosjean vai estrear um novo capacete já este fim de semana no Grande Prémio do Bahrein, conforme imagem anexa.capacetegrosjean

 

TUDO A POSTOS NO BAHREIN

TUDO A POSTOS NO BAHREIN

 

Ficou hoje concluido o transporte de todo o material dos Fórmula 1 que vão correr este fim de semana na pista do Bahrein, terceira prova do Campeonato do Mundo de Fórmula 1.bah1bah2bah3

 

SCHUMACHER PODERÁ SAIR DO HOSPITAL

SCUMACHER PODERÁ ABANDONAR HOSPITAL

 

A imprensa francesa fala esta manhã, que a recuperação de Michael Schumacher poderá ter a sua continuação em sua casa em detrimento do hospital.Até ao momento a familia do piloto alemão, assim como os responsáveis da hospital em França não se pronunciaram, talvez hoje ainda se saiba algo mais, sobre o real estado de Schumacher.schumio

 

OUTRA PETA DE 1º DE ABRIL

OUTRA PETA DE 1º DE ABRIL

 

Surgiupetacaterham com a equipa de Fórmula 1 da Caterham, que anunciou ontem que Van der Garde iria no Bahrains fazer os treinos livres com um chassi pintado em dourado, tal como mostra a imagem....

 

ESTÓRIAS DE MR.BERNIE ECLESTONE

"ESTÓRIAS" DE MR.BERNIE ECLESTONE

 

Com 83 anos de idade, pelas "estórias " que circulam no circo da Fórmula 1, parece que está na altura do fundador da F1, se retirar de forma ordeira, e gozar o que lhe resta de vida, com a fortuna que tem acumulada.

 

Os escandalaos de corrupção continuam a alastrar, Bernie Eclestone, o Mr F1, deve ter um grupoid e advogados, sómente para o livrarem das garras da justiça.Hoje resolvi fazer uma panhado do Mr. F 1, que em finais de Janeiro dizia a viva voz, que a entrada de novas equipas no Campeonato do Mundod e Fórmula1 , e tudo isso a propósito da candidatura da Haas, na qual Eclestoine não acredita muito, sabe que o norte americano tem muito dinheiro, mas duvida que esteja disposto a investir, ou por outras palavras a contribuir para os bolsos do Mr F 1.

 

Mas sobre broncas, a justiça na Aelmanha está ansioso por deitar a mão a Mr.Eclestone, e em finais de Janeiro passado, mas para evitar ser preso, terá de pagar a módica quantia de 300 milhões de euros, mas também se sabe que a equipa de advogados encarregeu de defender o Mr. F 1 acredita que poderá ser negociado uma cordo extrra judicial, isso após o inicio do julgamento.Se o tribunal e o promotor publico Eclestone poderá doar estes 300 milhões a uma instituiçaõ de caridade, ou pagar o Tesouro, mas para já pouco mais se sabe, pois os advogados estão em negociações.

 

Por outro lado a quebra de audiencias na Fórmula 1 não é novidade parta ningu~em, pois hoej em qualquer país da Europa para se ver os Grandes> Prémios tem de se pagar, em Portugal é a Sport TV, que tem os direitos.Mas Eclestone com a sua avidez financeira, nunca aceitará as culpas desta quebra, e por isso atribui as mesmas a Sebastien Vettel, que assim se torna responsável por menos 50 milões de espectadores não veram corridas de Fórmula 1.Recorde-se que as corridas de Fórmula 1 são transmitidas para 185 países, através de 112 parceiros, garantindo cerca de 27 mil horas de cobertura em cada ano.Mais curioso, é que na Alemanha, onde Vettel é originário houve uma quebra de menso 10% de espectadores.

 

Sobre o julgamento que aguarda Mr.Eclestone, tem já o seu inicio marcado para 24 de Abril em Munique, isso mkotivado é acusado de suborno a Gerhard Gribkowsky, numa venda de acções da F 1 à CVC em 2006.Isto por seu lado já motivou o afastamento do conselho de direcção da Fórmual 1.

 

Outra estória engraçada protagonizada pelo Mr. Eclestone, prende-se com a snovas regras de F 1 implantadas esta época, que para ele, o elevado nívelk de imprevisibilidade vai originar uma competição feroz em pista, mas para já, dois garndes prémiios ainda não se ve muito disto....Outro aspecto curioso, é que sobre os primeiros testes que tiveram lugar na pista espanhola de Jerez, dizia que os novos motores que equipam os F 1 são um absurdo, e o teste em si uma farsa, em suma eclestonadas...

 

Para este ano Eclestone, jostava que Niko Rosberg fosse o campeão, pelo menso até ao momento o seu palpite está certo, pois o piloto alemão lidera a classificação dos pilotos, mas um dirigente nunca se deveria pronunciar sobre um tema desta natureza.

 

Outra situação caricata, trata-se dos budget das equip+as que participam na Fórmula 1, e Mr Eclestone resolveu oferecer a um milhão de  USD, a quem denunciar uma equipa cujo budget ultrapasse o que foi estabelecido.Actualemnte cada equipa só poderá ter um teto novalor de 200 milhões de USD, pelos vistos parece que a caça às bruxas já começou no mundo da F 1.

 

Apesar de afastado da liderança da F1, Mr.Eclestone continua a mexer os "cordelinhos", embora mais controlado, e só terá liberdade total depois de resolvido o caso judicial na Alemanha que terá lugar dentro de tres semans aproximadamente, mas anuncia a sua inocencia, e está convicto que daqui a uns tempos irá voltar a ter as redeas da F 1.

 

Por outro lado, os principais responsávesi das equipas de F1, estão preocupados coma  eventual saida de Eclstone,m que se sabe está aà procura do seu substituo.Mesmo assim o magnata inglês está a pensar seriamente retirar-se das cenas dos Grandes Prémios nos finais deste ano, vamos ter de espera para ver...eclestoneECLESTONE1

 

PREVISÕES DA PIRELLI PARA O BAHRAIN

 

P ZERO MÉDIO BRANCO E AMARELO P ZERO SOFT Pneus para um dos circuitos mais grave da do ano em termos de rugosidade TARMAC
TEMPERATURA GOTA DE 15 GRAUS possível durante todo
A CORRIDA DE NOITE
PRIMEIRO DE TEMPORADA teste do ano , logo após Grande Prêmio do Bahrain : CATERHAM , Mercedes e Williams vai um dia por DEDICAR
A Tiro TESTE


 A Pirelli , junto com todas as equipes de Fórmula , testados no circuito Sakhir duas vezes na preparação para a temporada - de modo que este shoulds ser um circuito que todo mundo conhece bem. No entanto, para celebrar o aniversário TIC 10 , a corrida tem -beens Dada a hora de início 06:00 , pela primeira vez na história, as TIC que significa que ele vai começar e terminar ao pôr do sol na escuridão completa : um pouco como o Grand Prix de Abu Dhabi.
Este ano terá efeito significativo sobre o comportamento do meio P Zero Branco e P Zero pneus macios amarelos que foram nomeados para a corrida. As temperaturas ambiente e de pista consideravelmente cairá caindo sobre a raça - com uma queda de temperatura de 15 graus rastrear totalmente viável - que irá alterar as características dos pneus de desempenho e degradação. Como corridas de noite no Bahrein é uma incógnita , o trabalho de preparação nos treinos livres será essencial.
Paul Hembery , diretor de automobilismo da Pirelli : " Bahrain é um sistema onde Fizemos dois testes recentes , então vamos lá com um monte de conhecimento da pista, Tudo que certamente beneficiar. Sabemos que há uma grande demanda de tração e é por isso que estamos trazendo os pneus médios e macios. As temperaturas no início dos deveres de corrida ainda ser razoavelmente alta . Notamos uma grande queda na temperatura embora assim que o sol se põe : que uma mudança pode ser tão grande quanto 15 graus. Esta gama muito ampla de Gestão de temperaturas para tirar o melhor proveito dos pneus vai ser um dos maiores desafios para as equipes ao longo do fim de semana. Esta deveres tornam bastante tático em termos de estratégia , por isso deverias ser uma corrida muito interessante do ponto de vista de que ".
Jean Alesi , Pirelli motorista consultor : " Eu dirigi no Bahrein , mas não na Fórmula Um: em vez disso, estava dentro da série Speedcar , que era um pouco como NASCAR . Então, eu tenho a experiência de pista e ver que precisa de um ritmo suave e limpo para tirar o máximo proveito dos pneus, tração especialmente nas áreas , de modo que você não colocar muito estresse através deles. O sistema é bastante abrasivo meta Ele tem um bom fluxo para ele, altho competir competir à noite será um novo desafio. Revisão : A coisa mais importante é tentar controlar a degradação , bebeu novamente , isso pode ser muito diferente depois de escurecer. Vai ser interessante assistir e gestão dos pneus é definitivamente vai ser grande " .
O sistema do ponto de vista de um pneu :
Bahrein é bastante exigente com os pneus , PARTICULARMENTE caindo sobre áreas de tração , com a temperatura chegando a superfície do piso de 130 graus centígrados.
Outro fator importante é a aerodinâmica , no Bahrein. Com retas 300kph forno , as equipes tendem a usar downforce médio, essa meta pode ser comprometida estabilidade na travagem e entrada de canto , travamentos Isso causando danos nos pneus.
Areia na pista do deserto ao redor pode atrapalhar a tração aussi e provoca wheelspin , levando à degradação aumentada de pneus. Dois anos atrás, uma tempestade de areia parou Na verdade uma das sessões de testes da Pirelli no Bahrein .
Travagem é outra característica fundamental do Circuito Internacional do Bahrein : na primeira curva os carros desacelerar de 315kph para 65kph em apenas 130 metros e três segundos. Isto coloca tem a força sobre os pneus equivalente a cerca de 4,5 g .
Após o GP do Bahrain , o primeiro de dois dias na temporada de teste irá ocupar (de abril 8-9) . Cada equipe tem que dedicar um dia de testes de pneus este ano, com Caterham exercício de funções no primeiro dia de testes no Bahrein, e Mercedes e Williams testando pneus durante o dia dois .
No ano passado, Sebastian Vettel venceu a corrida da segunda posição da grelha usando uma estratégia de três paradas : começando no pneu médio e então completar três passagens no disco . Uma grande variedade de estratégias foram adotadas , com algumas motoristas aussi parar duas vezes.
Mais informações sobre o Circuito Internacional do Bahrein , bem como informações sobre as características dos pneus 2014 pode ser encontrado em uma animação 3D de vídeo com novo visual produzido pela Pirelli :
Inglês Versão: www.studiovandone.com / TMP / PIRELLI / TRACK / PIR_Bahrain_ENG.rar
Música- somente a versão:
www.studiovandone.com / TMP / PIRELLI / TRACK / PIR_Bahrain_me.rar
Este é livre de direitos autorais para uso de mídia na Fórmula Um site da Pirelli : www.pirelli.com/f1pressarea
As escolhas de pneus até agora :
 PZero PZero Vermelho Branco Amarelo PZero PZero Laranja
Austrália suave Médio
Malásia Médio Difícil
Bahrain Suave Médio
China Suave Médio

 

Google TradutorMAL551MAL552MAL554MAL555MAL556MAL557MAL558MAL559MAL560MAL561MAL562MAL563MAL564MAL565MAL566MAL570MAL800MAL801MAL803MAL804MAS300MAS301mas305MAS306MAS400MAS402MAS403MAS404MAS406MAS407MAS408mas420MAS850MAS851MAS852MAS853MAS854MAS855MAS856MAS857MAS856MAS860MAS861MAS870MAS871MAS872MAS873MAS874MAS875MAS876MAS877MAS878MAS879MAS880MAS890MAS891MAS893MAS895MAS896MAS897MAS898MAS899MAS900MAS901MAS903MAS904MAS905MAS906MAS907MAS909MAS910MAS911MAS912MAS914MAS915MAS916MAS917MAS918MAS919MAS920MAS920MAS921MAS922MAS923MAS924MAS925MAS926MAS927MAS928MAS930MAS931MAS932MAS933MAS934MAS935MAS936MAS950MAS951MAS952MAS970MAS970MAS971MAS972MAS974MAS975MAS976MAS1000

 

MERCEDES VOLTA A DOMINAR NA MALÁSIA

GRANDE PRÉMIO DA MALÁSIA DE FÓRMULA 1

 

 

MERCEDES VOLTA A DOMINAR NA MALÁSIA

 

O balanço para a Mercedes não poderia ser melhor, pois Lewis Hamilton venceu, tendo o seu colega de equipa como "anjo da guarda", perante o Red Bull de Vettel, que assim subui ao pódio pela primeira vez.A 4ª posiçãoi foi para o Ferrari de Fernando Alonso, seguido pelo Force India de Hulkenberg, que teve sempre junto de si o McLaren de Button, e o Williams de Filipe Massa.O "top ten" ficou completo com o Williams de Bottas, o McLaren de Magnussen e o Toro Rosso de Kvyat.

 

No final da corrida, o vencedor Hamilton dedicou a sua vitória às familias de todos os desaparecidos do avião da Malasia Airlines que ainda não foi encontrado.Segundo Hamilton " quero dedicar esta vitória a todas as familias afectadas por esta tragédia"Depois foi feito um minuto de silencio em memória de todos os desaparecidos.

 

Mas houve mais episódios no circuito em Kuala Lampur, na qual Ricciardo volta a sofrer nova penalização, que será aplicada no próximo Grande Prémio, na qual o piloto australiano irá ser penalizado em dez lugares na próxima grelha de partida no Grande Prémio do Bahrein, e tudo isso motivado por um arranque indevido das boxes, na sua terceira paragem para muda de pneus.O piloto precipitou-se no arranque, e quando verificiou o erro que tinha cometido, o carro teve de ser empurrado para a box, para acabar de reapertar todas as porMAL109MAL110MAL111MAL112MAL113MAL120MAL121MAL122MAL123MAL130MAL200MAL201MAL202MAL203MAL203MAL204MAL205MAL206MAL207MAL208MAL208MAL209MAL210MAL211MAL212MAL214MAL215MAL216MAL217MAL220MAL221MAL222MAL416MAL417MAL418MAL419MAL420MAL421MAL422MAL422MAL427MAL428MAL429MAL430MAL430MAL450MAL451MAL453MAL460MAL461MAL462MAL463MAL464mal550cas, podendo depois prosseguir o seu regresso à pista, para mais tarde levar um stop&go de dez segundos.

 

Com dois Grandes Prémios disputados a classificalção em termos de pilotos é a seguinte :

 

1º Nico Rosberg - 43 pontos

2º Hamilton - 25 pontos

3º Alonso - 24 pontos

4º Button - 23 pontos

5º Magnussen - 20 pontos

6º Hulkenberg - 18 pontos

7º Vettel - 15 pontos

8º Bottas - 14 pontos

9º Raikonen - 6 pontos

10º Massa - 6 pontos

11º Vergne - 4 pontos

12º Kvyat - 3 pontos

13º Perez - 1 ponto

 

Quen não pontuou até ao momento foi Grosjean, Maldonado,Sutil,Gutierrez,Chilton,Kobayashi e Ericsson

 

G.P.MALÁSIA SEGUNDO A PIRELLI

 

2014 Malaysian Grand Prix - Race


 Granulação baixa e calor extremo NO bolhas APESAR DA MALÁSIA


 MERCEDES um-dois depois de uma corrida arredondada rotativa ESTRATÉGIA DE PNEUS
 DEGRADAÇÃO alinhados com as expectativas de um circuito altamente abrasivos


Malásia, uma das provas mais difíceis do ano para os pneus Devido às TIC altas temperaturas e uma superfície abrasiva , demonstrou a granulação reduzida e aumento da durabilidade dos pneus Pirelli deste ano , sem bolhas apesar das temperaturas de pista que repicou a 46 graus centígrados. Apenas 15 pilotos terminaram o Grand Prix, sublinhando a taxa de atrito.
Os P Zero Laranja duros e P Zero Branco pneus médios foram nomeados para a corrida , com mais propósito do que uma segunda diferença no ritmo de corrida entre os dois compostos , uma parte fundamental da estratégia consistiu na possibilidade de escolha de pneus adaptados às características de cada carro de corrida e as condições de evolução.
Os dois primeiros colocados , Lewis Hamilton e Nico Rosberg ( que alegou a primeira dobradinha da Mercedes desde 1955 Grande Prêmio da Itália ) Ambos usaram a mesma estratégia Exatamente três paradas : três passagens sobre o pneu médio seguido de um stint final sobre o pneu duro , de apenas cinco e seis , respectivamente, no período final da corrida .
Da Force India Nico Hulkenberg foi o mais alto colocado dois -rolha em quinto , tendo lutado por um lugar no pódio da sétima posição da grelha . O alemão completou um stint longo final sobre o pneu duro , o objectivo de partida foi ble Comentários alguns dos concorrentes no pneu mais macio para o desempenho médio.
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "Esta foi uma corrida difícil , com temperatura da pista de 46 graus no início e abrasivo superfície MAIS Abebooks visita web durante todo o ano . Apesar de os pneus deste ano mostrou equilíbrio global de desempenho que permitiu uma batalha perto pela liderança. Não houve formação de bolhas ou granulação , e enquanto motoristas tiveram de gerir a degradação térmica , uma corrida de três parada é em conformidade com os requisitos a sites AbeBooks Pirelli esporte tem para oferecer " .
Vezes mais rápido do dia pelo composto :
 Difícil Médio Intermediário Wet
Primeiro ALO - HAM 1.44.165s - 1.43.066s N / A N / A
Segundo HAM - ROS 1.44.329s - 1.43.960s N / A N / A
Terceiro EFP - 1.44.779s EFP - 1.44.289s N / A N / A
Longest stint da corrida:
Estrutura média 21 D Kvyat / K Raikkonen
Período difícil 24 K Kobayashi
Intermediário N / D N / D
Wet N / A N / A
Verdade -O- Meter:
Nossa previsão para a corrida foi uma pergunta difícil de chamar foi executado qualificação eficaz em tempo de chuva , minimização de dados lisos de pneus disponíveis . Visamos disse que a maneira mais rápida teórico para a corrida de 56 voltas shoulds ser começar no meio , muda para o meio novamente na volta 15 , médio , mais uma vez na volta 29 e um stint final sobre o disco do colo 43 .
Estávamos muito perto . Hamilton começou no meio ; fez sua primeira parada para médiuns novamente na volta 15 , segunda paragem para mais médiuns na volta 33, e sua passagem final sobre o disco do colo 51.

 

Google TradutorMAL109MAL110MAL111MAL112MAL113MAL120MAL121MAL122MAL123MAL130MAL200MAL201MAL202MAL203MAL204MAL205MAL206MAL207MAL208MAL209MAL210MAL211MAL212MAL214MAL215MAL216MAL217MAL220MAL220MAL221MAL222MAL416MAL417MAL418MAL419MAL420

 

DATA G.P.RUSSIA PODERÁ MUDAR

DATA DO GRANDE PRÉMIO DA RUSSIA PODERÁ MUDAR

 

 

Na estreia da Fórmula 1 na Russia, a data do Grande Prémio poderá sofrer altirações, passando assim a ser disputado uma semana mais tarde, isto é a 12 de Outubro, isto motivado pela instabilidade politica que ainda se faz sentir na Ucrania.Segundo os planos de transporte, após o Grande Prémio do Japão toda a logistica voaria para a Russia,fazendo todas as equipas deslocar material de apoio, através dos seus camiões, incluindo as incriveis motor home, de gigantescas dimensões.Depois para agravar tudo, depois do G.P.da Russia, os camioes tem pela frente uma viagem de tres dias de regresso ás bases, para depois as equipas prepararem os chassis para serem embarcados por avião para o Grande Prémio dos Estados Unidos, e existe um receio com a instabilidade que a viajem dure mais tempo, e com isso surjam atrasos, impossiveis de recuperar.1390919016

 

G.P.MALASIA - DUPLA DA MERCEDES

 

MERCEDES AMG PETRONAScom dupla vitória em Kuala Lumpur

 

Lewis Hamilton dominou por completo o Grande Prémio da Malásia, tendo a equipa da Mercedes-Benz completado o pódio com a segunda posição paraNico Rosberg. Desde 1955 que os Mercedes SilverArrows, com Juan Manuel Fangioe Piero Taruffinão alcançavam esta dupla vitória na Fórmula 1.

 

Dados:

  • Lewis Hamilton alcançou a sua 23ª vitória na Fórmula 1, a sua segunda com a equipa da MERCEDES AMG PETRONAS;
  • Lewis terminou a prova com mais de 17 segundos sobre o segundo qualificado, Nico Rosberg, tendo alcançado igualmente a volta mais rápida na volta 52;
  • As suas únicas paragens foram na volta 15 e 33 para mudança de pneus;
  • Terminando em 2º lugar, Nico Rosberg alcançou o seu 13º pódio da carreira;
  • Rosberg manteve a mesma estratégia de mudança de pneus do seu colega de equipa, tendo apenas parado nas voltas 14, 32 e 50;
  • Esta foi a 15ª vitória dosSilverArrowsna Fórmula 1 e a 101ª para a Mercedes-Benz.

 

Piloto

ViaturaNo.

  Chassis No.

Resultado / Volta mais rápida

  Lewis Hamilton

  44

  F1 W05 / 01

P1        1:43.066

  Nico Rosberg

  6

  F1 W05 / 03

P2        1:43.960MERCEDES AMG_PETRONAS

 

AS ESCOLHAS DE PNEUS SEGUNDO A PIRELLI

 

2014 Malaysian Grand Prix - A partir de pneus line-up


Nos 2.014 motoristas Grande Prêmio da Malásia começou os pneus sobre o seguinte:

 


  Hamilton Médio
  Vettel Médio
  Rosberg Médio
  Alonso Médio
  Ricciardo Médio
  Raikkonen Médio
  Hulkenberg Médio
  Magnussen Médio
  Vergne Médio
  Botão Médio
  Kvyat Médio
  Gutierrez Médio
  Massa Médio
  Perez * Disco
  Grosjean Médio
  Maldonado Médio
  Sutil Médio
  Bottas Médio
  Bianchi Médio
  Kobayashi Médio
  Chilton Médio
  Ericsson Médio
 
  Começando pneu line-up - Malásia 14
  * A partir do pit lane

 

GoogloMAL82MAL83MAL84MAL90MAL91MAL92MAL95MAL96MAL97MAL98MAL99MAL100MAL101MAL102MAL103MAL104MAL105MAL106MAL107MAL108 Tradutor

 

NOVA VITÓRIA DA MERCEDES COM HAMILTON

Hamilton vence GP da Malásia

 

Mercedes dominou prova realizada em Kuala Lumpur.

Hamilton vence GP da Malásia

O piloto britânico Lewis Hamilton (Mercedes), que tinha partido da “pole position”, venceu hoje o Grande Prémio da Malásia, segunda prova do Mundial de Fórmula 1.

Hamilton, campeão mundial em 2008, superou os alemães Nico Rosberg, colega de equipa na Mercedes e vencedor da prova inaugural, na Austrália, e Sebastien Vettel (Red Bull), tetracampeão mundial, que completaram o pódio.

Na Austrália, tanto Hamilton como Vettel tinham desistido por problemas mecânicos.

Com duas corridas disputadas, Nico Rosberg lidera o Mundial de pilotos, com 43 pontos, mais 18 que Hamilton.

O espanhol Fernando Alonso (Ferrari), que terminou em quarto lugar em Kuala Lumpur, segue na terceira posição, a 17 pontos do líder. Vettel é sétimo, com 15 pontos.

A próxima prova do Mundial, o Grande Prémio do Bahrain, está agendada para 06 de abril, no circuito de Sakhir.


Conteúdo publicado por SportInforma c/ Lusa

 

SEGUNDO A PREVISÃO DA PIRELLI

 

2014 Malaysian Grand Prix - Qualifying


 MOTORISTAS COM LIBERDADE DE ESCOLHA DO PNEU DE PARTIDA
APÓS QUALIFICAÇÃO RAIN- HIT


Entre dois e três pit stops são prováveis ​​se as condições de ficar seco


NÃO boa durabilidade e aquaplanagem confirmado para o PNEUS wet Nas condições únicas da Malásia
Apesar de uma qualificação atingido pela chuva em pista de Sepang e temperaturas ambientes de alta Permaneceu hoje com o asfalto entre 27 e 30 graus centígrados Ao longo das sessões atrasados. Mesmo que a área é notoriamente abrasivo na Malásia, os Cinturato Verdes pneus de chuva intermediária e completos Cinturato Azul ( Todos os que são formados de um composto macio ) apresentaram muito pouco desgaste.
Para o segundo consecutivo Grand Prix de 2014 Não foi uma qualificação molhada, aponte a chuva torrencial de monção -como na Malásia era pesado o suficiente para adiar a sessão por uma hora Quase em termos muito diferentes para a Austrália. Por causa da qualificação molhada, os motoristas serão ble para escolher para iniciar a corrida de amanhã com o P Zero Laranja Ou duro ou médio P Zero Branco .
Pole position foi definida novamente o piloto da Mercedes Lewis Hamilton com o novo Cinturato Azul pneu cheio molhado, tudo que - foi redesenhado este ano para aumentar a capacidade de dispersão icts água para 65 litros por segundo a partir de 60 litros por segundo na velocidade máxima calculada anteriormente . Estas características de segurança são refletidos na estrada pneus de carro da Pirelli , bem como, com o Cinturato P7 Blue - desenvolvido especificamente para o desempenho em pista molhada - Eficaz chamado chuva de pneus da Pirelli .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "Hoje foi um bom teste para os pneus intermediários e molhados em uma ampla variedade de condições, muito diferentes teses carros 2014- especificação. O desgaste do pneu de chuva ocorreu apesar das baixas temperaturas e alta rugosidade , o que significa Abebooks web- vi uma boa melhora no perfil de desgaste deste pneu , como resultado do novo design. O aussi intermediário continuar a fazer o trabalho muito bom em termos marginais que ele tem feito sempre , mas a verdade é que o desgaste ea degradação tese sobre pneus é sempre tão dependentes de chuva que é difícil tirar muitas conclusões firmes . No entanto, não ouvi qualquer queixas sobre aquaplanagem tese em condições muito extremas Tudo o que é um feito e tanto quando se considera que o novo pneu de chuva para carros tese radical foi desenvolvido em uma sessão de testes com a Renault em 2010 e tem um dia chuvoso não planejada em Jerez caindo no teste de pré- temporada lá. O que nossos engenheiros têm conseguido é bastante excepcional , realmente. Amanhã estamos esperando entre dois e três pit stops , se o tempo permanece seco : Nós vamos ter que olhar para os dados hoje à noite se ter uma idéia mais precisa . No entanto, com os drivers de ter abundância salvo de pneus slick de hoje, aqueles que têm a velocidade no carro para fazer três paradas - tem a opção de fazê-lo com um novo estoque de pneus. "
A estratégia preditor Pirelli :
Estratégia naturalmente depende se há ou não uma corrida molhada amanhã , chuva objetivo na Malásia raramente dura mais de uma hora. Teoricamente , a estratégia mais rápida é de três paradas para a corrida de 56 voltas. Comece no meio , muda para o meio novamente na 15 ª volta , meio mais uma vez na volta 29 e um stint final sobre o disco do colo 43 .

 


Compostos mais rápidos FP3 :
 1 . Rosberg 1.39.008s New Medium
 2 . Hamilton 1.39.240s New Medium
 3 . Raikkonen 1.40.156s New Medium
Top 10 utilização de pneus :
 1 . Hamilton 1.59.431s Nova Wet
 2 . Vettel 1.59.486s Nova Wet
 3 . Rosberg 2.00.050s usado molhado
 4 . Alonso 2.00.175s Nova Wet
 5 . Ricciardo 2.00.541s Nova Wet
 6 . Raikkonen 2.01.218s Nova Wet
 7 . Hulkenberg 2.01.712s usado molhado
 8 . Magnussen 2.02.213s usado molhado
 9 . Vergne 2.03.078s usado molhado

 

Google TradutorMAL21MAL22MAL23MAL24MAL25MAL26MAL27MAL28MAL29MAL30MAL31MAL32MAL59MAL60MAL61MAL62MAL63MAL64MAL65MAL66MAL67MAL68MAL69MAL70MAL71MAL72MAL73MAL74MAL75MAL76MAL77MAL78MAL80

 

MERCEDES E PETRONAS COM SEMANA ATAREFADA

MERCEDES E PETRONAS COM SEMANA BEM ATAREFADA

 

 

A Petronas sendo um, dos principais patrocionadores da Mercedes, e tendo como base a Malásia, onde em Kuala Lampur, levou a efeito uma série de eventos com a presença dos pilotos Lewis Hamilton e Nico Rosberg, em diferentes pontos da cidade, conforme as imagens anexas.MAL1MAL2MAL3MAL4MAL5MAL6MAL7MAL8MAL9MAL10MAL11

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

2014 Malaysian Grand Prix - Prática Sessões

 


NOVO INÍCIO P ZERO ORANGE DURO NA MALÁSIA A FRENTE temperaturas altas e ASFALTO ABRASIVA
 DESEMPENHO DO INTERVALO ENTRE 1.0- 1.2s DE MÉDIA DUREZA PNEUS ATÉ AGORA


 ABUNDÂNCIA DE NÃO -F1 Sepang Circuit de borracha JÁ


Formula One deste ano pneus enfrentou circunstâncias extremas caindo em duas sessões de treinos livres de hoje para as temperaturas da pista do Grande Prémio da Malásia atingiu um pico de 49 graus centígrados e que o asfalto muito abrasivo. Desgaste do pneu e degradação térmica ficaram em linha com as expectativas e os sete primeiros em FP2 estavam cobertos por quatro décimos de segundo, criando o cenário para uma corrida muito renhida .
A P Zero Laranja duro dos pneus, completamente revisto a partir da versão do ano passado levou para a pista pela primeira vez este ano. A diferença de desempenho entre o disco eo pneu médio, aussi Nomeado para Sepang , Washington entre 1,0 e 1,2 s , hoje, a abertura de várias opções de estratégia.
Somente o pneu duro foi usado em FP1 , esta manhã, antes de as equipes se mudou para uma combinação de disco e os pneus macios para simulações de corrida que caem em FP2 esta tarde. A nova regra permite que os motoristas este ano um conjunto extra de pneu mais duro composto para ser usado nos primeiros 30 minutos de FP1 : como resultado, houve uma abundância de ações na pista desde o início da sessão.
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "Como foi o caso na Austrália vimos Menos mármores na pista , objetivo que foi surpreendente foi a quantidade de captação encontrados na web Circuit Abebooks caindo no FP1 , com abundância de não- F1 borracha já previsto na pista. A área limpa consideravelmente para FP2 , Tudo o que nos permitiu ter uma leitura mais representativo das condições da pista . Nós vimos uma diferença de desempenho de entre 1,0 e 1,2 segundo entre os compostos duros e médios , Todos os que consistem shoulds REMAIN se as temperaturas continuarem altos . Se as temperaturas caem um pouco , seria de esperar que o pneu médio para chegar mais em TIC possuir. Mas ainda estamos em um início de pontos do ciclo de desenvolvimento, pois, para todos por isso vai ser uma questão de Analisando muito cuidadosamente os dados que foi obtida hoje Quando se trata de formular uma estratégia. Pode chover a qualquer momento , na Malásia , e que é Comentários Outro fator a considerar na preparação para a corrida . "
FP1 : FP2 :
 1 . Hamilton Usado Disco 1m40.691s 1. Rosberg 1m39.909s New Medium
 2 . Raikkonen 1m40.843s novo disco 2. Raikkonen 1m39.944s New Medium
 3 . Rosberg 1m41.028s Usado Disco 3. Vettel 1m39.970s New Medium
Estatísticas de pneus do dia :
 Difícil Médio Intermediário Wet
kms conduzido * 1757 3358 0 0
conjuntos usados ​​em geral ** 20 63 0 0
Maior número de período ** 21 20 0 0
* O texto acima dá o número total de quilómetros percorridos FP1 e FP2 Valor hoje , todos os drivers combinados .
Por ** composto , todos os drivers combinado .
Pirelli fato do dia :
Os pneus P Zero visto em carros de Fórmula Um - tem vários parente próximo no mundo do carro de estrada : um total de 380 , na verdade. Este é o número de bespoke pneus P Zero homologados para diferentes marcas e modelos de carro desde que a marca foi lançada em 1987.
Na Revista P Zero:
A nova revista P Zero, uma inovação da Pirelli para esta temporada, contém fatos sobre o Grande Prêmio da Malásia , a cidade de Kuala Lumpur e tudo o que está acontecendo no mundo da Pirelli com o passado , presente e futuro . Esta nova revista eletrônica dinâmica, tudo que contém vídeos e outros feliz interativo atualizado ao longo do fim de semana, pode ser acessado através do site da Pirelli ou no link a seguir: http://magazine.pzero.com/en_gb/kuala_lumpur.do
Na segunda questão , nós olhamos para a vida em Kuala Lumpur e descobrir por que aussi Malásia é uma escolha popular para pessoas que querem uma segunda casa em sua aposentadoria. Também descobrir mais sobre Formula One unidades de energia deste ano e provar uma receita favorita do renomado chef da Pirelli . Único papel da Pirelli em um furacão - o novo Lamborghini ESPECIFICAMENTE mais Huracan - está perto examinados em detalhe , sublinhando os sempre presentes pneus de competição e as ligações entre estes usados ​​na estrada

 

Google TradutorMAL31MAL32MAL33MAL35MAL36MAL50MAL51MAL52MAL53MAL54MAL55MAL56MAL57MAL58MAL59MAL60MAL61

 

HUMOR NA FÓRMULA 1

HUMOR NA FÓRMULA 1

 

 

SeHUMORF1m limites, este desenho refere-se ao desempenho dos motores que euipam os Fórmula 1 da actualidade.

 

PILOTOS DA MERCEDES DERAM SHOW NA MALÁSIA

PILOTOS DA MERCEDES DERAM SHOW NA MALÁSIA

 

 

Tanto Lewis Hamiltoon, como Nico Rosberg deram show em Kuala Lampur, numa inicitiva levada a cabo pelo seu principal patrocionador, e Petronas, tal como demonstra as imagens que hoje apresentamos.nicoshow1nicoshow2nicoshow3nicoshow4nicoshow5nicoshow6nicoshow6nicoshow7nicoshow8nicoshow9nicoshow10nicoshow11nicoshow14nicoshow15nicoshow16nicoshow17nicoshow18nicoshow19nicoshow20

 

GRANDE PRÉMIO DA MALÁSIA

 

P ZERO LARANJA (DURO) FAZ A SUA ESTREIA AO

LADO DE P ZERO BRANCO (MÉDIO)

 

MALÁSIA: UMA DAS CORRIDAS MAIS QUENTES E DIFICEIS  NUM

ASFALTO MUITO ABRASIVO

 

EM CASO DE CHUVA, ESTÁ DISPONIVEL O CINTURATO BLUE WET COM UMA MAIOR CAPACIDADE DE DISSIPAÇÃO DE ÁGUA

 

O novo mundo da Fórmula 1, com os seus novos pneus, enfrenta o seu teste mais dificil na Malásia, um circuito reconhecido pelo seu asfalto abrasivo e pelas condições meteorológicas extremas, desde o calor intenso às fortes chuvadas. Para lidar com estas exigentes condições, foram selecionados os dois modelos com compostos mais duros; P Zero Laranja (duro) e P Zero Branco (médio). As evoluções que a Pirelli realizou para este ano, traduzem-se no aumento da robustez de forma a reduzir a degradação, mantendo as mesmas carateristicas desportivas e de “performance”, de modo a melhorar a espectacularidade da corrida.

 

Paul Hembery (Responsável da Pirelli Motorsport): “Obviamente que a Malásia, será apenas a segunda corrida com esta nova gama de pneus, concebidos para a última geração de carros de formula um, e já utilizados, no entanto o pneu duro irá marcar a estreia em 2014. O pneu médio demonstrou um óptimo desempenho em Melbourne, mas o circuito da Malásia apresenta um grande contraste com o da Austrália. Vamos partir de um asfalto liso em Melbourne para uma pista muito abrasiva, para além das condições relativamente frias de Albert Park para temperaturas de ambiente e pista muito mais altas. Certamente, vai ser um grande desafio para os pilotos e os novos carros, e não devemos esquecer que ainda nos encontramos no começo de uma curva de aprendizagem. A chuva, presente na qualificação do G.P. da Austrália, permitiu às equipes utilizarem e comprovarem os pneus intermédios e de chuva  2014, conhecimento que poderá ser muito útil em Sepang.”

 

 

 

Jean Alesi (Consultor da Pirelli): “A Malásia é uma das corridas mais dificéis do ano, tanto para o piloto como para os pneus, ao conseguir manter um bom ritmo, podemos limitar a pressão sobre os pneus, sendo a degradação térmica o pior inimigo dos pneus na Malásia. Para observar o potencial de cada equipe, vai demorar alguma corridas, o que é uma situação interessante. A outra coisa que sempre associei à Malásia foi a chuva forte. O percurso de evolução que os pneus de chuva têm realizado, desde a altura em que era piloto, é incrível, jamais alguém tinha previsto a taxa de dispersão de água que um pneu realiza actualmente. O verdadeiro problema em Sepang pode ser a água acumulada em certas zonas da pista, e não os pneus como factor limitador, mas o facto dessas zonas de água acumulada, propiciarem o efeito de Acqua  planning e por sua vez, perdermos o controle do carro. A visibilidade também é muito dificil para os pilotos que seguem atrás.”

 

O ponto de vista dos pneus do circuito:

Sepang é um circuito rápido, com uma velocidade média acima de 210 Km/h na qualificação, com curvas especificas. A tracção é crucial para acelarações a alta velocidade.

 

Com o Set-up “downforce” favorecido pela maioria das equipes, os pneus têm de lidar com altas cargas laterais e com uma pressão descendente equivalente a 830 Kg. Esta combinação de forças, que origina a degradação térmica e mecânica.

 

O pneu P Zero laranja (duro) é um composto de trabalho elevado , adequado para as condições mais extremas, enquanto que o P Zero Branco é um composto de gama baixa de trabalho. Ao ajustar o composto Mix, os intervalos de trabalho da totalidade dos pneus foram alargados este ano.

 

A mesma realidade para os pneus de chuva. O desenho do piso traseiro foi redesenhado para melhorar a resistência ao efeito “Acqua planning” em condições de chuva, e ajustado para permitir cobrir uma ampla gama de condições. No presente ano, o pneu de chuva consegues dissipar 65 litros de água por segundo a 300 Km/h, mais 5 litros que no ano passado.

 

O pneu dianteiro esquerdo, possui um trabalho mais duro na Malásia, a temperatura do rasto do pneu pode chegar a 120 graus centígrados pela energia  do atrito, Sepang é o 4º circuito com a maior procura de pneus dianteiros esquerdos durante todo o ano, depois de Silverstone, Barcelona e Suzuka.

 

A chuva afectou a estratégia do ano passado, com os cinco melhores pilotos a parar quatro vezes. Avaliando os pontos de forma cruzada com a estratégia, estes foram cruciais. Sebastian Vettel (Red Bull) venceu: Partiu com intermédios antes de passar para o pneu de composto médio, depois de completar duas passagens com pneus duros, antes de terminar no de composto médio.

 

 

As escolhas de pneus até agora:

 

 

P Zero vermelho

P Zero 

Amarelo

P Zero

      Branco

P Zero Laranja

Australia

 

Soft

Medium

 

Malasia

 

 

Medium

Hard

Bahrein

 

Soft

Medium

 

China

 

Soft

Medium

 

                                

 

 

Pirelli 3D video:

 

 

Mais informaçôes sobre Sepang e procura de informação de pneus, bem como, sobre as carateristicas dos compostos e borracha de 2014, pode ser visualizado numa animação realizada em 3D pela Pirelli.

 

 

Videos e fotografías de livre utilização, disponiveis em  www.pirelli.com/f1pressarea

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI PARA O G.P. DA MALÁSIA

 

 

 

Malaysian Grand Prix Preview: Sepang , 27-30 mar 2014
 P ZERO ORANGE DURO FAZ SUA ESTRÉIA DE PNEUS
AO LADO P ZERO BRANCO MÉDIO
MALÁSIA: um dos mais quentes e corridas mais difíceis
NO ASFALTO muito abrasivos
Descarga de água aumentou de WET AZUL CINTURATO
Em caso de chuva HEAVY
O novo mundo da Fórmula Um, com pneus novas TIC , as TIC enfrenta teste mais difícil ainda na Malásia : um sistema bem conhecido para o asfalto abrasivo e condições meteorológicas extremas, Tudo que varia de calor intenso chuvas de monção -like. Para lidar com teses condições exigentes os dois pneus mais duros nas fileiras foram nomeados : P Zero Laranja duro e médio P Zero Branco . As evoluções Trazido a pneus da Pirelli este ano aumentar a força e degradação para reduzir , manter propósito manutenção ostentando as mesmas características e desempenho para melhorar o espetáculo de corrida.
Paul Hembery , da Pirelli diretor de automobilismo : "Obviamente Malásia será apenas a segunda corrida deste Chame completamente que classifica de pneus novos, projetados para a Fórmula Um carros de última geração , - que já competiu em , e marca o início de aussi nosso 2014 pneu duro . O meio de um bom desempenho em Melbourne , o objetivo Malásia apresenta Obviamente um grande contraste para a Austrália. Vamos partir do asfalto liso em Melbourne para uma superfície altamente abrasivo e, a partir dos termos de relativamente fria Albert Park para muito maior ambiente e as temperaturas da pista . Isto, obviamente, será como um grande desafio para os carros novos quanto para os motoristas, e nós não devemos esquecer que ainda estamos em uma primeiros pontos na curva de aprendizagem em geral . Condições de chuva na qualificação na Austrália permitiu que as equipes para provar os 2.014 pneus de chuva intermediária e completos , e esse conhecimento pode se tornar muito útil em Sepang. "
Jean Alesi , Pirelli motorista consultor : " A Malásia é uma das corridas mais difíceis do ano, ambos, para o motorista e os pneus. Finalidade , muitos dos cantos fluir muito bem, por isso, se você manter um bom ritmo , você pode limitar a pressão sobre eles. O maior inimigo de pneus na Malásia é a degradação térmica . Vai demorar algumas corridas ainda antes de ver todo o potencial da cada equipe , All que é uma situação interessante . A outra coisa que eu sempre associar a Malásia é chuva forte . Dessa forma, os pneus de chuva Evolved - tenho desde que eu estava dirigindo é incrível : Eu não acho que ninguém teria previsto a taxa de dispersão de água Abebooks web podem agora realizar alcançar. O verdadeiro problema em Sepang pode ser água parada : não é pneus que são o fator limitante , aponte o fato que quando você - tem enormes quantidades de água , o carro ' surf ' junto icts fundo plano , que significa que você não tem controle algum. Visibilidade aussi muito dificuldade para os motoristas que seguem atrás . "
O sistema do ponto de vista de um pneu :
Sepang é um circuito rápido com uma velocidade média de mais de 210kph na qualificação e vários cantos flat-out . Estas acelerações de alta velocidade fazem crucial sobretudo tração.
Com a alta downforce set-up Favorecido por equipes mais , os pneus de ter de lidar não só com cargas laterais altas , o objetivo aussi o equivalente a 830 kg empurrando para baixo sobre eles. Esta combinação desafiadora de força leva à degradação térmica e mecânica .
O pneu P Zero Laranja é um fileiras altas composto trabalhando duro , adequado para as condições mais extremas , Considerando que a médio P Zero Branco é um trabalho de baixo classifica composto . Ao ajustar o mix composto , os intervalos de trabalho de todos os pneus foram alargadas deste ano.
O mesmo é verdadeiro para os pneus de chuva . O padrão do piso traseiro tem - foi redesenhado para melhorar a resistência à aquaplanagem em tempo de chuva extrema , enquanto que o composto do pneu molhado completo tem-se ajustado para permitir que ele para cobrir um fileiras mais ampla de condições. Este ano completo molhado pode evacuar 65 litros de água por segundo em 300kph : por cinco litros a partir do ano passado.
O pneu dianteiro esquerdo é mais difícil Trabalhou na Malásia : piso do pneu na temperatura pode atingir o pico em 120 graus centígrados. Em termos de energia de atrito , Sepang coloca a quarta maior demanda no pneu dianteiro esquerdo durante todo o ano (depois de Silverstone , Barcelona e Suzuka ) .
Chuva afetou a estratégia do ano passado, com os cinco melhores pilotos todos os tempos de parada do forno. Julgando o ponto de cruzamento provou ser crucial . Sebastian Vettel (Red Bull) venceu : a partir de intermediários antes de passar para o pneu médio, então Completando duas passagens sobre o pneu duro, antes de terminar no meio.
As escolhas de pneus até agora :
 PZero PZero Vermelho Branco Amarelo PZero PZero Laranja
Austrália suave Médio
Malásia Médio Difícil
Bahrain Suave Médio
China Suave Médio
Pirelli 3D vídeo :
Mais informações sobre Sepang e as exigências que coloca em pneus , bem como informações sobre as características da borracha em 2014, pode ser encontrado em uma animação 3D de vídeo com novo visual produzido pela Pirelli . Este é livre de direitos autorais para uso de mídia na Fórmula Um site da Pirelli : www.pirelli.com/f1pressarea
  
A P Zero Laranja e médio Branca pneus -ter- sido duros selecionados para o Grande Prêmio da Malásia de 2014.

 

Google Tradutormalasiaf1

 

ECLESTONE QUER SUCESSOR

Patrão da Fórmula 1 está à procura de um sucessor

 

Apesar de ter abandonado vários cargos diretivos em empresas relacionadas com a Fórmula 1, Ecclestone nunca abdicou das funções de gestão do Mundial.

Patrão da Fórmula 1 está à procura de um sucessor

Bernie Ecclestone, “patrão” da Fórmula 1, revelou hoje que está à procura de um sucessor, numa altura em que se prepara para um julgamento por suborno, na Alemanha.

“Este caso tem-me ocupado muito tempo. Ter de estar em Munique não me permite a dedicação suficiente aos meus negócios”, reconheceu o empresário britânico numa entrevista ao Financial Times, publicada hoje.

Bernie Ecclestone, de 83 anos, começa a ser julgado a 24 de abril, em Munique, por acusações de suborno a um banqueiro alemão, numa altura em que se negociavam os direitos comerciais da edição de 2006 do Mundial de Fórmula 1.

“Nos últimos anos, tenho procurado alguém que possa colaborar comigo. Se decidir retirar-me, tenho de encontrar quem continue o meu trabalho”, disse o empresário ao jornal britânico.

O “patrão” da Fórmula 1 é acusado de ter pago 32 milhões de euros ao antigo banqueiro alemão Gerhard Gribkowsky, que em 2006 esteve envolvido nas negociações para os direitos comerciais do Mundial.

Em 2012, Gribkowsky foi condenado a oito anos e meio de prisão por ter recebido pagamentos ilegais quando os direitos da competição foram comercializados.

Ecclestone tem negado sempre as acusações, alegando ter sido alvo de chantagem de Gribkowsky, que o terá ameaçado com denúncias ao fisco britânico.

Apesar de ter abandonado vários cargos diretivos em empresas relacionadas com a Fórmula 1, Ecclestone nunca abdicou das funções de gestão do Mundial.


Conteúdo publicado por SportInforma c/ Lusa

 

REGAS DA F 1 PODEM ALTERAR

FIA admite mudar regras após críticas de pilotos e adeptos

 

O próximo Grande Prémio de Formula 1 é na Malásia, em Kuala Lumpur, este fim-de-semana.

FIA admite mudar regras após críticas de pilotos e adeptos

As novas regras e os novos motores da Formula 1 continuam a dar dores de cabeça a pilotos mas também a engenheiros. Os pilotos ainda estão a adaptar-se à introdução dos motores V6 de 1,6 litro com turbo, motores esses menos barulhentos que os V8 das temporadas anteriores.

Muitos fãs queixaram-se os novos monolugares e do facto de os motores não fazerem tanto barulho como no passado. O presidente da Federação Internacional de Automobilismo promete arranjar uma solução, caso seja esse o desejo das equipas.

“Se as equipas estiverem de acordo arranjamos forma de serem mais barulhentos", disse Jean Todt.

Outra dado que não está a agradar a equipas e pilotos é a questão dos limites de combustível. Os carros passaram a ter apenas 100 kg de combustível, ao contrário os 150 da temporada passada, o que permite ter um Formula 1 mais amiga do ambiente. Depois de muitas críticas após o GP da Austrália, Todt avança que a regra pode ser mudada para não descaracterizar o campeonato.

“É preciso calma antes de reagir. Eu não quero uma F1 gerida pela economia. O limite de combustível que existe, 100 kg, foi proposto pelas equipas. Por mim não há problema”, garantiu ao canal televisivo italiano RAI.

O GP da Austrália em Melbourne foi muito monótono, com poucos pilotos a ganharem lugares. As ultrapassagens caíram para metade em relação à época passada, algo que o presidente da FIA quer mudar já nas próximas corridas.

“O circuito de Melbourne nunca foi bom para ultrapassar e a aerodinâmica dos carros também ainda não está no seu melhor. Estou convencido que, brevemente, veremos muitas ultrapassagens”, disse Todt.

O próximo Grande Prémio de Formula 1 é na Malásia, em Kuala Lumpur, este fim-de-semana.


Conteúdo publicado por SportInforma

 

A PASSAGEM DE MONTEIRO PELOS MONOLUGARES

A PASSAGEM DE TIAGO MONTEIRO PELOS MONOLUGARES

 

 

Maismont1mont2mont3mont4mont5mont6mont7mont8mont9mont10mont11mont12mont14mont15mont16mont17mont18mont19mont20mont21mont22mont23mont24mont25mont26mont27mont28mont29mont30 um grupo de imagens, para recordar a passagem de Tiago Monteiro pelos monolugares, nas diferentes categorias onde competiu.

 

HOMENAGEM A AYRTON SENNA

HOMENAGEM A AYRTON SENNA

 

Ontem foi o aniversário de Ayrton Senna, na qual prestamos uma pequena homenagem, apenas por falta de tempo.Hoje pretendemos homenagear o melhor pilotod e Fórmulka 1 de todos os tempos, com algo mais significativo, e falando de Senna, os numeros alcançados são qualquer coisa, senão vejamos :

 

Ayrton Senna esteve à frente duma corrida durante 2982 voltas, obteve ao longo da sua carreira 610 pontos, participou em 161 Grandes Prémios de Fórmula 1, fez 65 poles position e 41 vitórias, e foi três vezes Campeão do Mundo de Fórmula 1.aryton7ayrton1ayrton3ayrton4ayrton5ayrton6ayrton8ayrton9

 

SCHUMACHER EM ESTADO CONSIDERADO PREOCUPANTE

SCHUMACHER CONSIDERADO EM ESTADO PREOCUPANTE

 

 

O piloto alemão continua todos os dias a ressuscitar do estado em que tem estado ao longo dos três ultimos meses, mas a perda de peso está a preocupar seriamente a equipa médica, que está a estudar o que poderá fazer, paea que o ex pilotod e Fórmula 1 alemão consiga aumentarschumi de peso.A questão de Michael Schumacher voltar a ser o que era está já posto fora de causa,havendo peritos internacionais, que continuam a colocar sérias reservas ao estado , adiantando que poderão estar a tentar adiar a sua morte.

 

SENNA FARIA HOJE 54 ANOS DE IDADE

AYRTON SENNA FARIA HOJE 54 ANOS

 

Caso Ayrton Senna fosse vivo faria hoje 54 anos de idade, sendo o piloto mais mitico que passou na Fórmula 1.ANIVSENNA54ANOS

 

RECORDAR É VIVER

RECORDAR É VIVER

 

A PASSAGEM DE TIAGO PELA FÓRMULA 1

 

 

Grupo de imagens referentes à época que Tiago Monteiro teve na equipa de Fórmula 1 da Jordan, onde chegou a subir ao pódio no Grande Prémio dos Estados Unidos.mont1-2005-usacjordanmont2mont3mont4mont5mont6mont7mont8mont9mont10mont11mont12mont14mont16mont17mont18mont19mont20mont21mont22mont23mont24mont25mont26mont27mont28mont29mont30

 

ROSBERG COMEÇA BEM NA AUSTRÁLIA

NIKO ROSBERG COMEÇA BEM NA AUSTRÁLIA

 

Nico Rosberg deu à Mercedes  no passado fim de semana a primeira vitória da época, numa prova que dominou tendo atrás de o Red Bull Renaulçt de Ricciardo, que acabaria por ser desclassificado, ficando depois o pódio completo com a surpresa da jornada, referimo-nos a Magnussen que levou o McLaren ao pódio logo na estreia.O 4º lugar foi para o outro McLaren de Button, seguido pelo Ferrari de Alonso e pelo Wililams de Bottas.aust46aust47aust50aust51aust52aust53aust60aust61aust62aust63aust64aust65aust70aust71aust72aust73aust74aust75aust80aust81aust82aust84aust85aust86aust87aust88aust89aust90aust91aust92aust93aust94aust95aust99aust100aust101aust102aust103aust104aust220aust221aust222aust223aust224aust225aust226aust227aust228aust229aust230aust230aust1000aust1001aust1002aust1003aust1004aust1005aust1006aust1007aust1018aust1019aust1020

 

VOLANTE MERCEDES DE F 1

VOLANTE MERCEDES DE FÓRMULA 1

 

Eis o que Hamilton e Rosberg usam no decorrer das corridas de Fórmula 1 sendo este o modelo utilizado pelos dois pilotos esta época.volantemercedesf1

 

HAMILTON VAI-SE CASAR

LEWIS HAMILTON VAI-SE CASAR

 

Foi a noticia "bomba" do paddock do Grande P´remio da Austrália, o piloto inglês Lewis Hamilton vai-se casar em breve com Nicole.hamiltonnoivonicolescherzinger

 

KOBAIASHI PROMOVE AIR ASIA

KOBAIASHI PROMOVE AIR ASIA

 

O piloto japonês da equipa de Fórmula 1 da caterham, esteve envolvido numa acção de promoção da Air Asia, um dos patrocionaodres da equipa, na promoção de rotas desta companhia de aviação asiática.kobaiashiemacaopromoao1kobaiashiemaccoapromoao2

 

SEGUNDO OS CÁLCULOS DA PIRELLI

 

2014 Australian Grand Prix - Race

 


DOIS pit stops PARA A ABERTURA GRAND PRIX DE UMA MARCA NOVA ERA

 


Mármores, granulação bolhas e todos reduzidos a ano passado em comparação
como previsto pela Pirelli , o Grande Prêmio da Austrália Concluído com dois pit stops , Seguir Geralmente uma estratégia de médio -soft suave que foi escolhido pelo vencedor da corrida de Nico Rosberg ( Mercedes ), assim como os outros dois pódio : Daniel Ricciardo (Red Bull) e Kevin Magnussen (McLaren ) .
Dos mármores "e fenômeno de bolhas foram grandemente reduzidos , juntamente com a granulação . Na verdade, este era visto apenas no pneu dianteiro esquerdo de alguns carros : incluindo o de Rosberg .
Assim como carro set-up, granulação - um fenômeno que sempre esteve presente na Fórmula Um - é causado por baixas temperaturas. O Grande Prêmio da Austrália não ultrapassou a temperatura do ar de 20 graus e temperatura da pista de 27 graus centígrados visto no início 05:00 , com termos Progressivamente arrefecimento como a corrida prosseguiu.
No entanto, todos os pneus tiveram um forte desempenho do início ao fim , em linha com as expectativas antes do início do Grand Prix, apesar de uma sessão de qualificação de ontem que estava sendo molhado. Todos os carros começaram a corrida com os pneus macios P Zero Amarelo , com exceção dos da Red Bull, Sebastian Vettel e da Sauber Esteban Gutierrez , você já começou no meio P Zero Branco .
A estratégia de corrida foi influenciado por um período de safety car no início de quatro voltas , a maioria de todos que aos motoristas levaram para fazer pit stops sua abertura antecipada . Jenson Button , da McLaren FOI ble usar estratégia pit stop de maneira muito eficiente , com paradas bem-cronometrada que ajudou a impulsionar a si mesmo a partir de 10 no grid para a quarta posição no final.
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "Em Melbourne , temos sido muito satisfeito com o desempenho dos nossos pneus na primeira corrida de uma nova era da Fórmula Uno. Enquanto a queda da temperatura causou alguma calculado granulação luz inédita de On pneus dianteiros esquerdo Alguns dos carros , que não era particularmente grave e Quem realmente não afetar o stint comprimento. Na maioria dos casos , desapareceu como o período continuou. O pneu médio, usado pela maior parte no final da corrida, coberto metade da distância total passablement para muitos motoristas e realizada de forma muito consistente . A corrida equipes de todo- têm o mesmo desafio e estamos ainda bem no início da temporada, onde os engenheiros trabalham para maximizar a estrutura e pacote de desempenho dos pneus. "
Vezes mais rápido do dia pelo composto :
 Suave Médio Intermediário Wet
Primeiro ROS - BOT 1.32.478 - 1.32.568 N / A N / A
Segundo KVY - ALO 1.32.634 - 1.32.616 N / A N / A
Terceiro PER - ROS 1.33.366 - 1.32.672 N / A N / A
Longest stint da corrida:
Período Suave 35 (A Sutil )
Meio período de 25 (Button J)
Intermediário N / D
Wet N / A
Verdade -O- Meter:
Com a maioria dos qualificadas detidas em tempo de chuva , era difícil prever com certeza a estratégia exata ano. Teoricamente , começamos no macio Said, muda para o aplicativo novamente na volta 23 , e depois para o meio na volta 51. Aponte o safety car cedo jogou o padrão ligeiramente fora dos eixos , com a primeira parada de Rosberg para Comentários outro conjunto de softs na volta 12 ea parada final para o meio na volta 38. O top 10 tudo usado um padrão soft- soft- médio, com exceção de Kvyat em 10 Você já foi para - soft- médio macio.

 

Google Tradutoraust25aust26aust27aust28aust29aust30aust40aust41aust42aust43aust44aust45aust46aust47aust50aust51aust52aust53aust60aust61aust62aust63aust64aust65

 

 

OS PLANOS DA PIRELLI PARA O G.P.AUSTRALIA

 

2014 Australian Grand Prix - A partir de pneus line-up


Nos 2.014 motoristas Grande Prêmio da Austrália começou os pneus sobre o seguinte:

aust1aust2aust3aust4aust5aust6aust7aust10aust12aust14aust15aust16aust17aust18aust19aust20aust22aust23aust24
  Hamilton macio
  Ricciardo macio
  Rosberg macio
  Magnussen macio
  Alonso macio
  Vergne macio
  Hulkenberg macio
  Kvyat macio
  Massa macia
  Botão macio
  Raikkonen macio
  Vettel Médio
  Sutil macio
  Kobayashi macio
  Bottas macio
  Perez macio
  Chilton macio
  Bianchi macio
  Ericsson macio
  Grosjean macio
  Gutierrez Médio
  Maldonado macio

 

VETTEL E HAMILTON COM A MESMA SORTE NA AUSTRÁLIA

Sebastian Vettel (Red Bull) abandona Grande Prémio da Austrália de F1

Sebastian Vettel, que largou do 12.º posto da grelha, deixou o circuito de Melbourne após cumpridas as primeiras cinco voltas, pouco depois do que fez o piloto britânico Lewis Hamilton (Mercedes-AMG), que abandonou a prova por problemas mecânicos.

"Tivemos um problema com o motor, não tem potência. Toda a unidade de potência está disfuncional e, por isso, não podemos correr ", afirmou o piloto alemão, pouco depois de sair das boxes.

Agência Lusa

 

Piloto britânico Lewis Hamilton abandona Grande Prémio da Austrália de F1

O piloto britânico deixou o circuito Albert Park de Melbourne na quarta volta.

Após perder a liderança na saída para o seu companheiro, o alemão Nico Rosberg, Hamilton foi perdendo posições até receber uma mensagem da equipa a notificá-lo que tinha que abandonar a corrida por problemas mecânicos no seu monolugar.

Agência Lusa

 

ROSBERG VENCE G.P.AUSTRÁLIA

Nico Rosberg ganha Grande Prémio da Austrália

Rosberg bateu o australiano Daniel Ricciardo, que ficou em segundo na sua primeira corrida pela Red Bull, com Kevin Magnussen da Maclaren a conquistar o terceiro lugar.

O campeão do mundo Sebastian Vettel e Lewis Hamilton, que saiu da "pole position", desistiram da corrida devido a problemas mecânicos.

Agência Lusa

 

RICCIARDO DESQUALIFICADO NA AUSTRÁLIA

Daniel Ricciardo é desqualificado e perde segundo lugar

 

Com a desclassificação de Ricciardo, o mexicano Sérgio Perez (Force India) fechou os lugares pontuáveis, na 10.ª posição.

Daniel Ricciardo é desqualificado e perde segundo lugar

O australiano Daniel Ricciardo (Red Bull) foi hoje desclassificado e perdeu o segundo lugar conquistado no Grande Prémio da Austrália, primeira prova do campeonato do Mundo de fórmula 1.

Numa prova para esquecer para a Red Bull, dominadora dos últimos mundiais, Ricciardo foi penalizado por não ter cumprido as novas regras de uso de combustível, depois de o alemão Sebastian Vettel, tetracampeão mundial, ter desistido na quinta volta.

A McLaren acabou por ser a grande beneficiada desta decisão, uma vez que coloca os seus dois carros no pódio, com o estreante Kevin Magnussen, o primeiro dinamarquês a alcançar um top-3 na fórmula 1, a ser segundo e o britânico Jenson Button, antigo campeão do Mundo.

Numa corrida ganha pelo alemão Nico Rosberg (Mercedes), o espanhol Fernando Alonso (Ferrari) subiu ao quarto lugar, seguido do finlandês Valteri Bottas (Williams), do alemão Nico Hulkenberg (Forde India), do finlandês Kimi Raikonnen (Ferrari) e do francês Jean-Eric Vergne (Toro Rosso).

Na nona posição, o russo Daniil Kvyat (Toro Rosso) tornou-se no mais novo de sempre a pontuar, com 19 anos e 324 dias, menos 25 do que os que tinha Vettel quando pontuou pela primeira vez.


Conteúdo publicado por SportInforma c/ Lusa

 

SEGUNDO A PREVISÃO DA PIRELLI

 

CINTURATO MOLHADO NO PÓLO AZUL , VERDE INTERMEDIÁRIO SEGUNDA CINTURATO


Mais Chuva provável AMANHÃ , COM UMA VASTA GAMA DE ESTRATÉGIAS

 


A primeira sessão de qualificação do ano marcou a estréia dos novos pneus de chuva da Pirelli - tempo : o azul Cinturato completo molhado eo intermediário Cinturato Verde . Estes pneus Alegou poste e segundo lugar , respectivamente , na Mercedes de Lewis Hamilton ea Red Bull de Daniel Ricciardo . Até hoje , os pneus wet- tempo não tinha funcionado , com a exceção de alguns lapso no primeiro teste do ano em uma pista artificial umedecido em Jerez.
Previsões indicato que provavelmente mais chuva é amanhã , ou seja, opções de estratégia estão abertas se a chuva intermitente e, às vezes pesado visto no Q2 e Q3 hoje continua ( com a chuva tendo iniciado à direita no final do Q1) . Em caso de condições secas mais improváveis ​​dois pit stops por carro é , teoricamente, a estratégia mais rápida . O meio P Zero Branco e P Zero Amarelo pneus macios foram nomeados para o fim de semana .
Tanto o intermediário e molhado pneus -ter- sido redesenhado para a última geração de carros de Fórmula Um , com maior torque aerodinâmico reduzido objetivo downforce . Em particular, o novo pneu Cinturato molhado agora dispersos 65 litros por segundo de água a toda velocidade : acima de 60 litros por segundo no ano passado.
Durante a sessão final, Q3 a pista estava exatamente no cruzamento entre o ponto intermediário e úmido , com ambos os tipos de pneu a revelar-se extremamente competitivo , como visto pelo make-up de primeira fila. No entanto, este tornou-se pontos de cruzamento WIDER este ano, como resultado do trabalho da Pirelli sobre a última temporada e no inverno para estender o alcance útil do pneu molhado. Dependendo das estratégias que cada equipe seleciona , ambas, pode ser usado pneus se chover amanhã .
Por causa das condições molhadas no Q3, os drivers não foram ble usar o conjunto extra de pneus macios sob o último acto de qualificação ou a . Normalmente, este ano , os motoristas começam a corrida com pneus seria o que eles usaram para definir seu melhor tempo no Q2 , se objetivos da tese são intermediários ou molha , não é uma escolha livre de pneus para o início da corrida.
O piloto da Mercedes Nico Rosberg mais rápido Fui na sessão de treinos livres seca, usando o pneu macio para bater Jenson Button o segundo colocado (McLaren ) por 1.391s .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "Hoje nós finalmente conseguimos ver o ritmo relativo de todos os carros propósito fator complicador foi a chuva . Esta foi a primeira vez que os pneus intermediários e molhados tinha funcionado desde uma breve sessão de testes em Jerez e às previsões , parece que nós estaremos vendo mais deles neste fim de semana . Vamos esperar para ouvir o feedback preciso das equipes , o objetivo do que podemos ver até agora , estamos satisfeitos com os níveis de desempenho dos intermediários e molha nas 2.014 carros. Apesar da complexidade desses revolucionário novas máquinas , as equipes - se executar de forma confiável e fortemente na qualificação. Objetivo termos de hoje será o representante do resto da temporada , por isso ainda é difícil tirar conclusões definitivas qualquer porque o ritmo de corrida real será Definindo um fator nesta temporada. Vimos um número de diferentes abordagens na Q3, com intermediários e molha completos Ambos usados ​​pelo top 10. Em particular, o trabalho de desenvolvimento que - ter concluído no pneu molhado e testado em carros da geração anterior parece - transferiram através de melhorias para a Formula One 2014 " .
A estratégia preditor Pirelli :
Estratégia vai depender do tempo pesadamente, com um risco de chuva Continua amanhã . Se ficar seco , seria de esperar a estratégia a seguir para ser mais rápida para a corrida de 58 voltas : comece nos moles, alterações no aplicativo novamente na volta 23 , alterações no meio para o turno final na volta 51.
Compostos mais rápidos FP3 :
Rosberg 1m29.375s suave Nova
Novas 1m30.766s botão virtual
Alonso 1m30.876s suave Nova
Top 10 utilização de pneus :
 Hamilton 1m44.231s Nova Wet
 Ricciardo 1m44.548s novo Intermediate
 Rosberg 1m44.595s novo Wet
 Magnussen 1m45.745s novo Wet
 Alonso 1m45.819s novo Wet
 Vergne 1m45.864s novo Intermediate
 Hulkenberg 1m46.030s novo intermdiate
 Kvyat 1m47.368s novo Wet
 Massa 1m48.079s novo Intermediate
 Bottas 1m48.147s novo Wet

 

Google Tradutoraust86aust87aust88aust89aust90aust91aust92aust93aust94aust100aust101aust102aust103aust104aust105aust106aust107aust108aust109aust110aust111aust112aust118aust119aust300aust301aust302aust303aust304aust307aust500

 

HAMILTON NA FRENTE NA AUSTRÁLIA

HAMILTON NA FRENTE NA AUSTRÁLIA

 

O Mercedes de Hamilton fez o melhor tempo na derradeira sessão de treinos oficiais do Grande Prémio da Austrália, tendo a seu lado o surprendente Red Bull Renault de Ricciardo, e o seu colega de euipa Rosberg.

 

Na 4ª posição foi para o McLaren de magunssen, que irá ter a seu lado o Ferrari de Alonso, que por sua vez tem atrás de si Vergne e Hulkenberg.De forma a completar o "top ten", de seguida surge o estreante Kvyat, e os Williams de de Massa e BOtas.aust17aust20aust22aust30aust31aust40aust41aust42aust43aust44aust45aust46aust47aust48aust49aust50aust51aust52aust53aust54aust55aust57aust58aust59aust60aust61aust70aust71aust72aust73aust74aust75aust76aust77aust78aust80aust81aust82aust83aust84aust85

 

 

AS PREVISÕES DA PIRELLI PARA G.P.AUSTRÁLIA

 

2014 Australian Grand Prix - Prática Sessões


NOVA ERA DE FORMULA ONE AND NEW Gama de pneus faz estréia
EM MELBOURNE


Dois segundos por volta SEPARADO MEDIUM SOFT E COMPOSTOS


PNEUS novas regras para a qualificação em 2014 UM CONJUNTO EXTRA NA Q3


Melbourne , 14, Março 2014 - Formula One entrou em uma era fresco, com o início das novas Règlements de pneus para 2014 hoje. A nova regra afeta primeiro treino livre , com as equipes agora permitido um jogo extra de pneus para ser usado nos primeiros 30 minutos de FP1 só : sempre do composto mais duro dos dois nomeados.
Graças à nova tese regras houve aumento consecutivo, um montante total de 937 sessões ao longo dos dois hoje. O meio P Zero Branco e P Zero pneus amarelos que foram nomeados para o Grande Prêmio da Austrália apresentada nenhuma bolhas ou granulação , com a diferença de desempenho entre os dois compostos Atualmente na área de dois segundos.
As novas regras de pneus aussi incluem um conjunto extra de pneus de compostos mais macios para todos os carros em qualificação. Estes só podem ser usados ​​no Q3, eficaz, que eles têm de ser devolvidos à Pirelli . Essa meta das equipes não passar ao Q3 pode mantê-los a usar para a corrida. Assim, no total , todas as 13 equipes estão agora atribuídos Ao invés de 11 conjuntos de pneus lisos para todas as corridas deste ano.
Durante a primeira sessão de treinos livres desta manhã as equipes só usou o pneu médio , antes de passar para o pneu macio meia hora para a segunda sessão. Com tantos novos aspectos para os carros este ano , as equipes se concentraram em Completando tanto correndo quanto possível , com ambos os compostos foram variedade de cargas de combustível , a fim de avaliar o seu ritmo de corrida Provável .
Condições Permaneceu seco e quente durante duas sessões , com um pico de 24 graus ambiente e 40 graus de temperatura da pista caindo em FP2 . Existe o risco de chuva para amanhã e domingo , porém, o que significa que os intermediários Cinturato Verdes e Cinturato Azul molha completo pode ser visto pela primeira vez .
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse : "Pelo que podemos ver até agora , estávamos satisfeitos com o desempenho e degradação dos compostos médios e macios, ambos, de Todos os que são chamadas completamente este novo ano . A degradação do pneu médio é muito baixo, com a degradação no macio ligeiramente superior. Vimos há bolhas ou granulação em tudo hoje e aussi Menos mármores , então até agora tem que colocamos o nosso objetivo. Os novos pneus Règlements SCCM - ter funcionado bem até agora, com os fãs ble para ver mais dos carros na pista , Tudo que era exatamente a intenção . "
FP1 : FP2 :
1.Alonso 1m31.840s Nova Meio 1 . Hamilton 1m29.625s suave Nova
2.Button 1m32.357s meio utilizado 2. Rosberg 1m29.782s suave Nova
3.Bottas 1m32.403s meio utilizado 3. Alonso 1m30.132s suave Nova
Estatísticas de pneus do dia :
 Médio Macio Intermediate Wet
kms conduzido * 3165 1803 0 0
conjuntos usados ​​em geral ** 55 19 0 0
Maior número de período ** 26 25 0 0
* O texto acima dá o número total de quilómetros percorridos FP1 e FP2 Valor hoje , todos os drivers combinados .
Por ** composto , todos os drivers combinado .
Pirelli fato do dia :
No ano passado , as equipes usado pneus Pirelli Aproximadamente 20.900 , Tudo o que equivale a 5.225 conjuntos . Se tese Eram pneus empilhados em cima uns dos outros " , eles iriam chegar a 6.270 metros - ou mais do que 7,5 vezes mais alto que o mais alto edifício do mundo .

 

Google Tradutoraust1aust2AUST3aust4aust5aust6aust7aust8aust9aust10aust11aust12aust14aust15

 

HAMILTON EM ACÇÕES PROFISSIONAIS

HAMILTON EM ACÇÕES PROFISSIONAIS

 

 

Lewis Hamilton esteve deveras ocupado dias antes do Grande Prémio da Austrália em diversas acções de promoção, de diferentes marcas que apoiam o piloto britânico, e a sua equipa de F 1.hamilton1hamilton2hamilton3hamilton4

 

NOVA DECORAÇÃO CAPACETE DE HAMILTON

NOVA DECORAÇÃO NO CAPACETE DE HAMILTON

 

Será esta decoração do capacete de Lewin Hamilton no Grande Prémio da Austrália já este fim de semana.capacetehamiltonaustralia2capacetehamiltonaustralia2014

 
Mais artigos...

João Raposo

Telemóvel: +351 961 686 867
E-mail: jraposo-air@portugalmail.pt